# #

forcado mas gostei 5

2126 palavras | 0 |3.83
Por

Depois que tirei o cabacinho da Patricia, foi a vez da Nicole…

Aquela noite sem duvida foi inesquecivel para nos dois, ela sentiu o que eh prazer verdadeiro com um pau vibrando no cuzinho e outro pau duro na bucetinha, quase nao sentiu dor pois o orgasmo o prazewr foi tanto que nao deixava espaco para sentir dor. ou qualquer outro encomodo, naquela noite ainda comi o cuzinho dela com o vibrador na buceta outra foi o vibrador na boquinha e eu comendo o cuzinho e a bucetinha auternando…foi assim uma noite adoravel cheia de prazer docura, e muito amor.
Passou mais ou menos uma semana a Nicole ficou sabendo do acontecido, e veio imediatamente falar comigo, queria saber como foi, em detalhes…falei a ela que era dificil falar os detalhes, e seria melhor se eu mostrace o que realmente aconteceu, que seria uma aventura amorosa entre nos dois inesquecivel, onde ela de imediato aceitou,….eu estav com o pau duro soh de pensar, nao aguentei muito peguei ela pelo braco com forca, virei ela na cama onde ela ficasse de joelhos apopiada na cama e com a bundinha bem enpinadinha, agarrei ela, e fui encochando aquele shortinho fino, arranquei para baixo e fui colocando oleo metendo no cuzinho dela, pois jah estava quase gozando….e falei em seu ouvido, \nicole vc me quer dentro de vc, quer que eu realmente tire sua virgindade, ….ela responde em gemidos que sim, queria naquele momento, eu mais do que depressa comecei a penetrar a bucetinha, a cabecinha estava entrando e ela gemendo…pedindo mais e mais, fui faendo o movimento de vai e vem devagar, ela foi sentindo meu pau penetrando cada vez mais fundo, ateh que ela deu um gritinho, vi que seu cabacinho estava prestes a estourar, nao tive muita paciencia e meti de uma vez fazendo ela gritar, e se espernear um pouco onde a segurei com forca pedi para ela aguentar quietinha que a dor iria passar, ela ficou quietinha eu fui no vai e vem devagarinho porem jah estava todo dentro dela ….ela rebolava bundinha fazendo que meu pau saice por completo de dentro dela e voltace a penetrar totalmente, foi muito bom, ela gemia, e jah nao sentia mais dor, somente prazer…onde nao aguentei muito e gozei profundamente dentro dela, ela, gemia, gemia, e queria mais…..foi bem rapidinho apesar de ser muito prazeiroso, foi um cabacinho facil, sem dor, e com muita gmecao e tesao…..deitamos na cama, conversamos sobre tudo a respeito de nossas aventuras, falei para ela que tinha comido a bucetinha da \patricia, que havia comprado um vibrador, que acabei metendo no cuzinho da Patricia ao mesmo tempo que comi a bucetinha, e a \Nicole de imediato disse que tbm queria experimentar que seria bem legal, falei a ela que hoje melhor nao porque sua bucetinha ainda estava meio ardidinha, e que seria cruel ela ter dor e nao prazer, que fariamos outro dia… ela disse que queria experimentar no cuzinho o vibrador, enquanto ao mesmo tempo eu poderia a encinar ela a chupar meu pau, uma vez que a Patricia tinha me chupado mas a Nicole nunca tinha feito isso, eu concordei, virei ela de bundinha para cima e coloquei meu pau pertinho de sua boca, jah esfregando em seus labios, fui molhando o vibrador no oleo creminho e fui esfregando meu pau cada vez mais duro na sua boquinha, e falando para ela cuidar com os dentes, usar os labios onde ela aos poucos foi deixando meu pau entrar na boquinha molhando , e ficando cada vez mais e mais duro, quando ela se distraia com meu pau eu fui metendo o vibrador no cuzinho o corpo dela dava chicoteadas de prazer, pois vibrava forte e ela sentia entrando cada vez mais fundo, eu colocava e tirava com certa rapidez, ela gemia, e rebolava ao mesmo tempo que me chupava, com maestria…..elA ESTAVA GOZANDO PELO CUZINHO COM O VIBRADOR TOTALMENTE DENTRO DO CUZINHO REBOLAVA, FALAVA PALAVRAS DESCONEXAS, ESTAVA TOTALMENTE FORA DE SEU NORMAL, O CUZINHO PEGANDO FOGO, MEU PAU BOMBANDO EM SUA BOQUINHA, E QUANDO EU FUI GOZAR SEGURTEI A CABECA DELA PARA QUE ENGOLICE TUDO, SEM DISPERDICAR NADINHA, ELA NAO OFERECEU RESISTENCIA GOZAMOS PRATICAMENTE JUNTOS E ELA ACABOU SUGANDO E ENGOLINDO TUDO E EU FAZENDO ELA LIMPAR MEU PAU COM SUA LINGUINHA QUE PARECIA UMA COBRINHA….MUITO BOM, MUITO GOSTOSO, …FOI MUITO BOM…..apos tudo a gente descansou um pouquinho, e perguntei a ela se ela ainda estava de esfregacao com o primo do pau grosso e grandao, ela disse que nao mais, apesar de que ele sempre tentava algo, uma esfregadinha por vezes mas coisa rapida sem muito efeito, e com essa conversa notei que ela se excitava, a putinha gostava do pauzao dele, que por sinal nao mencionei seu nome, que o chamavamos de BETO…ele era um cara calmo e tranquilo, falava pouco, nao gostava de encrencas, a uunica coisa que a Nicole tinha me falado eh que ele comia a gurizada, ele nao dava o cu nem beijava nem chupava, ele gostava mesmo de comer um cuzinho, mas nunca tentou comer a Nicole somente sarrava, esfregava, mas nada mais do que isso, apesar de que ele ficava de pau duro na bundinha dela, e ela disse que realmente parecia muito grande e grosso….com esse papinho entre a gente notei que sua bucetinha ficava molhadinha, sabia que algo tinha, esse assunto a deixava meio embaracada, e sem muitas respostas, ela era uma putinha que amava ser sarrada e encochada. o cuzinho era a parte mais sensivel mais tesudinha, tinha fogo no rabinho nunca visto antes…com essa conversa ela com a bucetinha molhadinha, e eu com o pau duro, me deitei bem relachado e com o pau para cima duro, peguei sua mao e coloquei no meu pau fazendo ela tocar uma punheta bem leve devagar, fui pegando nos peitinhos e na sua nuca, e posicionando em meu pau…ela foi devagar e com delicadeza comecou a colocar na boquinha abrindo automaticamente sua boquinha, entrando num vai e vem bem devager com calma quando o inesperado aconteceu, vi uma sombra na porta semi aberta, pensando que poderia ser a Patricia mas na verdade era o Beto, estava com o pau na mao, quando vi comecei a gemer mais alto, e comecei a falar coisas onde mexia com ela e com ele, eu falava para ela, …..(isso meu amor chupa, bem gostoso, pensa que o \beto esta atraz de vc, esfregando o pauzao que vc adora, bem duro na sua bundinha, ela gemia mais e mais cada vez que eu falava no pauzao do \beto ela gemia passava e mao na bucetinha dela estava totalmente enxarcada e continuava me chupando, ele viu e sabia que eu tinha visto ele, fiz sinal para que ele entrace no quarto, ele com o pau na mao duro e realmentre era grande e groso, encostou atraz dela e comecou a esfregar, eu colocava a mao em sua cabeca e a fazia chupar por inteiro ateh a garganta..depois de algum tempo o Beto jah estava esfretgando descaradamente na bundinha da Nicole que olhava para mim, e pedia com muito tesao, Maninho deixa …por favor deixa ele esfregar esta muito bom soh hoje deixa. ela nao se aguentava, e coloquei a mao em sua bucetinha esfregava o grelinho o Beto colocou a mao na cabecinha da Nicole e a fazia engolir meu pau por inteiro, e assim ficamos por algum tempo quando senti o pau do \beto no meio das pernas da \nicole, e acabei tocando nele, e realmente estava muito duro e nos tres gemendo como nunca, e o tesao tomando conta…fiquei meio sem jeito e o Beto deu um sorrisinho meio de quem gostou do acidente, mas enfim estavamos todos num extase de puro tesao, quando o Beto tirou o pau do meio das pernas da Nicole que gemia feito uma putinha, me chupando e sentindo o pauzao do Beto agora em sua cocha, ele esfregava com forca, e derrepente algo inesperado, ele pegou minha mao do meio das pernas da Nicole e colocou direto em seu pau. Nicole percebendo isso parou de me chupar e falou com a voz tremula, pega nele, aperta, toca punheta para ele, faz, por favor, soh um pouquinho, eu nao sei porque acabei pegando e apertando o pauzao do Beto que por sua vez gemia e gemia feito doido, ele me fazia apertar e falava em meu ouvido aperta pega, toca punheta para mim vc vai gostar, sente como eh grosso, sente Mauricio pega, ele, toca isso, mais forte sente como eh grande, isso sente meu pauzao, vc vai acabar gostando, isso, e a Nicole gemia e flava par mim, isso Mau pega, toca, isso, deixa levar, eh gostoso, eh grossao, ah bem duro e grande, pega, eu chupo vc, eu faco qualquer coisa, vai nao para, nao para…..O Beto estava em transe, tamanha satizfacao, tamanha tesao que ele sentia. e passo a sua mao a me pegar no lateral de minha coxa, esfregando a mao, deslizava na lateral do meu corpo e repousava sobre o quadril e tentava insinuar em minha bunda seus dedos…estava bom, eu na verdade estava gostando disso tudo e sem largar de seu pau que estava cada vez mais duro mais grosso, estava quente e gostoso de pegar…eu permiti aquelas caricias sem nenhum protesto, ele passou a descer em minhas coxas e debandando em uma banda de minha bunda, confesso que estava gostando cada vez mais, procurei Beto com olhar e ele me observava com sorrisinho sacana, sabedo que eu estava gostando de tudo , de pegar em seu pau de ser acariciado e ele estava chegando em minha bunda apetando e esfregando, paasou a acariciar minha bunda descaradamente, me chamendo de viadinho, querendo que eu fosse e me transformace em seu viadinho, ele repetia , isso meu viadinho pega no pauzao isso deixa eu sentir seu cuzinho, vc sera meu viadinho vc vai querer meu pauzao, vai ver como eh gostoso, vai sentir eu todo dentro de vc, isso, pega, fala para mim, que quer ser meu viadiho fala. vamos meu putinho, vou te comer, e eu no auge do tesao, e do fogo todo, acabei falando , que sim eu quero ser seu viadinho isso eu quero, e ele chegando com o dedo em meu cuzinho colocou o creme oleo em seus dedos e comecou a circular os dedos em meu cuzinho onde em quase desfaleci de tanto tesao, deixei ela acariciar e enterrar os dedos em meu cuzinho sem largar seu pau e ao mesmo tempo sento punhetado e chupado pela Nicole, quando dei por mim estava rebolando lentamente nas maos dele nos dedos sentindo entrarem suavemente, aquilo estava bom demais para parar, O Beto me empurrou para o canto da cama , me abracou por traz, abaixou meu shorts e esfregou aquelke pauzao bezuntado de oleo, esfregava me beijava meu pescoco, me empurrou contra parede onde nao poderia me mexer, somente gemer e ser totalmente dominado por aquele pauzao grosso e grande, minhas pernas bombearam, senti aquele auzo na minha bundo ou melhor no meu cuzinho, eu estava entregue, achei que ele iria enfiar de uma vez, e pedi a ele, por favor devagar, nunca dei o cuzinho, ele riu e falou, eu sabia que vc iria pedir, que te coma, meu viadinho, eu sabia, depois que eu entrar todo em vc, vc vai querer mais e mais, vai querer e pedir para mim te comert,eu nao falava nada, apenasd sentia a cabeca de seu pau esfregando encostando em meu cuzinho e aos poucos entrando,,,aquela pegada me excitou verdsadeiramente, estava entregue, e nao aguentei, e pedi, Beto me come, devagar, quero sentir vc todo dentro de mim, nao aguento mais, me come me faz seu viadinho, eu quero agora, e ele foi metendo , aos poucos foi entrando ele foi carinhoso, pois sabia que era grando ele me preenchia por completo era grande grosso, doia mas eu queria mais, quando me dei conta estava mais da metade dentro de mim, gemendo ele nao aguentou mais senti seu pau inchando dentro de mim, e gozou, muito, senti enchendo meu cuzinho de porra, ele suava, e metia com forc, quando a Nicole sentiu me punhetou imediatamente para que eu tivesse meu orgasmo juntamente com o Beto, gozamos praticamente juntos gritando de tanto prazer…nossa como foi bom……na proxima parte, contarei mais sobre o Beto e como ele me transformou num viadinho e por vezes ate mesmo em sua putinha, e se alguem se interessar em falar comigo, meu e mail [email protected], dependendo do papo eu lhe darei meu zap, e poderah perguntar o que desejar, sou BI, gosto d homens ativos ou casal…sou aberto ao prazer….

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 3,83 de 6 votos)

Por # #

Nenhum comentário

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos