# # #

Relembrando a infância depois de alguns anos. Meu primo finalmente teve o que queria

1477 palavras | 4 |3.00
Por

Vou contar como acabei não resistindo as investidas do meu primo depois de alguns anos das nossas brincadeiras de infância. Dei gostoso pra ele.

O ano era 2006, eu tinha 18 anos e treinava futebol em uma escolinha, e voltava a tarde pra casa de bike, e foi numa dessas voltas que encontrei meu primo mais velho, o Airton que tinha 19 anos e trabalhava em uma oficina, ele me convenceu a liberar meu cuzinho pra ele, e relembrar nossas brincadeiras de infância. Nessa época eu já chupava uma rola com maestria, pois meu irmão tinha me ensinado como mamar uma pica quando eu tinha 13 anos, e depois disso mamei por alguns anos ele, mas nunca consegui dar pra ele, pois sua rola era enorme e eu tinha medo dele me arrombar. Quando eu fiz 17 anos parei de chupar meu irmão e fiquei por um ano sem mamar uma rola, mas meu primo mais novo o Fernando descobriu que eu gostava de dar uma chupada, então acabei mamando ele e foi ele que tirou meu cabaço do cuzinho, depois disso acabei virando sua putinha por alguns anos. Já contei em outros contos aqui como isso aconteceu.
Voltando ao conto eu já tinha dado pro Fernando, e meu primo Airton, acho que desconfiava de nós, pois não perdia a oportunidade de passar a mão na minha bunda e perguntar se eu não queria relembrar nossas brincadeiras de infância. Quando eu tinha 10 anos e o Airton 11 ele era muito safado, foi ele que me ensinou a bater punheta, e me deu umas encoxadas, pois brincávamos de marido e mulher, eu claro deixava ele me encoxar sem reclamar, gostava de se sentir a mulherzinha dele, mas não passava disso quando eu fiz 12 anos paramos com nossas brincadeiras, e retornamos em um dia quando eu voltava do treino uns 6 anos depois. Era um fim de tarde de verão em 2006 e eu estava voltando de bike, quando encontrei com o Airton voltando do serviço, eu não imaginava que ele ia querer me comer naquele dia, pois apesar dele fazer aquelas brincadeiras comigo ele era do tipo hétero machão, mas quando me encontrava perdia a linha e ficava me falando sacanagem, e tentando me convencer a brincar de novo com ele como costumávamos fazer quando éramos mais novos. Nesse dia após nos encontramos na cidade perto da oficina onde ele trabalhava estávamos voltando pra casa pois morávamos perto um do outro na zona rural a uns 5 km do centro. em uma certa altura ele ficou pra trás e deu uma olhada na minha bunda, e comentou comigo que eu tava com a bunda bem grande e falou que provavelmente alguém vinha me tratando bem pra ela estar assim. Eu ri e disse que era por causa do treino de futebol, aí ele falou pra mim que tinha sonhado comigo, e eu perguntei o que ele havia sonhado, aí ele falou que ia me contar a hora que chegassemos em tal lugar que segundo ele tinha ocorrido o sonho. Passado alguns minutos chegamos a um lugar que tinha um atalho por dentro de uma mata já perto de nossas casas. Nesse momento ele falou que era ali que ele tinha sonhado comigo, eu já cheio de tesão perguntei o que ele tinha sonhado. Ele parou a bike e falou pra mim que tinha sonhado que tava me comendo naquele lugar. Eu fiquei surpreso pra falar a verdade pois não imaginava que ele ia falar aquilo com tanta naturalidade, mas no fundo eu achava que ele sabia do meu lance com nosso outro primo o Fernando. Ele então me perguntou se eu não queria relembrar nossas brincadeiras de infância. Eu já tava decidido que ia ter que concordar com ele pois eu já tinha batido altas punhetas pensando nele, mas não podia me entregar já de cara, pois pra ele nem passava pela cabeça que eu já mamava uma rola desde os 13 anos. E também que eu já tinha chupado e dado pro Fernando. Então me fiz um pouco de difícil, e perguntei como foi os detalhes do sonho, aí ele disse que sonhou que eu tava chupando o pau dele, e depois ficava de quatro pra ele e empinava bem a bunda e pedia pra ele que queria levar vara no cuzinho. Eu tava explodindo de tesão, mas perguntei pra ele se ele queria mesmo aquilo. Então ele pegou minha mão e pôs em cima do pau dele que já tava duro que nem uma pedra, e falou baixinho que achava que eu tava mais afim que ele, igual no sonho dele. Então eu comecei a passar a mão com força no pau dele, e ele desceu da bike e me puxou pra fora da trilha em um canto mais escondido. Falou que era pra mim relaxar que ele não ia contar pra ninguém que eu gostava de uma rola, mas era pra mim fazer igual no sonho dele. Então eu não resisti e me abaixei na sua frente e fui com a boca em direção a sua pica, mas fiz de conta que não sabia como fazer, então ele foi pressionando minha cabeça contra seu pau e mandou eu abrir a boca e engolir sua rola. Fiquei um tempo me fazendo de inocente, mas conforme foi passando o tempo eu esqueci que tinha que fingir que não sabia, e comecei na mamar aquele pau como se fosse uma mamadeira. Chupava com vontade, babava na cabeça, lambia, deixando bem lambuzada, pois sabia que ele ia me comer, e apesar de eu já ter dado pro Fernando algumas vezes o pau do Airton era maior, devia dar uns 17 cm. Chupei mais uns 5 minutos, aí o Airton falo pra mim que tava na hora da segunda parte do sonho dele, e falou pra mim ficar de quatro e pedir pra levar vara no cuzinho. Eu baixei meu calção, estava com aquela malha que os jogadores de futebol usam por baixo. Ele deu um tapa na minha bunda e falou que minha bundinha ia ser só dele, mal sabia ele que nosso primo mais novo já andava fudendo meu cuzinho já fazia uns 6 meses. Então fiquei de quatro pra ele, e ele mandou eu pedir vara como no sonho. Eu me fiz de difícil mas concordei com ele e pedi de um geito safado que queria levar rola no cuzinho. Ele então encostou a cabeça na porta e foi forçando, mas ao entrar a cabeça ele segurou meu quadril e colocou todo o resto de uma vez só. Doeu mas nem tive tempo de reclamar, pois ele começou a bombar forte no meu rabo, como se fosse o último cuzinho do mundo. Dava umas socadas e perguntava pra mim se eu tava gostando de estar levando vara. Eu já tava entregue e falei pra ele se era assim mesmo no sonho dele. Ele falou que tava muito melhor, e que a partir daquele momento eu ia ser sua putinha, e ele ia me foder sempre que quisesse. Me comeu durante uns 15 minutos, deu uma acelerada nas bombadas e perguntou se eu preferia levar uma leitada na cara ou no cuzinho. Eu apesar de já ser mestre em boquete e ter vontade de beber um leite, pois ainda não tinha tomado leitinho do meu primo mais novo, o qual já contei aqui como foi, falei pra ele gozar no meu cuzinho, que era melhor. Aí então ele deu mais umas bombadas e encheu meu rabo de porra, fiquei com as pernas bambas de tanto tesão. Eu estava ali de quatro para meu primo com o cuzinho cheio de leite depois de alguns anos desde nossa primeira brincadeira quando tínhamos 10 ou 11 anos, finalmente tinha sido sua mulherzinha como nas nossas brincadeiras na infância. Então o Airton me perguntou se eu tinha gostado de dar pra ele, eu disse que tinha sido mais ou menos, mas que se ele quisesse poderia rolar mais vezes pois eu não sabia bem como dar ainda. Depois desse dia várias vezes eu fazia questão de passar perto da oficina onde ele trabalhava para voltarmos juntos embora, e eu dei pra ele durante mais uns 4 anos ainda, até que ele casou, hoje nos falamos de vez em quando e ele ainda fala que meu cuzinho é dele ainda.
Vou deixar o link dos meus outros contos, pra vcs entenderem como fui iniciado, e mais algumas aventuras, com meu outro primo, e com meu vizinho novinho, essas histórias bem mais recentes.
Por favor votem e comentem, pois isso incentiva a escrever mais.
Até a próxima aventura.
/2021/02/minhas-aventuras-meu-primo-mais-novo-me-comeu/
/2021/03/minhas-aventuras-virei-a-putinha-do-primo-gostosinho/
/2021/03/primo-mais-novo-me-ensinou-a-beber-leite/
/2021/04/minhas-aventuras-meu-vizinho-novinho-delicioso-me-fez-de-putinha/
/2021/04/minhas-aventuras-ganhando-leite-quentinho-do-vizinho-novinho-no-dia-do-seu-aniversario/
/2021/04/vizinho-novinho-meu-machinho-delicia-minha-fonte-de-leite-quentinho/
/2021/04/sendo-putinha-do-primo-novinho-fernando-me-comeu-de-frango-assado/
/2021/05/com-13-anos-viciei-em-mamar-a-rola-do-meu-irmao/

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 3,00 de 2 votos)

Por # # #

4 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder @infinityON

    Nossssa que gostoso, se quiser trocar uma ideia me chama no tele

  • Responder Mlk BSB

    Que tesão. Fui iniciado com 7 pelo meu primo. Desde então tenho tesão nessas coisas, mas infelizmente só fui descobrir esse mundo perv agora. Sou branco 1,80 calço 42.. Se alguém no DF ou GO tiver a fim de parceria no sigilo, me manda um email [email protected]

    • Rivas

      Dónde

    • Rivas

      Eu gostei muito