#

Uma trepada inesperada com cadela em uma casa abandonada

2201 palavras | 35 |4.50
Por

Estava indo para a praia, numa estrada deserta quando parei para ver um terreno à venda. Apareceu uma cadela grande e acabamos transando muito…

No sábado do dia 22/05 fui fazer uma visita à um amigo que mora numa praia bem deserta, praia do Torneiro. Um lugarzinho bastante isolado e peguei uma estrada de chão bem ruim, mal dava para andar a 20km/h e totalmente deseta. Chegara a dar até certo receio porque não tinha movimento algum naquela estradinha, ainda bem que GPS pegava bem.
Parei às margens da estrada de chão porque avistara uma placa de vende-se em um terreno até bonitinho, se não fosse o mato alto e uma casinha de madeira caindo aos pedaços. Logicamente não morava ninguém alí há bastante tempo. Desci do carro e fui dar uma olhada no terreno e os arredores.
A placa da oferta de venda devia estar ali há bastante tempo pois já tinha caído e alguém á havia ajeitado para ficar visível. As cercas eram de travessas de madeira e pouca ainda estavam pregadas, deixando o acesso a propriedade totalmente livre e assim fui dar uma olhada mais de perto. Tinham algumas frutíferas como abacate, laranjeiras, limão, butiá, alguns coqueiros, palmeiras etc. Se gasta um pouco o imóvel ficaria bem legal. O local onde ficava a casa parecia interessante pois era mais elevado que o restante do terreno.
Fui chegando mais perto da casa e não tive dúvidas que ali ninguém fazia residência há muito tempo. Na parte de trás da casa ficava uma pequena descidinha com níveis indicando que cultivavam horta naquele local. Enfim, depois de ter visto mais de perto, resolvi voltar para o carro para continuar o passeio até a casa do meu amigo.
Enquanto estava voltando, via que na estrada vinha andando um cachorro ou cadela bastante grande e vinha em direção para onde eu estava. Fiquei morrendo de medo imaginando ser um animal bravo ou eu pudesse ter invadido seu habitat. Acelerei o passo em direção ao carro, e o bicho em minha direção. Só deu tempo de chegar no carro e fechar a porta que àquele animal grande chegou ao lado da porta. Eu estava “borrado” – expressão – do susto e medo, mas não levou tempo para eu perceber que era uma cadela e mansa por sinal. Baixo o vidro e chamo e a cadela veio abanando o rabo. Tive então certeza que era uma cachorra mansa. Ufa…
Quando liguei o carro para continuar meu trajeto, percebi que a cadela começa a chorar, com pequenos granhidos. Desliguei o carro novamente e desci para ver o que ela queria. Fiz um pouco de carinho na cabeça e se mostrou uma baita cadela bobinha e brincalhona. Pensei em levar embora porque a coisada parecia estar abandonada.
Fiz mais uns carinhos nela e começou a me dar um certo tesão. Estava no em um lugar de certa forma deserto com uma fêmea, não demorou nada para me passar besteira na mente. Fui passando a mão nas costas dela indo para a parte de trás dela para reparar na buceta daquele belo animal e para minha surpresa ou sorte, ela estava com a buceta um tanto grande, indicando que pudesse talvez estar entrando no cio ou talvez bem no final, quando elas ficam extremamente receptivas para o macho. Isso só aumentou ainda mais meu tesão e deixou meu pênis muito duro do tesão. Fazia bastante tempo que eu não tinha mais metido o cacete numa cadela e a vontade de fazer isso ficou prá lá da conta, mas quando eu fui dar uma passada de mão na buceta, ela foi saindo em direção a casa abandonada de onde eu tinha vindo. Ela foi um pedaço, parou, olhou para trás e abanando o rabo, como se estivesse me chamando. Dei uns passos em direção a ela que se virou e andou mais um pouco até quase na casa abandonada, parou e olhou novamente para mim, abriu a boca colocando a língua de fora. Parecia que ela estava sorrindo e abanando a cola tipo como se me chamando… Acho que a fdp sabia que eu estava com tesão e a queria traçar.
Fui em direção a casa novamente e ela me esperou numa espécia de sobradinho, como de um telhado já sem telhas, virada de frente para mim com a língua de fora. Parti para cima dela com calma e carinho. Cocei a cabeça e indo para a parte de baixo, conferindo nas tetas que estavam pequenas mas com os mamilos um pouco diferentes, durinhos. Certamente estava entrando no cio e pensei que talvez não tivesse sorte em transar com àquela fêmea mas não deixaria de tentar.
Fiz bastante carinho nela e parti logo para a traseira dela que deixou de boa, até parecia querer que eu fosse logo para trás dela pois o rabo ficava bem para cima, revelando uma xota carnudinha mas nem tão grande para o tamanho daquela fêmea, o que sugeria que não tivesse êxito em trepar com ela mas bora investir nessa transa afinal, se eu não trepasse com ela eu teria certamente que bater uma punheta para aliviar tanto tesão. Meu pênis estava estourando as calças. Doía da cabeça (glande) ao corpo do pau de tão duro.
Tratei logo de ir dando umas pequenas dedadas na racha daquela buceta. Ela deixou e isso foi minha deixa. Dei algumas dedadas naquela xoxota, estava molhada e bem quentinha, mas não era melada tipo ensopada de tesão como quando estão em pleno cio.
Eu de joelhos não poderia ter mais que a cabeça do pau dentro dela. Olho para o lado e vejo alguns tijolos soltos e puxo ela para perto deles, coloco alguns onde eu ficaria de joelhos. Ainda sem abrir o zíper da calça, de joelhos atrás daquela cadela, aproximo minha virilha e vejo que ficou bem na altura para fazermos sexo, segurei ela pela cintura e encosto na traseira dela, meu pau ainda sem abrir a calça, dando umas esfregadas o que pelo visto só serviu para enlouquecer a ela e a mim pois ela ficava tremendo o traseiro, esfregando a buceta encima do meu pau duro, por cima da calça. Tanto que chegou a dar uma molhadinha na minha calça jeans. Se eu precisava de algum indício, não precisava mais…
Depois dessas investidas dela para cima do meu pênis, abri o zíper e o botão da calça, abro a parte da frente, baixo um pouco e quando baixou a cueca, o pau está tão duro que não ficava reto como de costume, mas inclinado pouco para cima. Pulsava um pouco de tão duro e quando fica assim, a cabeça fica totalmente exposta. Tive que puxar um pouco para baixo para ir de encontro à racha da buceta e quando a cabeça do pau tocou naquele lábios de buceta canina, a fdp se jogou em cima, dando pulinhos fortes e se empurrando para trás, para cima do meu pau, na expectativa de fazer entrar dentro dela o que logicamente não aconteceu de primeira. Meu pau tem 19cm e é bastante grosso, nada fora da média, proporcional para o tamanho do pênis já a cabeça é bem inflada e base da glande é bem grande. É o que dá prazer para as garotas com quem transei e nunca foi difícil de fazer elas gozarem e não era muito diferente com as cadelas a não ser que as cadelas às vezes prendiam o meu pau e daí mesmo que eu não queria mais tirar de dentro…
Por falta de recurso melhor, cuspi na mão e lubrifiquei um pouco a cabeça do pau e toquei logo na xana da cadela que se empurrou novamente para cima de encontro minha virilha, mas como agora eu estava segurando meu cacete e direcionando com a outra mão a cintura dela, limitou os movimentos da cadela a pulinhos tipo sentadinhas até que derrepente sinto que a cabeça começou a entrar e na mesma hora a buceta dela tinha ficado um pouco mais lubrificada o que foi definitivo para enterrar nos próximos movimentos, metade do meu pau dentro daquela buceta gostosa até a cabeça não entrar por engalhar em um local que achava ser o cólon do útero da cadela, capaz, nada mais do que o local onde trancava o pau do cachorro e onde em seguida eu teria meu pau “preso” dentro dela.
Devo ter levado uns 5 minutos enfiando meu pênis num vai e vem, parando e empurrando, até que a cachorra baixou um pouco as pernas traseiras e colocou a pata direta um pouco para o lado e frente, o que fez com que a cabeça do meu pênis passasse, dando passagem para o restante do pau desse reprodutor entrasse até o talo. Isso mesmo, encaixei tudo dentro dela e agora ela prendia o meu pênis na metade e apertava muito forte, parecia que queria quebrar meu cacete dentro dela. Tratei logo de aproveitar e fiquei paradinho, com a virilha tocando do traseiro dela, o saco enconstadinho e a buceta mordendo fortemente no pau. Sentia latejando da metade onde trancava para frente e por nada eu tiraria meu pau de dentro daquela buceta. Não demorou para sentir na cabeça do pau àquela gosminha que a cadela solta quando está no cio e daí por diante foi uma luta quase inútil para não gozar. Pensava em qualquer coisa nada a ver para não gozar. O tesão era gigante naquele momento.
Com o pênis todo enterrado dentro daquela buceta canina, sedenta e gulosa, seguro na cintura da cachorra e empurro contra minha virilha, para que não tivesse espaço algum entre meu pau e a buceta até começar num vai e vem empurrando para frente e para trás e ainda que não entrasse ou tirasse meu pau de dentro dela, havia movimento e eu sentia dentro dela a cabeça do pau ensopada e toda embanhado naquele líquido reprodutivo que as danadas soltam e só pode ser para deixar o macho de qualquer espécie sem razão ou controle. Caralho, parece que quando têm essa gosminha o macho não consegue segurar e tem que gozar.
Nessa altura do enrosco entre cadela e homem, ela começa a frouxar o anel que antes esmagava meu pau, permitindo assim puxar com mais tesão e começar uma sequência alucinante de estocadas em que ela passou a dar nítidos gemidos e acredito que de prazer. Cara, que coisa mais gostosa. Comecei a socar com carinho e certo desespero, tipo um chamado para reprodução, uma coisa muito animal que só pude sentir quando transei com cadelas no cio. Eu socava tanto que chegava a puxar meu pênis quase para fora da buceta e empurrava tudo para dentro até bater na traseira dela. Não sei quanto tempo ficamos assim, mas deu tempo suficiente para deixar toda a maquinaria envolvida muito bem lubrificada. Para minha alucinação e delírio, o que antes era difícil de controlar quando estava apenas a cabeça, agora tomava toda extensão do corpo do meu pênis e sentia que a medida em que socava, deixava meu saco molhado também já que dava os sons e estalos típicos das relações sexuais com lubrificações extensas. Não iria demorar para eu gozar já que estava aguentando há algum tempo. Ah como eu gostaria de ter bebido umas duas ou três cervejas e embriagado um pouco meus sentidos. Teria garantido uma foda de mais de 1 hora no mínimo…
Nesse momento eu olhada para baixo e via uma cena formidável. Meu pau entrando numa buceta grande e fofa, atolando tudo. Pouco antes de derramar meu sêmen nesse canal vaginal, me sentia um animal reprodutor. Era uma coisa realmente muito louca e acredito que era porque a cadela estava no início do cio, o desejo me dominava e tinha minha masculinidade sob controle e assim não demorou muito para gozar intensamente.
Em resumo, fizemos sexo gostoso e intensamente por uma meia hora. A cadela dava pequenos gemidos e foi um ato bastante intenso e gostoso. Depois de treparmos, fiquei um pouco parado para recuperar as forças, limpei meu pau e fomos para o caro. Sim, eu levei a cadela junto comigo. Trouxe ele para casa e faz duas semanas que estou com ela e há duas semanas estamos transando e muito. Teve um dia em que ela estava com tanto fogo na buceta que demos 12 fodas entre rapidinhas e coisas mais intensas. Bati meu próprio recorde e por enquanto seguimos num entrosamento sexual que quando passar acho que terei de descansar uma semana inteira…

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,50 de 16 votos)

Por #

35 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Naithan

    Você têm contos muito excitantes. Adoro ler suas aventuras, mas faz tempo que não postou mais nada…
    Minha cadela está no 3° dia do cio hoje e ela fica toda boba com meus carinhos. Quando passo a mão na traseira ou penetro o dedo ela fica estática, mas nunca meti meu membro numa cadela. Cara, eu queria dicas. Morro de medo de pegar doença ou engravidar ela. Agradeço muito se puder me esclarecer algumas dúvidas e se poder deixar contato…

    • Sexogang

      Olá @Naithan, valeu!
      Conteúdo novo postado hoje. Deve estar sendo autorizado pelo site…
      Bah, não podia ser época melhor para você foder sua cadela. 1° – se você de joelhos atrás dela estiver na altura certa para penetrá-la, saiba que ela é adequada para seu pênis.
      Se você manter hábitos de higiene tipo, lavar o pau depois do sexo, você não vai pegar nada, fique tranquilo.
      Vocês são espécies diferentes então fica de boa que, seu esperma não vai engravidar a cadela. Pode transar a vontade.

  • Responder Dourado G

    Cade os contos novos ? Você é muito Massa

    • Sexogang

      Opa. Ando super ocupado e difícil achar tempo para escrever os contos/relatos, mas hoje mesmo (10/0702021) posto um conto recentíssimos. Uma série de trepadas com uma cadela porte grande por cerca de 12 dias. Teve um dia que a vontade foi tanta que tomei um Sildenafila e metemos 23 vezes ao todo em 24 horas. Tanto o pau quanto a buceta da cadela estavam inchados no final do dia, mas foi sexo no banheiro, sofá, cama, chão da sala e até dentro do carro (1X de madrugada). A cadela estava no dia H e não me rejeitou nenhuma das vezes, pelo contrário, queria meu penis dentro dela quase que o tempo todo. Sempre que ela vinha me cheirando e metendo focinho na virilha, tirava o pau e metia nela. Cara, ela ficava paradinha e até ajudava a fuder. Foram quase duas semanas intensas.
      Vamos ver se consigo deixar o pau de vocês babando querendo uma xota de cadela…

  • Responder tayler 23

    cadê os novos contos ?
    ansioso e curioso para ler.

    • Sexogang

      Desculpa demorar tanto… segura que hoje posto um que me aconteceu há menos de 2 meses… foi FODA. Meu pau morre de saudades daquela cadela…

  • Responder Ml

    Porra que delicia.Adoro macho que fode cadelas no cio.sou gay ,mas confesso tô louco pra fuder minha cachorra

    • Sexohang

      Adoraria fizer os dois… Cara, se você fizer sua cadela no cio, você nunca mais vai parar. Seu pai ficará louco por ela sempre que ela estiver no cio.

  • Responder TaradoZoo

    Mano, você trouxe a cadela para casa e transou com ela 12 dias?!? Cara, que doido. Conta aí como foram esses dias todos de foda. Estou louco para saber! E àquele rapaz que você disse que comeu o cú dele? Está fodendo ele também? Já meti meu pau em cadela no cio, mas o tesão era demais mesmo. Pena que a cadela só fica no cio pouco tempo e depois só se o cara meter nela todos os dias para o canal e a buceta não fecharem, senão depois é muito difícil. Faz tempo que não peguei mais uma cadela, mas lembro bem como era gostoso o pau todo lambuzado do lubrificante dela. Uma sensação das melhores que já tive. Hoje só faço com vacas porque podem dar a qualquer hora…

    • Sexogang

      Olá. Então, fizemos sim sexo por 12 dias todos os dias e teve um dia que fizemos 21 vezes entre rapidinha e bem dadas, mas acredite, ela queria e naquele dia ela estava com muito tesão. A taxa estava gigante e o pai mal entrada e dava umas duas ou três socadas já se molhava toda… Sempre só transei com cadelas no período do cio e fora disso até tentei uma ou duas vezes, mas não dava certo e elas não ficam a fim como no cio. Vou ver se relato os 12 dias todos em um único conto para você ler…
      Também já fiz com vaca e gostava muito. A vagina da vaca fica numa posição que privilegia as transas e lembro que elas curtiam a trepada. Lembro de uma vaca malhada que não podia ver meu pau pra fora que já se fresqueava toda para receber pica. Chegava a dar uma baixadinha na traseira para eu meter, era uma delícia!!! Sempre gostei e foi com vaca que mais fiz sexo mas uma cadela em cio é uma perdição. Acho que os hormonios dela no período do cio é de deixam o cara louco pela buceta delas…
      Quanto ao garoto, fizemos duas outras vezes já e ele já fez 18 anos…

  • Responder Marvion

    Ae deixa um contato seu pra mim, não consigo te responder

    • Sexogang

      Hummm… Tá a fim de marcar algo? Uma “cruzada” talvez? 😏😋👌

  • Responder Tiago 19

    Caralho, que conto gostoso da porra! Gozei muito e muito gostosinho. Como foram as duas semanas fudendo com essa cadela bucetuda? Conta logo, mal posso esperar.

    • Sexogang

      Cara, ainda estou estasiado. No primeiro dia só dei banho, comida e um lugar para ela dormir e ficar. Ela estava toda “tímida”, mas no segundo dia a timidez deve ter desaparecido porque ela quem veio a minha procura, toda chegada e me deixou no maior tesão. Óbvio que não deu outra, alisei a cota dela um pouco até ficar bem molhadinha e tasquei-lhe a pica para dentro. A maioria das vezes meti nela de 4 atrás dela (gosto da cena), mas fizemos algumas vezes de papai-mamãe também. Cara, transamos várias vezes por dia e teve um dia que fora mais de 20 vezes que meu pênis esteve dentro daquela buceta…

    • Sexogang

      Cara, ainda estou estasiado. No primeiro dia só dei banho, comida e um lugar para ela dormir e ficar. Ela estava toda “tímida”, mas no segundo dia a timidez deve ter desaparecido porque ela quem veio a minha procura, toda chegada e me deixou no maior tesão. Óbvio que não deu outra, alisei a cota dela um pouco até ficar bem molhadinha e tasquei-lhe a pica para dentro. A maioria das vezes meti nela de 4 atrás dela (gosto da cena), mas fizemos algumas vezes de papai-mamãe também. Cara, transamos várias vezes por dia e teve um dia que fora mais de 20 vezes que meu pênis esteve dentro daquela buceta…
      Quer saber se foi bom? A resposta é não. Foi ÓTIMO! Queria isso todos os dias!!!

  • Responder Nick silva

    Mano toqei uma gostosa melhor conto gozei me lambuzei todo de gala, não troco minha amante canina por nenhuma mulher e vc que tranza com cadela sabe o quanto é melhor e mais gostoso.

    • Sexogang

      Cara, buceta seja de cadela ou mulher não se nega apagar o fogo! Cada uma gostosa de um jeito e é claro que a vagina de cadela é algo irresistível mesmo pelo menos para mim quando está no cio… Pena que a cadela que “adotei” saiu do cio na quarta (02/06), mas fizemos tanto sexo que tanto a buceta dela quanto a cabeça do meu pênis ficaram judiados mas valeu a pena cada trepada que praticamos.

  • Responder Dourado G

    Muito fominha você. Nem pra convidar os amigos pra meter junto cara rsrsrs

    • Sexogang

      Fominha mesmo é essa cadela. Pena que saiu do cio. Estava adorando atolar o cacete várias vezes ao dia!!! Àquela bucetona sim era fominha, 19cm engolia tudo e se melação toda. A danada gozou várias vezes nessas quase duas semanas e eu tive o prazer de ter meu pau dentro da vagina dela, prendendo meu pênis dentro dela.

  • Responder InterMan

    Melhores contos do site mano.
    Que massa! Continua contando pra nós, gozei litros aqui.
    Só comecei a contar minhas fodas aqui pq me inspirei pelas tuas histórias. Mas não chego nem perto da tua vida sexual zoo. Tu é massa mano, continua a contar

    • Sexogang

      Nossa, valeu.
      Mano, vou procurar suas histórias. Não sabia que as relatava aqui também. Diz aí se estou mentindo? O que acha de uma cadela no cio??? É impossível de não trepar com ela!!!

  • Responder loirinhaabusada

    Adorei o conto, muito gostoso mesmo.

    • Sexogang

      Gostoso mesmo é o que estamos fazendo há duas semanas a cadela e eu… A danada está chegando aí fim do cio, com a buceta gigante de tanto levar pau e mal meto nela ela se molha toda. Perdi a conta de quantas vezes ela já”prendeu” meu pênis dentro dela… 😏😈😋

  • Responder Rick

    Alguem em BH que curta zoo?

    • Travesti tesão

      sou transexual tenho maior tesão em zoou já pratiquei com galinha e dog tenho vontade de meter em uma buceta de cadela sou de contagem Belo Horizonte quem tiver cadela me add no Telegram @mineirinhat

  • Responder gutao

    cara essa foi fodastica gosei muito continua logo

    • Sexogang

      Assim que ela tiver saído do cio eu volto a escrever como está sendo essas duas semanas de cio, sexo e muita, mas muita piroca na buceta da cadela… Por enquanto estou me dedicando intensamente a fazer sexo com essa cadela o máximo de vezes possíveis. No sábado passado fiquei em casa, comprei umas cevas e ficamos o dia todo e parte da noite trepando feitos dois desesperados. Transamos 21 vezes da manhã de sábado até a madrugada… Meu pau ficou mais tempo dentro da vagina da cadela do que dentro das calças.

  • Responder Anônimo

    Alguém em SC que curte e tenha cadela me chame sou trans e adoro cadela

  • Responder Loira_safada

    Fiquei molhada com seu relato. Que sorte dela, nada melhor do que ter um macho reprodutor.

    • Preza

      Posso ser sei macho. Sou de sp capital deixa contato loira

    • Sexogang

      Se te deixo molhadinha só escrevendo, imagina na prática… Aposto que lhe dou um orgasmo de ponto G em 5 minutos… Quer apostar? 😏

    • PRI

      Eu quero esse orgasmo sexogang! Faz comigo, por favor!? Tenho 35 anos mas os caras têm dificuldade de me fazer gozar. Dizem que é porque minha pomba é pequena e apertada. Sou de Fpolis, SC.

  • Responder Anônimo

    Delícia

    • AndreDog

      Krai. Gozei aqui lendo seu relato. Que vontade de ter uma cadelinha assim…..

    • Sexogang

      Adota uma AndreDog. Não me arrependo nenhum pouco. Ela está me dando uma surra. A buceta dela está gigante e nem diminui mais. A danada dá uma chegada ou levanta o rabo eu já toco-lhe a pica para dentro…