# # #

A sentada da minha enteada de 15 anos

826 palavras | 8 |3.90
Por

Minha mulher saiu e sua filha sentou gostoso na minha rola.

Há pouco mais de 2 anos casei novamente , meu filho mora com minha ex, mas em compensação minha mulher tem uma filha linda , uma menina exemplar e educado. Sempre tratou muito bem, mas recentemente descobri que além uma moça educada , a vadiazinha sabe dar uma sentada gostosas.

Sempre fiquei de shorts ou bermudas mais solta em casa, nunca foi um problemas , porém de uns tempos pra cá minha enteada linda ,Fernanda , começou a chamar minha atenção , não tinha muda as roupas ou coisa do tipo , sua raba e peitos que estavam ficando maiores e mesmo que eu tenta-se não olhar era quase impossível , meu pau ficava louca com corpo.

Um dia, um pouco antes da minha mulher sair pediu para , eu acordar a menina, para que não se atrasasse , quando passei em seu quarto e a vi completamente nua, voltei para a sala e gritei de lá , para ele não suspeitar que a vi.

Aquela imagem da perfeição se fixou no meu cérebro , tentei por mais fezes , ver , mas era bem difícil , ate que a sorte voltou para meu lado, minha mulher passou por mim indo chamar a filha , a menina foi tomar banho, quando chegou minha vez de ir me banhar percebi a porta entre aberta , voltei um pouco pra trás , e vi mais uma vez ela bunda , tirei meu celular , mas não deu para gravar quase nada , mais pelo menos via sua bundinha.

A partir desse momento tosa vez que minha mulher inventava desculpa para não transar , espera um pouco sai ou ia ao banheiro e batia uma pra sua filinhas , mesmo com um vídeo bosta.

Então aconteceu ,minha mulher saiu , a Fer tava no banho sabia que ai demorar , sentei na sala , comecei a me masturbar, fechava o olho e imaginava ela no chuveiro nua.

— Essa sou eu? – sua voz entrou em meus ouvidos me levantei e joguei o celular longe , sem tirar a mão do meu pau.- você se masturba me vendo?

Antes que eu falasse algo , ela correu pro quarto e se trancou pensei que me casamento estava perdido, mas os dias passaram e ela não contou nada para mãe , muito pelo contrario passou a usar roupas que deixavam seu corpo todo exposto , aquilo me deixava louco , mas na foi pior que ela sentar em cima de mim as vezes , sentava e rebolava meu pau falta explodir.

Mas então a noite da minha libertação chegou , o pai dela não ai conseguir passar o final de semana com ela , então ficou em casa sexta a noite , enquanto a mãe ia pro culto.

Sentei no sofá e a vi desfilar pela casa , cada vez que passa com menos roupa , tentei me conter , mas vadia fez certinho , quando passou só me calcinha , puxei pra cima me mim e a segurei com força.

— O papai vai te comer com força , ja que quer isso.- não esperei ela falar nada , ataque seus seios e os mamei como um bebe, quando eu amava a vadiazinha rebolava no meu pau me só endurecia , assim que começou a gemer , foi tirando minha camisa , abriu minha bermuda e meu pai sem cueca para comete-lo , me mostrou completamente ereto . Fer se ajoelhou no chão e começou a me chupar , eu segurava sua cabeça fazendo meu pau chegar mais fundo em sua garanta por varias vez ela quase vomitou, cansei da sua boca e puxei sua cabeça pra trás , deu uma leve punhetada.

— Senta.- ordenei.

— não vai por camisinha?- ela perguntou.

— Tenho Vasectomia , não libero meu esperma.- como um rei me acomodei no sofá.- Senta!

Ela posicionou minha rola da entra da sua buceta apertada e sentou bem devagar , assim que senti um liquido escorrendo pelo meu pau , abri meu olhos ao ver aquele sangue , peguei meu celular e tirei uma foto.

— Senta da rola do papai, virgenzinha.- puxei ela pra baixo para terminar de entrar e gravei a vadia sentado em mim , ela rebolava e quicava com uma verdadeira puta , gemia como nunca e dizia meu nome , largue o celular e ajudei a ir mais rápido , seus seios batiam no meu rosto , ela chegou no seu ápice e se jogou pra trás segurei a meninas e soquei com mais forças , ela gemia e gemia meu nome.

Quando gozei senti o liquido seminal saindo se sua chota apertadinha que esmagava meu pau, ela continua rebolando e depois saiu de cima foi pro seu quarto e dormiu. Assim que minha esposa chegou fiz chupar meu pau , meu pau que a poucas horas tinha passado na buceta da sua filha.

Depois desse dia minha enteada me dava com frequência , mas sem duvidas a vez mais marcante foi quando meu pro meu filho , quando eu assistia

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 3,90 de 31 votos)

Por # # #

8 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Gil ID:477hqa5bd991

    Toda a noite ele chupa minha bucetinha. Gozo sem parar. Adoro.

  • Responder Celso ID:8d5ien8ficq

    Cheio de erros né?

  • Responder Lara ID:469cqka72090

    Nossa, achei esse site por acaso é muito bom ler essas historias meu insta: @laravitoria sou branquinha.

    • Bruno ID:on904ilhrk2

      Não deu pra achar você lá

  • Responder Paloma. ID:5h7lvkxz2

    Gostei , adorei o conto

  • Responder @ricbsb ID:xlpkbhrim

    Bom demais…

  • Responder Anonimus ID:469coba4t0b8

    corrige o texto..cheio de erros..antes de publicar algo aprende a ver se não tem erros.

  • Responder Anon09 ID:5pbbrosa6ij6

    Que putaria boa, ainda deixou o filho comer a vadiazinha, pai do ano