# # #

Ton e Alan 2 Héteros se Conhecendo

1653 palavras | 2 |4.00
Por

1 Romance entre dois Héteros, 1 de 45 e o outro de 18 anos

Ton trabalha como pintor na cidade a uns 20 anos, tem amizade com todos moradores, inclusive a anos atrás já morou perto da família de Alan onde já tinha amizade mas aumentou essa amizade com as irmãs e a mãe de Alan.
Nessa época Ton flertava com uma das irmãs de Alan, Ton nem imaginava que 1 dia poderia se relacionar com o garoto, Ton tem bom gosto e essa irmã de Alan é muito bonita e gostoza tb, família de mulheres bonitas e gostozas sabe?
Ton adora ser Homem, hétero, viril sabe? mais muito carinhoso e respeitoso tb, quase não fica com ninguém por causa disso, é 1 homem muito caseiro e seletivo na hora de ter amizades ou encontros mais íntimos mas, é um homem muito viril e tezudo, principalmente qnd vê uma menina mais nova ou uma mais coroa que sabem que são bonitas e fazem questão de destilar tezão por onde vão, Ton se controla até nos angulos de visão p/ não dar muito na cara a vontade de sentir o cheiro e a textura da pele dessas gatinhas que geralmente estão de shortinhos ou sainhas que atingem de cheio o tezão de 1 Homem hétero e viril e ativo, 1,80 alt – 75Kg – pelos aparados – barba.
Apesar de uma aparência de Homem hétero um tanto quanto rústica Ton é 1 homem muito carinhoso, muito amigo, gosta de conversar e desenvolver uma amizade sincera e gostoza, realmente Ton é 1 Homem muito carinhoso e gentil e quando encontra pessoas assim tb, ele tenta conservar a amizade pois, sabe que amizades assim não são fáceis de se encontrar, acredita q qnd isso acontece tem um lance de química acontecendo entre os 2.
Ton andou tendo êxitos em sua amizade com a irmã de Alan mas se mudou e ela tb arrumou 1 namorado e o tempo passou, vida q segue os anos se passaram e em uma véspera de carnaval que, agora é moda fazer a perereca de ouro né? na sexta antes do sábado de carnaval, foi nessa noite que Ton viu Alan vestido de moça, parece até q foi amor a primeira vista, rsrs.
Ton não acreditou qnd viu o qnt Alan cresceu e se transformou em um rapaz bonito mas nesse momento ela estava uma menina muito gatinha, ele e os amigos se esforçaram p/ ficarem bem parecidos com meninas gatinhas e sensuais mas p/ Ton Alan se destacou e chamos muito a atenção, Alan passou perto de Ton e aí 1 olhar já conectou uma amizade que iria começar naquela noite.

Ton ficou por ali pois, sabia que Alan iria voltar por ali, assim q Alan e seus amigos deram sinal q estavam voltando Ton pensou, “eu sabia que ele iria voltar por aqui, preciso tentar 1 contato mais direto agora, ele tá muito atraente com aquele modelito lindo, vestidinho preto tubinho, mostrando as curvas de Alan, ousado, mais lindo, menino do corpo malhado e bem cuidado, Ton não esperava…, como ele ficou bonito.”
Alan se aproximando os olhares já se cruzaram novamente, todos conversavam alto, alegres e alguns com copos de bebidas nas mãos rindo daquela situação, aliás, a noite da perereca de ouro é uma noite especial para os héteros e tem uns que ficam muito sensuais vestidos de meninas, Alan olhando p/ Ton, deu um sorriso, Ton sem pensar 2 vezes disse: “oi Alan, tudo bem? vc está uma gatinha, rsrs”
Alan ficou sem graça mas continuou sorrindo e disse, eu e meus amigos fizemos uma aposta, qual de nós ficaria mais parecido com uma moça e qual teria mais cantadas de garotos q não se fantasiaram, , rsrs, acabei de receber mais uma, rsrs.”
Como eles já estavam passando Ton apressou e disse: “com certeza vc vai vencer a aposta”, Alan abriu 1 lindo sorriso, agora com 1 pouco menos de vergonha deu uma piscadinha p/ Ton.
Naquele momento qnd Alan se virou de costas o frio na barriga tomou conta de Ton, avistou q Alan deveria estar usando um pequeno fio dental pois, o vestido estava muito apertadinho no corpo do moço, então Ton pensou “será mesmo q ele está usando até calcinhas tão pequenas assim por baixo daquele vestido?…” então ele teve certeza que alguma coisa boa estava nascendo entre os 2, o sorriso e a piscadinha de Alan acabaram de conquistar o Homem que se sentia tão só naquela noite de carnaval.
E naquela noite mesmo Ton forçou outra aproximação e conseguiu, qnd os dois iam se cruzar novamente Ton disse a Alan: “Se quiser conversar um pouco estarei no meu carro as 11:30hs na rua de trás.” Alan só respondeu q sim com a cabeça e sorriu novamente p/ Ton que correspondeu tb com um sorriso de Homem quando quer fazer amor e confirmando um encontro.
Momentos de ansiedade… mas Ton encostou o carro no lugar combinado e após 5 minutos Alan abriu a porta do passageiro e se sentou ao lado daquele Homem barbado, maduro e bonito, dizendo, “nossa, tive que dar uma desculpa convincente aos meus amigos, estão muito eufóricos com essa história de se vestir de mulher, rsrs, eu disse que ia em casa rapidinho e já voltava, rsrs”.
Ton bem feliz por se sentir especial para Alan pois, teria aberto mão de uma noite com os amigos p/ ficar com ele, sentindo até o cheiro de perfume feminino disse: “Nossa Alan, fico feliz q veio, realmente vcs capricharam nas fantasias hein, até o cheiro de mulher linda tá gostozo, rsrs.”
Alan demonstrando felicidade misturada com um pouco de medo de os verem juntos no carro responde, “Vc gostou mesmo? esse perfume é da minha mãe, rsrs.”
Ton responde: “Sim, é muito suave e agradável, adorei.” Alan: “Que bom, achei muito estranho tudo isso, aliás, nunca tinha me vestido assim, rsrs, os garotos disseram que fiquei atraente, rsrs.”
Ton: “Realmente eles tem razão, rsrs, se vc não tivesse vestido assim eu não teria coragem de tentar me aproximar de vc como aconteceu hoje, com tanta rapidez, afinal somos héteros e gostamos de mulheres, rs.”
Alan: ” É verdade mas as vezes agente aproveita os momentos e assim podem acontecer coisas boas q agente nem estava esperando.” Ton, “É verdade, acho q agora mesmo está acontecendo isso com agente, rsrs.” Alan: “Tb acho, podemos ir p/ um lugar mais afastado Ton, assim poderemos converasar com mais tranquilidade.” Ton: “Sim, com certeza, teremos uma noite agradável em 1 lugar agradável.”
Ton conhecia um lugar no meio de uma plantação de café, muito sossegado e com uma vista do céu e de um vale maravilhoso, de onde se avistava muitas estrelas e a lua tb, tanto é que Alan chegando disse: “q lugar lindo.” Ton: “Realmente é um lugar especial, p/ curtir com pessoas especiais.”
Os 2 se olham novamente e trocam sorrisos que só acontecem qnd a química e o tezão começam a fazer efeito, Ton toca na mão de Alan e esse retribui segurando com as duas mãos e se virando de lado p/ poder olhar melhor nos olhos de Ton que tb se vira no banco do carro p/ ver melhor os olhos e a beleza daquele garotinho q conheceu a anos atrás hoje se transformou em um belo rapaz, educado e gentil agora com 18 anos e bem na frente dele dentro do carro, Ton sentia uma adrenalina que nunca tinha sentido antes, observava cada detalhe do rosto de Alan, os olhos, o nariz, a boca… não resistiu e foi aproximando o rosto do rosto de Alan, esse tb mais uma vez retribui e vai ao encontro do beijo que de tão suave e tão bom se torna demorado e vários minutos se passam e as bocas de conhecendo bem devagar, o toque de uma língua na outra, a respiração querendo se misturar com pequenos gemidos, nesse momento os dois já entendem que vão ter uma noite inesquecível, Ton coloca uma mão na coxa de Alan e sente a pele quente e lisa do amigo que por ironia do destino está vestido de mulher, Ton se sentiu bem pois aquele garoto era lindo e carinhoso e estava sozinho a 1 bom tempo, Alan tb estava sozinho, nunca tinha namorado, se sentia muito bem com aquele homem mais maduro e mais responsável, no fundo ele sabia que Ton não queria só sexo, os beijos que os dois experimentavam denunciava que entre aqueles dois homens algo de bom estava nascendo.
Apesar de que naquela noite Alan estava uma menina muito gatinha, ele era um rapaz e que até o momento nunca ter namorado, já estava ficando com alguma gatinha da escola.
Mas o momento era dos dois homens, um mais maduro de 45 anos e o outro um jovem lindo de 18, ambos héteros e apreciadores de belas mulheres, mas que estão prestes a fazer amor tão gostozo naquele carro que um sentimento de felicidade toma conta dos dois e Ton propõe passarem p/ o banco traseiro pois ele deitava e como eles já tinham combinado antes, ele foi até a casa dele e pegou 2 colchonetes, qnd deitava o banco traseiro e colocava esse colchonetes o carro ficava muito espaçoso e confortável.
Esse é o ninho de amor de 2 homens que apenas em um olhar descobriram uma química deliciosa que, na realidade, ainda não tinham pensado que coisa tão boa pudesse existir, na segunda parte da história desses dois gatos iremos arrepiar e acompanhar de pertinho cada detalhe desse encontro lindo q o acaso nos proporciona,… uma noite de carnaval… um homem sozinho e carente… um jovem procurando aventura…

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,00 de 4 votos)

Por # # #

2 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Nando Costa

    Podia ter dito tudo, menos dois heteros rsrs. Mas está bom pq é um conto que gosto : maduro com adolescentes.

    • Desejos

      2 heteros descobrindo os prazeres de serem bi, rsrs