# # #

Minha sogra carente 2

709 palavras | 0 |4.89
Por

Essa é continuação do conto , no sabado de manhã Manu mi acordou e mi falou que iria ela a sua irmã Paty e a namorada dela Fe, iriam no centro e depois tambem ir na casa da sua tia e que minha sogra ia fazer almoço pra nós , assim que elas sairam mi levantei e fui a cozinha ,Maria minha sogra estava de camisa sem sutiã e uma calcinha vermelha enfiadinha no bundão dela , voltei para o quarto escovei os dentes passei um perfume de leve e fui até a cozinha só de cueca, dei bom dia e ela deu um bom dia com sorriso safado ela estava na pia cheguei segurei sua cintura dei uma sarrada que nesta hora meu pau já estava duro e peguei um copo , sentei de frente pra ela e ela me disse , seu doido vc bem aproveitou que eu estava bebada e mi comeu né , e eu falei pra ela que ela gostou e gozou gostoso no meu pau , ela ficou na minha frente e eu puxei ela pelo braço sentando no meu pau segurei sua bunda e ela nem reclamou só falou , eu estou sem sexo a dois anos e estou subindo pelas paredes ,e começamos a nos beijar .
Levantamos e fomos para o quarto dela e joguei ela na cama puxei a calcinha dela de lado e cai de boca na sua buceta cabeludinha e testuda igual da Manu sua filha Maria começou a gozar na minha boca dizendo , isso seu safado mi faz gosar na sua boca, a culpa é sua de tranzar com minha filha fazendo escandalo , deitei na cama e mandei ela mi chupar ela mamava como uma puta molhava todo o meu pau , porra que pausão por isso que eu sentir um pouco de dor , ela pegou meu pau todo molhado e sentou na cabecinha e foi descendo devagarinho , é muito gosso , nossa qui delicia eu sentia meu pau chegar no fundo ela dizendo ,o pau do meu ex é a metade do seu , vou gozar meu gerro delicia delicia delicia , joguei ela na cama coloquei ela di lado com uma perna em cima do meu braço e a outra perna dela no meio das minha agarrei um peito dela e a outra mão segurei seu ombro e comecei a judiar dela socando forte bem no fundo , toma sua putinha , ta carente de pau , hoje vc esta dando pra um homem de verdade, goza no meu cacetão , fode filho da puta mi arromba vai porra ,minha filha que mi perdoe mas vou gozar no pau do marido gostosa dela , e gozou gemendo e chorando .
Corri no meu quarto peguei um tubo de lubrificante e um brinquedinho da Manu que uso nela toda vez que faz anal comigo coloque minha sogra de quatro soquei meu pau na sua buceta e lambuzei seu cuzinho com gel e enfiei o brinquedinho no cuzinho dela , Maria deu um grito , ta mi arrombando toda né,ai meu cuzinho filho da puta, soquei forte na sua buceta e ela gozou muitoooooo de molhar a cama , coloquei ela de frango assado na beira da cama lambusei meu pau com o gel coloquei na portinha do seu cuzinho e mandei ela colocar o brinquedinho no grelinho dela e fui enfiando bem devagar ,nossa ele é muito grosso ai meu bem para ta duendo muito , não parei continuei até encosta meu saco na bunda dela , quando entrou tudo ela começou a gozar dizendo , ai meu amor comi o cuzinho da mãe da sua mulher come , fode meu cu seu safado que delicia este brinquedinho no meu grelinho , mandei ela segurar no meu pescosso levantei ela da cama com meu pau tudo dentro do cuzinho dela e comecei a fuder com ela gemendo gritando xingando e eu comecei a gozar , toma sua minha porra minha sogrinha gostosa , fiquei com meu pau esfolado porque não tirei a sua calcinha mas foi muito bom ,tomamos banho e ficamos deitado no sofa eu só de cueca e ela só de calcinha beijando e eu xupando seus ceios bicudo
Minha sogra agora é minha amante , no proximo vou contar quando eu e a Manu bebados tranzamos com a Paty e a Fe

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,89 de 9 votos)

Por # # #

Nenhum comentário

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos