# # #

Viajei té São Paulo para estuprar

984 palavras | 9 |4.50
Por

Nesse conto eu narro a minha primeira relação com estupro aonde eu viajei até SP para estuprar uma menina.

Sou Rafael tenho atualmente 28 anos e vou contar algo que aconteceu comigo quando eu tinha 21.

Sou bissexual e minha família toda sabe, tanto que já me viram com meninas e meninos, sou afrodescente 1,80, corpo sarado, pés 44, e rola de 26 cm, atualmente sou advogado e sempre trabalhei de terno e gravata o que sempre me fez chamar atenção de ambos os sexos, desde meus 18 anos após eu me assumir bi, tive varias relações, contudo eu comecei a gostar cada vez mais de ser bruto e cada vez que eu era mais bruto, mais quem ficava comigo gostava eu então em um dia vi sobre rapeplay e curti muito.

Eu conheci ela pelo tinder se chamava Amanda, era uma menina trans magra, estava tomando hormônios e não tinha seios ainda, cabelo curto estilo Chanel, pele morena clara, quase índia, 1,60, após conversar com ela e falarmos por um tempo sobre putaria elá disse que já havia tentado ser garota de programa, mas que um cara havia amarrado os braços dela um dia e gozado dentro dela sem camisinha, eu então fiquei com muito tesão sobre a história dela, ela disse que de certa formá curtiu, por que ela era submissa, eu então arquitetei meu plano eu iria para São Paulo para comer ela, naquela semana mesmo, peguei meu carro e fui fds combinamos de se encontrar em um shopping, contudo quando eu estava chegando ela disse que não iria poder ir ao shopping, pois tinha que ir buscar a irmã q ia chegar de viagem, pediu desculpa para mim e disse para marcarmos um outro dia, aquilo me deixou com muita raiva, era uma grande desculpa dela, após conversarmos por telefone e ela me pediR para encontrar ela em seu ap, para nos vermos e ela me dar um consolo por não podermos transaR, eu fui mas eu tava muito puto, cheguei lá e após conversas elá me convidou para entrar e disse que ia me pagar um boquete pra eu ficar mais calmo, entramos sentamos na cozinha que não era muito grande e bebemos um pouco, ela então sentou no meu colo e me deu uns beijinho no quarto eu havia visto sua irmã dormir, ela era mas nova devia ter no máximo uns 16 anos, ambas eram parecidas.
Amanda vendo o volume na minha calça começou a ficar animada e quando tirou se ajoelhou e começou a chupar e disse que não conseguiria engolir tudo, eu segurei a cabeça e enfiei o quanto conseguiu goela abaixo, ela se afogou e bateu em minhas pernas, eu continuei segurando a cabeça dela, e então tirei ela vomitou um pouco, sua cara estava toda lambuzada lágrimas escorriam por causa da garganta, eu olhei pra elá e disse não faça barulho para não acordar a sua irmã, e começamos novamente, eu segura ela e fodia a garganta dela até ela quase não aguentar tirava cuspia na cara dela e após uns 20 minutos eu não aguentava mais, eu queria méter tudo nela, levantei ela do chão a força o que não era difícil ela pesava menos que um saco de cimento, e fui puxando ela para o quarto ela começou a falar que não, que a irmã dela tava la, eu então puxei ela pelo braço forte até meu corpo dei um tapa na cara dela, e disse
– Cala boca, pare de reclamar. e cuspi na cara dela de volta, eu pensei que ela fosse chorar mais, ou reclamar, mas não chegamos a cama de casal que a irma dela tava dormindo e era a única que tinha, joguei ela na cama e tirei a calça e cueca, tirei a calça dela aos puxões e coloquei ela d4, eu então falei segura o grito no travesseiro, e fui colocando nela, o cu dela era muito apertado, parecia virgem pro meu pau por conta do tamanho, e comecei a bomba nela, eu já até havia me esquecido da irmã dela que tava ao lado eu só quera esvaziar meu saco nela, e fiz várias vezes, coloquei ela de lado, frango assado, da forma como estavamos transando não tinha como a irmã dela não ter ouvido, mas ficou deitada ao lado fingindo que estava dormindo, quando eu estava quase para gozar e falei no ouvido dela se prepara pra ser minha fêmea, que eu te deixar com meu cheiro, ela gritou e disse que era pra eu gozar fora, eu segurei ela com força e enquanto eu descarregava toda aquelá raiva e fiquei puxando seu cabelo, após isso fiquei deitado por cima dela, ainda com o pau dentro dela, estávamos suados, ela começou a chorar eu então falei no ouvido dela fica tranquila eu não tenho nenhuma doença, ela chorou ainda por um tempo e então pediu pra ficarmos de cochicha ainda com o pau dentro, fiquei, ela então disse pra mim entré soluços, que como ia dar pra outro estando arrombada daquele jeito, eu tinha feito um bom estrago nu cu dela, eu então falei que ela não precisava dar pra ninguém que ela era minha presa, que servia apenas para me aliviar, eu disse que ia mijar e mandei ela ajoelhar ao lado da cama, mandei abrir a boca e mijei no bocá dela enquanto ela engoliu tudo, no outro dia levei ela ao shopping para comprar uma roupas que ela quisesse, e depois me despedi e disse que voltava mais vezes pra extravasar a raiva nela, o que mensalmente vem me rendendo várias histórias boas, depois eu conto abç.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,50 de 14 votos)

Por # # #

9 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Julio ID:8cipya6thkj

    Conto Horrível, Porém queria que fosse verdade e que ele tivesse interesse em me Estuprar e me fazer de Banheiro

  • Responder [email protected] ID:g61vbr4sh2

    Não concordo com estupro, violência ou qualquer tipo de abusos.
    Atuo no ramo jurídico e se o autor do relato realmente for Advogado, será uma vergonha para a classe.

  • Responder Julia ID:h492s6u8lp

    Muito bom

  • Responder Ngdc ID:gp1fk7cd3j

    Que bosta hein? Tem vergonha não? 26 cm de rola? É o tamanho da pica que vc sonha em ter no rabo né?

  • Responder Wal ID:dcszgtdvq1

    Cara tu é um bundao merda de conto horrível ainda coloca um título miserável desse

  • Responder Luiz ID:40vojo7ihr9k

    Uma bosta de conto.

  • Responder luxo ID:yb0j5wd1q

    qud nojo

  • Responder Navais ID:8efhk9rb0kk

    Horrível

  • Responder Luciana ID:mujh4nqrd5

    Horrível.