#

A visita do amigo do meu marido

1265 palavras | 7 |4.27

Ola amado, tudo bem?, espero que sim!. Estou novamente aqui para contar sobre uma das visitas que o Paulo me fez, amigo do meu marido, na verdade o melhor amigo dele e meu agora kkkk. Na verdade ele se tornou meu comedor, já contei como ele acabou se tornando. Meu marido nem sonha com isso, mas eu sei que ele me dá essa liberdade, porém não falo para ele que usufruo dessa liberdade.

Tudo aconteceu em uma tarde de domingo, meu esposo e o meu filho nesse dia, tinham que ir a um aniversário de um outro colega de serviço dele, como eu sei que essas festinhas são mais para os funcionários e para eles curtirem a festa a vontade e resolvi não ir. Chegando a hora marcada eles foram.
Sempre fico de camisola curtinha em casa,(para quem quiser enviou a foto, por email ou whatsapp), ainda mais sozinha, estava deitada no sofá, na qual saltei ao ouvir baterem palmas em casa, quando vejo quem era, meu coração quase sai pela boca, minha sorte é que eu estava de boca fechada. Era ele o Meu comedor, estava na frente da minha casa, fui tomada por um misto de alegria e medo, troquei de roupa e sai para atendê-lo, embora o tempo estava meio fechado, ele todo a vontade: de bermuda jeans e camiseta regata, com seu cavanhaque que aprendi a amar, muito cheiroso, um belo macho.
Oi Ma, ?!, cumprimentando com sua voz grave e complementou, o Vandão esta?
Eu como uma ótima anfitriã, fui abrindo o portão e convidando para entrar, mas dizendo que o seu melhor amigo não estava, minha mente de putinha já pensou muitas coisas ali só nós dois. Porém, fiquei com medo do meu marido e filho voltarem logo, pois não queria que meu amado esposo percebesse que eu estava dando para seu amigo, mas na verdade eu estava morrendo de desejo de dar para ele ali, mas devido ao meu medo, eu me segurei e ele também. Ficamos sentados de frente um para o outro na varanda, caso chegasse alguém poderia ver que estávamos distante um do outro, conversando como bons amigos, mas morrendo de vontade de estar trelada com ele, igual a uma cadela no cio!!!. Para provocar o meu comedor, eu estando de saia, volta e meia abria as minhas pernas, com o objetivo de deixar ele ver minha calcinha de renda vermelha e ver ele ficar de pau duro, adoro o pau dele, é lindo, suculento, cheio de veias, grande, um belo pau.
Ele vendo a minha calcinha disse:
-Minha putinha para de me provocar, se não vou te fuder! diante das suas ameaças em pensamento falava vem, mas dizia que não podia, que era perigoso, então fechava as pernas e ficava comportada de novo. Diante dessa nossa brincadeira gostosa, não percebemos que o tempo fechou de vez e começou a cair um temporal. Paulo como estava de moto, não teve como ele ir, teve que guardar ela na varanda, devido ao vento forte tivemos que entrar, foi só a conta de eu fechar a porta na chave, meu comedor já veio, por trás de mim me encoxando, com umas das mãos segurando meu peitos esquerdo e com a outra mão por baixo invadindo a minha blusa e alisando o bico do meu peito direito, ooohh deliciaaaaa!. Ele sabe que meu ponto fraco são meus seios, nisso senti minha bucetinha melar a calcinha vermelha de renda que estava ao ouvir ele dizer:
-Me provoca agora biscate, que você vai ver o que vou fazer com você aqui na sua casa!, adoro ser xingada de puta, biscate, safada, me dá mais tesão e ai eu me solto e disse a ele:
Não vou te provocar, vou dar para vc meu macho! Virei e nos beijamos como dois namorados, como marido e mulher apaixonados!, durante essa troca de beijos, fomos nos desvencilhando das roupas, quando lembrei de mandar um mensagem para meu esposo, com desculpa para saber se estava chovendo onde ele estava e para saber se ele iria demorar para voltar, enquanto eu digitava a mensagem sentada no sofá só de calcinha e blusa, paulo não perdeu tempo e me falou:
Putinha, duvido você abrir as pernas agora para mim?
Como não gosto que duvidem da minha pessoa, eu não abri, eu arreganhei as minhas pernas, dando livre acesso para ele à minha buceta. Vendo que minha calcinha estava ensopada de mel de tesão, tirou ela de lado e iniciou um vai e vem de baixo para cima na minha xoxotinha, que eu quase não conseguia digitar a mensagem, uma mistura da língua e a barda passeando na minha grutinha, que eu tremia de tão delicioso que estava, terminei de enviar a mensagem e vi que lá também estava um temporal que, ele iria demorar, joguei o celular no outro sofá, e comecei a segurar a cabeço do Paulo e direcionei para ele começar a passar a língua do meu cuzinho até o meu grelinho, amo quando ele faz isso, estava tão gostoso que eu falei para ele parar senão eu iria gozar na boca dele.
Atendendo o meu pedido ele disse:
-você hoje vai gozar no meu pau de novo, e sentou no sofá com aquele pau maravilhoso apontando para o teto, eu como uma cadela adestrada fui e me posicionei de frente para ele, com a mão esquerda fui e peguei no seu pau e comecei a pincelar a cabeça daquela rola majestosa, não portinha da minha xaninha, até que teve um momento que soltei o meu corpo e o pau dele entrou tudo e rasgando ao sentir toda aquela pica dentro de mim, soltei um gemido de alívio oooooh, dizendo, nossa que delicia de rola e fui e beijei ele, como se fosse meu marido, mas na verdade ele é meu comedor, depois desse beijo intenso, comecei a cavalgar como uma amazonas cavalga o seu garanhão, sentindo entrar e sair aquele cacete, logo em seguida ele me disse
– Fica de 4 para eu fuder a sua buceta aqui no sofá!
saí e me posicionei de 4, num instante senti sendo invadida por sua pica de novo, parecia que estava o dobro de tamanho!. Ele dava estocadas forte e firme na minha bucetinha, que sentia a cabeça rosada do seu pau tocar a entrada do meu útero, amo sentir essa sensação de estar sendo bem fudida, ele puxava o meu cabelo e falava:
Ai Ma, como vc é uma puta de uma gostosa, amo fuder a sua buceta, uhuuuuuu delicia, comer a esposa do meu melhor amigo é uma delicia e na casa dele da mais tesao ainda,!!!!!!
eu sentindo ser penetrada de 4 ali no sofá na sala de nossa casa, ficava louca me dava mais tesão e pedia para ele falando:
Está gostoso comer a minha bucetinha, meu macho?, esta? isso mete mais, mete gostoso na esposa do seu amigo! vaaaaiii isso fooode ela!, vai! Ela é sua puta!
Foodde bemm a xoxota da esposinhaaaa do seu melhor amigooo, meteee esse caralhoooo todo nela, meu machooo!!! uhhhiiii delicia sentir seu pau me arrombando, vou gozaaaaaaaaaaarrr, uuuuuuuuuuuuhhhhhhhiiiiiii no seu pauuuuuuuu, nossa como é gostosooooooo dar pra vcccc, aiiiiiiiii,aiiiiiii vc me deixa mole me fazendoo gozaaaaaaaaarrrrrrr!!!! gostosoooooooo!!!!!!
fiquei ali deitada no sofá toda gozada e suada sendo carinhada por meu comerdor gostosooo!!!

⏩ O melhor site de desenhos animados pornô do 🇧🇷, HQs eróticas🔥

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,27 de 26 votos)

#
Comente e avalie para incentivar o autor

7 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Chupar bucetinha ID:8kqvwn5zri

    Ótimo conto imagino como deve ser
    Manda umas fotos Emil
    [email protected]

  • Responder Ksal ID:1dai091mv2

    Adorei seu conto! Fico imaginando o quão delicia vc é… Me envie uma foto por email, [email protected]

  • Responder Lúcido ID:funxtr6ij

    Piranha tem q morrer com tiro na cara

  • Responder Carlos ID:40vou7wczrb

    Delícia de conto
    Vc deve ser muito deliciosa

  • Responder Casado19cm ID:gqb65nn8m

    Delicia safada
    Manda foto por email por favor kkkk
    [email protected]
    Quero gozar pra vc..

  • Responder Jr 18 ID:2ql4cbtzk

    Que delícia de conto, parabéns, se quiser pode mandar sua foto [email protected]

  • Responder Ricardo ID:gsv3mkehj

    Ótimo conto me mande fts qual email?