# # #

Comi minha irmã

1209 palavras | 2 |4.47
Por

Quando vi já estava dentro dela e ela gemendo….

O que vou contar aqui foi algo que aconteceu há muito tempo!
Meu nome e Marcos (fictício)
Minha vida era boa até meus 6 anos era o príncipe da casa até minha mãe trair meu pai e sair de casa grávida de outro, pois meu pai havia feito vasectomia, e foi logo após o meu nascimento, ela (mãe) foi expulsa de casa pelo meu pai e fui criado por ele que me ensinou tudo, vi ele levando mulher bebendo trepando e via sexo ao vivo e a cores de mulheres de todas as cores e idades, e vi isso até meus 16 anos quando ele saiu pra beber e num acidente de carro ele morreu.
Minha mãe engravidou de uma menina que via uma vez ao ano quando ia na casa de minha mãe, passava no máximo 1 semana pois meu padrasto não gostava muito de mim e tinha ciúmes, mas eu nem ligava muito pois já tinha uns dois anos que não via minha mãe e minha irmã e com a morte do meu pai a opção era ficar com a minha mãe, mas pra mim seria temporário pois já havia terminado o ensino médio e queria cursar médica veterinária, meu pai deixou coisas no meu nome e alugueis para eu me sustentar.
Liguei pra minha mãe e ela disse que era melhor ela vir ficar comigo pois o Fabiano (padastro) tava insuportável e marcava em cima concordei e minha mãe e irmã chegariam em 1 semana arrumei tudo na casa de meu pai só tinha 2 quartos sendo 1 suite sala e cozinha grande.
Passada a semana fui com um tio meu buscar minha mãe e irmã quando chegamos na rodoviária eu me assustei com as duas, estavam gatas e quando vi os olhos famintos em cima delas eu cresci o olho mas disfarcei e colocamos as coisas no carro e levamos pra casa, subimos falei pra elas ficarem na suite minha irmã tava linda com 10 anos ela já tinha um corpo bem evoluído com peitos do tamanho de peras bundinha arrebitada uma delícia Branca dos olhos castanhos Claros cabelos negros tipo Ana Paula Arosio quando novinha, minha mãe tbm e linda foram se banhar e minha irmã saiu com um Rob Rosa e fala assim Marquinho posso ver tv pois mamãe vai dormir e eu não estou com sono, achei estranho ela não me vê a 2 anos e sai assim do quarto, vamos a sala ligo a tv e pergunta assim Bruna vc quer comer alguma coisa? Ela diz que sim e deita no sofá e logo preparo um sanduíche pra gente e um suco, levo pra sala e quando chego lá ela tá com as pernas abertas e pra minha surpresa ela estava sem calcinha, na hora o meu pau deu uma subida eu vi uma coisa linda rosinha, ela percebeu que eu vi fecha às pernas mas não abaixa e ainda dá pra vê a sua bunda levo a bandeja e deixo na mesa de centro e saio pro meu quarto da 15 minutos ela vem na porta e pergunta pq eu saí da sala tão rápido?
– irmão o que houve que saiu da sala? ( Óbvio que a safadinha sabia)
Respondi:
– eu estou um pouco cansado e resolvi vir pro cá!
Ela pede pra que eu volte pra sala e insiste e começa a fazer cócegas em mim e eu entro na brincadeira quando vejo o roupão rosa abre e perce que ela tava nua por baixo, parei e me desculpei ela continua me apertando quando ela coloca a mão no meu pau que estava duro e aparente marcado na bermuda (tenho 21cm) ela me indagou dizendo:
– pq tá assim
Eu:
-pq vc tá nua na minha frente, aí ele ficou assim
Ela:
Deixa eu ver?
Eu:
Não tá doida .
Ela :
Qual o problema você já está me vendo agora e minha vez
Eu:
Tá louca a mãe tá bem no quarto do lado
Ela:
Quando ela toma remédio ela apaga, vai eu quero ver.
Eu:
Tá bom eu deixo
Coloco meu pau pra fora e ela automáticamente pega no meu pau que tava duro igual uma pedra, daí eu falo era só pra ver e não tocar ela abre as pernas e fala assim
-pode colocar a mão eu deixo(na hora liguei o Foda-se e meti a mão linda rosinha com penugem mínima)
Perguntei a ela onde tinha feito isso ela falou que o tio faz isso com ela desde os 8 anos mas pede pra eu não contar e fala que os meu pau e muito maior que o dele e pergunta se pode beijar o meu pau na hora digo que sim, ela cai de boca e que boca de veludo, pois o tio tinha ensinado direito, chupou até eu quase gozar falo pra ela parar e digo que e a minha vez e caio de boca e chupo tudo os peitos ela fica gemendo a barriga o umbigo e fui pra xoxotinha chupo tudo tento colocar o dedo e entrou um mas era muito apertado e pergunto se ela e virgem e ela diz que sim, caio de boca naquela bocetinha subi pra barriga peitos e boca dou um beijo gostoso roçando meu pau na sua entrada, coloco ela em cima de mim e fico roçando nela até sentir que ela aumenta as roçadas e fica mole e cai em cima de mim, ela gozou e diz que foi melhor do que com o tio, falo que ela e uma putinha e provoco um pouco e ela levanta e começa e me beijar e coloca meu pau na sua entradinha e forçando e forçando passou a cabeça e foi entrando Quando vi já estava dentro dela e ela gemendo ela ficou parada pois ela era muito apertada e meu pau era muito grande pra ela, e fui pouco a pouco me mexendo e ela também e fomos aumentando os movimentos e cada vez mais forte até que eu gozei muito ela pela segunda vez.
Deitamos eu ainda dentro dela e escorrendo porra, ela em cima de mim dizendo que estava doendo mas estava gostoso, e foi deitando e saindo aos poucos quando ela saiu sujou tudo com porra e sangue eu levantei e vi a xoxota dela estava muito vermelha, falei pra ela ir pro quarto tomar banho e dormir ela se levantou e saiu mais porra com sangue peguei um papel higiênico e limpo as coisas ela e eu e falo que a mãe não pode saber ela concorda me dá um beijo na boca e sai pro quarto quando ela para na porta e me diz que ela e minha e jogo um beijo pra ela e esse dia acaba com ela pedindo pra mãe pra dormir com o irmão !.
Vou continuar no próximo conto e vou dizer como acabei comendo a mãe
Valeu galera até a próxima.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,47 de 15 votos)

Por # # #

2 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Tarado pelas novinhas

    Mto interessante seu conto continue

  • Responder Ribeiro

    Continua logo