# # # #

Meu filho no glory hole no shopping

1069 palavras | 15 |4.79
Por

Meu filhinho de 7 anos chupando picas de homens desconhecidos no banheiro do shopping

Me chamo Breno e tenho 36 anos, 1.90cm e corpo normal, tenho um filho de 7 anos chamado de Hugo e ele aparenta ser bem mais novo, bom sou divorciado há 3 anos e tenho a guarda compartilhada com a minha ex mulher, durante a pandemia acabei iniciando meu filho, abusava dele na hora do banho, metendo dedo no seu cuzinho apertadinho, outrora dava minha pica pra ele mamar e gozar bem gostoso na sua boquinha, mas o foco da história não é essa. Quando a pandemia deu uma melhorada comecei a sair de casa com o Hugo, ia no parque, fazíamos piquenique, passamos no shopping, ver filmes no cinema, esses programas que toda criança gosta.

Certo dia fomos para o shopping, o único aqui da minha cidade, para assistirmos algum filme que eu não lembro agora e comer alguma besteira, certo momento meu filho pediu para ir ao banheiro, pois queria mijar, estávamos no terceiro andar do shopping e logo este andar os banheiros é conhecido por ter bastante putaria, nunca frequentei eles, mas só ouço falar de alguns caras que são pegos fodedo ou chupando pica. Levei meu filho ao banheiro, tinha uns homens no mictório e na cabine só tinha duas livres, entrei em uma e ajudei o Hugo a mirar o pauzinho dele no vaso, fiquei olhando pras paredes da cabine e vi que do meu lado direito tinha um buraco onde eu conseguia ver quem estava do outro lado e logo vi um homem batendo punheta sentado no vaso e logo começou a me dar tesão, estava em transe olhando aquela pica pensando mil coisas, fui despertado com meu filho me chamando avisando que tinha terminado, balancei o piruzinho dele, abaixei a tampa do vaso e sentei ele, com várias putarias passando na cabeça, meti meus dois dedos no buraco da cabine chamando atenção do homem que prontamente botou sua pica.

O pau deveria ter uns 17cm e bem grossinho, agarrei nele e comecei uma punhetinha de leve, meu filho estava olhando vidrado num pau novo, prontamente coloquei ele ao meu lado e fiz ele segurar aquele cacete, Hugo sabia muito bem o que fazer, mas ficou olhando para mim como se quisesse algum tipo de autorização, empurrei a cabeça dele e rapidamente cobriu a cabeçona com a boca, ouvi o cara dar um gemido meio alto, o Hugo chupava com gosto, sugava que nem mamadeira, eu estava louca vendo Hugo dando um trato em outro macho, tirei o meu pau pra fora e fiquei batendo uma assistindo aquela cena, deve ter durado uns 5 minutos quando vi a pica do homem desconhecido pulsar liberando seu leite na boquinha do meu filho que tomou tudo sem deixar escorrer uma gota, já com o pau amolecendo o homem tirou e meu filho ficou meio frustrado porque continuava mamando e logo sentei ele no vaso e botei ele para me mamar, eu ensinei ele muito bem, não tem coisa melhor do que boquinha de criança, do outro lado ouvi a descarga e a porta se abrindo, gozei como nunca e como uma boa putinha não deixou escapar nada também, limpei ele, me arrumei e saímos, na pia havia um homem lavando as mãos e ao me ver saindo da cabine me olhou com cara de safado e deu uma piscadinha pro meu filho que sorriu para o homem, lavamos nossas mãos e saímos.

Passando alguns dias, voltamos pro shopping e agora com as intenções bem nítidas, antes de irmos embora, fomos ao banheiro novamente, tinha apenas uma cabine livre e entrei nela com o Hugo, nessa as duas parentes tinham buracos, tratei de olhar a da esquerda e tinha um homem mijando e na outra um cara totalmente pelado com o pau duraço de frente para o buraco, fiz a mesma coisa do outro dia, meti o dedo e logo a pica apareceu, essa era bem grande e um pouco grossa, devia ter uns 20cm, sem eu nem falar nada o Hugo já estava com a rola do homem na mão batendo uma e afoito já meteu a boca, chupou tanto que ele já estava começando a ficar com o maxilar doendo, vendo que o homem não ia gozar rápido, tirei ele e comecei a tirar sua roupa, o homem do outro lado parecia que sabia o que estava por vim tirou sua pica e logo voltando com a camisinha colocada, o Hugo não alcançaria nunca aquilo sozinho, cuspi no pau do homem e no cuzinho do meu filho, o segurei em meus braços e direcionei aquela rola em direção ao seu cuzinho, entrou com certa dificuldade, mas o cara foi bem devagar, meu filho dava uns gemidos de dor e prazer, quando entrou tudo eu nem acreditei, eu mesmo comecei a fazer os movimentos levando o Hugo pra frente e pra trás, logo o cara percebeu e começou a foder com mais rapidez, meu filho gemia bastante e eu estava ficando louco com tudo aquilo, meu filho ali no banheiro do shopping dando o rabo para um homem desconhecido, foram 10 minutos de muita socada no rabinho do meu filhote que estava molinho em meus braços, o homem parou de meter e ficou parado um tempo, percebi que estava gozando, ao retirar vi a camisinha lotada de porra.

Tirei minha calça e cueca, sentei no vaso e botei o Hugo em meu colo, meu pau já bastante lubrificado com tanto de baba soquei rola pra dentro do meu filhote, ele ficou abraçado em mim enquanto eu socava, não demorei muito e despejei uns 6 jatos de porra no seu cuzinho, fiquei mole igual meu filho, fiquei ali grudado nele até meu cacete amolecer, limpei ele, mas deixei meu gozo dentro do seu rabinho até chegar em casa, nós vestimos e abri a cabine e fui embora com ele no meu colo, cheguei em casa começando a tirar as suas peças de roupa, deitei no sofá mesmo e botei o rabinho do meu filho da minha cara e mandei ele soltar a porra, chupei o seu cuzinho com a minha porra saindo que nem louco, deixei o rabinho gostoso da minha cria bem limpinho para meter novamente mais tarde.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,79 de 58 votos)

Por # # # #
Comente e avalie para incentivar o autor

15 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder lous ID:81ri9kthrk2

    fala de ond? eh real ou ficticio? sou garotao, ja pensou em comaprtilhar ele cmg?

  • Responder Maxx! ID:3ynzguyzfi94

    Ótimo conto

  • Responder HDNA ID:40voppw4xic4

    Conta mais

  • Responder Guido ID:1dai6pz8ril

    Tesao

  • Responder Passivo SP ID:mujlmj9m2m

    Também comecei a mamar com 7 anos

  • Responder Branquinho ID:dlo3mj9qj1

    Continua

    • Teobaldo ID:8310osafi92

      Ese es un buen padre. El niño es una puta. Eso está claro. El padre lo disfruta con otros machos adultos, la perra puta, feliz.

  • Responder . ID:g3ja3lfidl

    meu sonho um pai que me de o filho pra usar mano. alimentar a criança com porra da pica desde q nascer pra crescer acostumado com leite

  • Responder Paizão ID:44oehuecfid5

    Tem que ir no wc e segurar o pau do menino de 7 anos pra mijar? Ele não mija sozinho?
    O foda desses contos é que os caras inventam uma história sobre teens, mas não convivem com crianças.
    Acham que criança de 7 anos não tem autonomia.

    • Mimadinho ID:gsufq2m9b3

      Mas amore, as vezes o próprio site muda a idade, pode ser que ele tenha escrito o menino com menos idade, a idade mínima acho que é 7 anos

    • @H486256 (telegram) ID:fi19tf6ico

      Essa história é tão absurda em tantos níveis que é difícil acreditar. Se fosse banheiro de metrô)terminal de ônibus ou até mesmo de rodoviária eu acreditava. Mas de shopping? É brincar com a nossa cara. Já começa errado aí e só piora

    • O eclético ID:gp1f797v27

      H486256, se eu te contasse as trepadas que eu vía da molecada nos banheiros do Shopping Tatuapé, você ia pirar. Naquela época a garotada gay se reunia muito no shopping e nas praças. Certa vez um moleque passou de um banheiro a outro passando pelo meu enquanto eu mijava. Quando eu fui dar uma olhada por baixo (os banheiros do shopping tem divisórias de MDF uns 25 cm acima do piso), um moleque estava metendo no outro. Dois garotos de 13 ou 14 anos, no máximo.

  • Responder Caiçara ID:fi07cbmm43

    Conta como começou

  • Responder Safado ID:gsue160hji

    Conta como foi iniciar ele

  • Responder @Rod1092 ID:41igmhh18rcm

    Delícia demais