# # #

Levei minha filha de 13 anos em uma sessão BDSM(parte 1)

2691 palavras | 18 |4.20
Por

Essa foi a segunda vez que voltei nesse dominador,e a última na verdader rsrs,acabei levando minha filha pela curiosidade dela

Combinei com Maurício para sábado a noite 22h , Maurício falou par seu ir usando um vestido e de salto alto,tomei banho e me arrumei,minha filha perguntou se devia usar algo diferente falei que não,usa uma roupa normal,ela pegou um shortinho branco curto e uma blusinha azul marinho,escolhi um vestido vermelho florido decotado,e salto alto,uma calcinha preta sem sutiã.conversei com minha filha,ele não ia tocar nela de jeito nenhum, qualquer coisa era para ligar para a “tia”(minha amiga) dela deixar uma msg já programada caso acontecesse algo,falei para não se assustar tb.
Chegou 21:30 e chamamos um Uber,eu estava tremendo, notei que o o olhar do Uber nos meus seios .Chegamos 21:50,avisei o Maurício,ele abriu o portão e mandou nós entrar ,nos conduziu até a sala de espera,falou para sentarmos e ofereceu água,falei que não queria mas ela falou que não estava pedindo,fiz sinal para minha filha não tomar pq sei lá,nunca se sabe kkk,ele me fez tomar uns 4 copos de água,fiquei pensando o pq disso,ele nos levou para sala BDSM,a sala tem umas argolas na parede para poder prender,no chão TB tem  algumas,uns “puffs”,um parece um banco ,com lugar para prender as mãos e os pés,o outro um que fazia você ficar com a bunda empinada rsrs a sala era espelhada,tinha uma mesa com vários “utensílios”,chicotes,velas,algemas, mordaça, coleira,prendedor de mamilos,tinha uma cadeira,ele foi até uma mesa colocou luvas e pegou uma coleira ,veio até a mim e colocou no meu pescoço,puxou a coleira e me mandou ficar de quatro e fez eu atravessar a sala toda andando de quatro até a parede onde tinha as argolas, prendeu minhas mãos na parede  e meus pés nas argolas do chão,as argolas do chão eram mais afastadas da parede assim fazia eu ficar inclinada— Essa cadelinha tem sido bem desobediente, vou ensinar a ser mais obediente.
ele pegou uma varinha,levantou meu vestido —olha só, tá mais gostosa do que a última vez,tua mãe é uma  delícia hein,tua mãe é uma puta muito gostosa.Ele falou olhando para minha filha.Ele bateu com a vara na minha bunda,senti a dor, senti queimar ele não batia fraco,bateu novamente no outro lado–Que bunda gostosa que você tem heim.deu uma tapa na minha bunda,senti ele abrir ela com a mãos e passar o dedo no meu cuzinho,bateu mais algumas vezes com a vara ,acho que no total foram umas 8x,estava ardendo,cada batida dele eu soltava ahhhh de dor,meus olhos estavam marejados—Tenho uma idéia melhor.Ele me soltou
e me fez ficar de 4 no chão,me puxou até um banquinho declinado,onde dava para deitar ,mas ficava de 4 com o joelhos no chão ,ele prendeu minhas mãos e meus pés falou para minha filha sentar na cadeira.
— essa cadelinha tem sido muito muito desobediente.Ele bateu com a vara em minha bunda,senti a dor e o queimar,olhei no espelho e vi minha filha olhando fixo para nós,com as duas mãos segurando os joelhos,bateu uma,duas três, vezes, já estava perdendo a conta,a dor era tanta ,as lágrimas começaram a escorrer,ele pegou meu cabelo e puxou ,fez meu rosto ficar levantando.
— Já está chorando?nem comecei ainda
Meu deu dois tapas na cara e enfiou seus dedos na minha boca, engasguei ,comecei a babar  ele pegou e esfregou minha saliva no meu rosto,voltou e bateu na minha bunda novamente com a vara sentia minha bunda queimado,ele abaixou minha calcinha,deu mais alguns tapas na minha bunda,ele olhou para.minha filha— tua mãe é uma cadela muito gostosa olha só esse rabo que ela tem .Ele abriu minha bunda,ele cuspiu no meu cu,senti seus dedos entrando em mim, estremeci comecei a gemer,olhei para o lado minha filha olhando aquilo,me deu tesão minha buceta estava molhada sentia escorrer o Melzinho,gemia de tanto tesão que estava sentindo– que cuzinho gostoso dessa piranha.Ele enfiou os dedos bem fundo no meu cuzinho gemia alto,ele pegou deu um tapa na minha bunda— cadelinha safada.
Pegou seus dedos e enfiou na minha boca mandou eu chupar,eu chupava lambia,olhava de canto para mim filha ela parecia hipnotizada, Maurício enfio os dedos até onde consegui, engasguei,quase vomitei,ele passou minha baba na cara novamente e me deu um tapa bem forte no rosto,pegou meu rosto e levantou e olhou para mim ,olhou para minha filha- tua é uma putinha maravilhosa sabia uma verdadeira cadela,a mais gostosa que já tive, né?Bateu na minha cara novamente,abriu minha boca e cuspiu dentro–ENGOLE- me deu outro tapa na cara,cuspiu várias vezes na minha cara e boca.
-Estava esquecendo de algo.Ele foi até a mesa e pegou um plug,pegou e foi e colocou no meu cuzinho de uma vez só, não era muito grande ,mais ou menos do tamanho do que eu tenho em casa,mas como enfiou de uma vez só doeu,mais um gemido de dor–Cala a boca cadelinha,me deu mais um tapa na cara , só vai falar quando eu permitir,meu rosto estava ardido,dolorido pelos tapas ,olhei para minha filha ela está do mesmo jeito olhando para mim.
Ele pegou soltou minha mãos e tirou meu vestido viu que eu estava sem sutiã-que peitos maravilhosos hein, passou a mão neles,apertou meus bicos ,dei um gritinho de dor,outro tapa na cara,ficou apertando meus peitos,ele pegou e colocou dois grampos nos meus peitos com um pesinho,aquilo doía nossa,me prendeu novamente minhas mãos,foi e pegou as velas, começou a derrubar a parafina na minhas costas,aquela dor,chegava a chorar,ele ia derrubando das costas até a bunda,quando caia onde ele tinha batido a dor era muito maior,ele ficou um tempo assim,deixou a vela na mesa e
pegou um brinquedinho ,era comprido mas não muito grosso e mandou eu lamber,comecei a passar a língua,–Lambe direito cadela.outro tapa na cara,voltei a lamber olhava de canto para minha filha ,queria saber o que ela estava pensando,ele mandou eu chupar ,chupei um tempinho de repente ele enfia tudo na minha boca, engasguei,ele começou a força o brinquedo ,comecei a engasgar a babar ,minha baba escorria pela minha boca queixo até começar a formar uma poça no chão,ele enfiou e segurou um tempo,batia com o brinquedo na minha cara me xingava cuspia em mim,ele segurou minha cabeça e forçava contra o brinquedo,sentia que ia vomitar,ele esfregava a babá em meu rosto,minha garganta estava doendo,lágrimas escorriam dos meus olhos,ele enfiava tudo na minha boca,dava tapas na minha cara enfiava quase tudo e ficava segurando,ele foi e pegou uma tigela e deixou embaixo onde estava babando ,daí ele parou e olhou para minha filha——-Vem cá mocinha
Fiquei assustada pensando que ele queria fazer algo com ela,ela olhou para.mim com uma cara de surpresa e receio —pode vir aqui mocinha, não vou fazer nada com você.Minha filha foi em direção a ele,ele pegou na mão dela e trouxe ela para perto–pega aqui.Levou a mão dela até o brinquedo,fez ela segurar–Quer ajudar a deixar essa cadela obediente?Nem deu tempo de ela responder,ele pegou a mão da minha filha  e o brinquedo e  enfiou na minha boca até o final,ficou um tempo segurando,quando tirou caiu um monte de baba no chão pegou e enfiou novamente ficou segurando ,minha baba grudado no brinquedo não mãos deles,ficou enfiando e tirando na minha boca ,eu engasgando, ele pegou a mão da minha filha e enrolou no meu cabelo —Isso ,agora enfia tudo na boca dessa cadela.Pegou a outra mão dela e enfiou tudo, não aguentei e vomitei,os jatos saíram pelo canto da minha boca pelo nariz, foi na mão da minha filha ,um pouco foi na barriga dela sujando sua blusa e shorts no seus tênis ele tirou da minha boca caiu um monte de vômito na tigela no chão,resto de comida, não deu tempo de respirar eles forçou a mão da minha filha ,vomitei novamente,ele pegou a mão dela e lambuzou minha cara com a baba vômito,ele pegou os dedos da minha filha e enfiou na minha garganta, forçou o máximo que deu,vomitei mais um pouco,eu chorava ,-Tua mãe é uma verdadeira puta,parece que ela gostou de me ajudar,limpa a mão dela.Ele me mandou eu lamber a mão da minha filha,fiquei olhando para ela,ele me deu um tapa ,minha filha até se assustou,comecei a lamber a mão dela–Isso putinha.ele.pegou a tigela estava cheia de babá e vômito–Quero que você limpe tudo, não quero que sobre nada.Fiquei super assutada , não sabia o que fazer— Não me faça repetir. Não sabia o que fazer,ele pegou e enfiou meu rosto na tigela ,minha cara ficou toda lambuzada– Então é assim?.Ele pegou um chicote,bateu nas minhas costas, aquilo doía queimava ,dei um grito,minha filha do lado estava com os olhos arregalados,bateu mais algumas vezes –Vai obedecer?pegou a tigela e colocou na minha frente,–LAMBE.Peguei e comecei ,senti nojo,dava ânsia,ele pegou e me chicoteou novamente nas costa e na bunda, não foi fraco, lágrimas escorriam pelo meu rosto,comecei a lamber ,quase cheguei a vomitar novamente,demorei mais limpei quase tudo–Muito bem –assim que eu gosto ,uma cadelinha obediente.Olhei no espelho ,minha cara estava uma bagunça, vermelha,toda cheia de cuspe,vômito, até no meu cabelo.
— Vem Aqui,agora tenho uma ajudante.Ele pegou minha filha pela mão e levou para trás de mim — Vamos foder essa cadelinha.meu medo era que ele tentasse algo com ela,pegou um brinquedo ,era mais ou menos do tamanho que eu tenho em casa 18cm.Ele.pegou e enfiou na minha buceta,senti entrar quase tudo,ele agarrou meu cabelo,e começou a foder minha buceta,todos com força,eu ainda estava meio baqueada,tossia ,cuspia no chão
Isso ,enfia na bucetinha dessa cadela gostosa.Minha filha estava segurando o pau de borracha ,Ele pós a mão em cima da minha filha ,e enfiou na minha buceta com força dei um grito de dor,levei um tapa na cara– Não mandei você gritar.Ele voltou pegou a mão da minha filha e começou a enfiar novamente,gemia ,gritava mais baixinho—Isso mocinha fode tua mãe fode.—Assim mais forte ,pode enfiar tudo que ela aguenta.
Sentia entra todo na minha buceta—Olha como ela está molhada,sinal de que está gostando,fode ela fode.Ele deixou minha filha , enfiando em mim e ficou olhando,vi o volume na calça dele ,ele estava gostando daquilo–Mais forte assim,enfia com força que essa puta aguenta,Pegou a mão da minha filha e enfiou forte algumas vezes ,eu só gemia ,sentia a dor,ele dava diversos tapas na minha bunda,ele ficou vendo ela enfiar em mim –melhor pegar um maior ,pq essa bucetinha é bem gulosa,me dá esse.minha filha entregou para ele–Olhe isso essa buceta toda melada,pegou e enfiou os dedos em mim,mostrou seus dedos melados e e ficou na minha boca,lambuzou meu rosto,ele foi até a mesa pegar outro Brinquedo,o que ele pegou era maior ,e bem,mais bem grosso,me deu um frio na barriga,o que eu tinha em casa era grande mais esse era mais largo,olhei para minha filha, ela não estava assustada estava com um semblante normal,sua roupa estava suja onde eu tinha vomitado,ele voltou e foi colocando em mim,senti uma dor, aquele negócio rasgando minha buceta,gemi gritei aaaaaaahhhhhhhaiii—Isso ,grita,grita,pode gritar agora que me deixa com tesão.Foi enfiando , até onde deu,tirou tudo enfiava e tirava ,sentia minha buceta abrindo –Olha só isso,que maravilha esse buraco,acho que cabe minha mão aí.Senti ele enfiando os dedos,2,3,4, aquele barulhinho da buceta molhada–Minha mão é grande ,acho que não vai caber talvez se foder essa buceta um pouco mais.Ele enfiou mais algumas vezes ,tentou colocar a mão dele mas não conseguiu.Vi pelo espelho ele pegando a mão da minha filha,ela ficou com a cara um pouco assustada olhando para mim,senti os dedos dela na minha Ele foi enfiando os dedos da minha filha em mim,senti entrando 2,3,4,ele foi tentando enfiar a mão dela toda,A mão da minha filha estava entrando na minha buceta-Isso fode ela assim ,ele tirava a mão dela e colocava tudo de novo,ficou assim um tempo,tirou a mão dela estava toda melecada,mandou eu lamber a mão dela , enquanto eu lambia olhava para.minha filha,seus olhos nos meu, não sei se tinha feito algo certo de trazer ela junto,voltou a colocar a mão dela ,ficou enfiava e tirando um tempo até colocar a mão dela toda,senti entrar–Isso olha que buceta gulosa da tua mãe,coube sua mão toda.Ele pegava enfiava e tirava enfiava e tirava até onde dava,ficou um bom tempo assim até tirar,a mão da minha filha estava toda melada até o pulso,ele pegou e passou na minha cara,depois voltou e pegou o  brinquedo e colocou em mim, aquele me rasgava toda era muita dor,ele tentava enfiar o máximo que dava, não aguentei como tinha bebido muita água acabei fazendo xixi,tentei segurar o máximo que dava mas saiu bastante ,levei tapas na cara— olha o que você está fazendo no meu chão sua puta,vem cá mocinha ,Da um tapa na cara dessa cadela,pode bater eu tô mandando,assim ó.Me deu dois tapas um em cada lado do rosto–BATE.Minha filha olhou para mim,fiz que sim com a cabeça,ela me deu um tapa,mas não foi forte—BATE assim.Ele me deu um tapa forte na cara–Vaii bate.Fiz sinal com a cabeça novamente,minha filha deu um tapa no meu rosto,foi forte mas não tanto quanto Maurício–Bate de novo até eu mandar parar,minha filha me deu 1,2,3 uns 5 tapas na cara ,ele soltou minhas mãos novamente e tirou os grampos dos meus peitos,tirou meu vestido,pegou umas cordas e amarrou meus peitos bem apertado, não demorou muito e começaram a ficar meios roxos,ele prendeu minhas mãos para trás,estava com os pés presos ainda,pegou a vela ,puxou meu cabelo para trás e começou a derramar a parafina em nos meu peitos, sentia queimar, aquilo doía muito– está gostando né cadela.Ele dava vários tapas no meu rosto,cuspia na minha na cara dentro da boca mandava eu engolir,olhei para minha filha em pé parada olhando,ele notou e falou para ela chegar perto–Cospe na cara dela vai.Minha filha ficou olhando ele pegou mais forte no braço dela e puxou mias perto de mim ,me deu um medo que ele machucasse ela….

Para não ficar muito longo vou fazer duas partes,espero que gostem

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,20 de 20 votos)

Por # # #
Comente e avalie para incentivar o autor

18 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Natan ID:7r03o5rm9b8

    Quando continua?

  • Responder Rttt ID:8efk3e3t095

    Lilian faz scat! Deixa ele mijar em vcs.

  • Responder Guilherme ID:8ldl3wo78k2

    Tenho 16 anos e adoraria conhecer sua filha. Me passa as redes sociais dela

    • Allm ID:mujqyy2zj2

      KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK OLHA AS IDÉIA DO CARA KKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

  • Responder Ytalo ID:830x1xsmm3o

    Excelente , mas bem que a filha poderia ser amarrada tb . Continue

    • Guilherme ID:8ldl3wo78k2

      Vdd

  • Responder Lilian_pr ID:gsudr7xik0

    Virei não Rafa,mas conheci uma domme que me ensinou várias coisas,o que possibilitou eu iniciar minha filha,tenho o sonho de ir para o Rio rsrs

    • Rafaella ID:gsudr86ij0

      Legal, Lilian.. então agora são duas adeptas.. Beijos !!!

  • Responder Jacinto Leite Aquino Rego ID:h5i27z49iq

    Êita porra, que tara estranha! Mas cada um é cada um…

  • Responder Rafaella ID:gsudr86ij0

    Eita… a cadela-mãe ficou mansinha.. Beijos nas duas !!

    • Lilian_pr ID:gsudr7xido

      Há ha ha Oi Rafa,TD bem?Foi a última vez que fui, aconteceu algo que depois não achei legal, conheci outra domme mulher,bem diferente me ensinou várias coisas ,podíamos marcar um dia rsrs ,eu te dominar ha ha bjso

    • Rafaella ID:gsudr86ij0

      Poxa lilian.. adoraria brincar com vcs duas… Mas vc tá no Paraná.. euzinha em SP.. E vc virou dôme ?? Uia.. arrepiei

    • Casado ID:1dak518hr96

      Rafaella que lugar de SP Vc e ?

    • Anônima sp/sp ID:3nwpdwn8fijp

      Rafa sou de sp tbm! Sou mulher bi
      Me chama aqui

    • Rafaella ID:xlorig411

      Aqui.. kkkk

  • Responder Bartolo20 ID:gsudr7xido

    Posta a parte 2 logo que delícia mãe e filha

    • Lilian_pr ID:gsudr7xido

      Pode até ser mas tem que achar alguém que saiba fazer , garanto que vai gostar

  • Responder Otton ID:gsudr7xiar

    Que delícia de conto