#

Primeira foda com cadela Galgo no cio

1063 palavras | 17 |4.93
Por

Experiência de foder a cadela da raça Galgo no cio. Faltam palavras para descrever.

O que vou contar aconteceu há algum tempo. Na época eu tinha 16 para 17 anos e morava no interior de uma cidade ao sul de Santa Catarina.
Acostumado a uma lida no campo, sempre fui bastante forte. 1,78 de altura, em torno de uns 75 quilos e um pênis mediano (19 cm de comprimento e 5,8cm de diâmetro).
A primeira experiência zoo, foi com uma cadela de caça de um primo. Esse primo adorava caçar e não sei bem o motivo, mas tinha muitas cadelas de raças diferentes, mas sempre com o perfil de caça.
Certa vez ele havia dito que teria de prender algumas porque estavam entrando no cio e não queria que ficassem prenhas de qualquer cachorro, mas de vez enquanto uma sempre acabava fugindo e sempre ia lá para casa até porque sempre tivemos cães e gostamos. Sempre tratamos muito bem e acho que eles também gostavam da gente.
Certa vez, estava trabalhando na colheita do mel e eu tinha que percorrer uma distância bem grande, morro a subir e depois descia com as caixas de mel (melgueiras) que pesavam bastante e num sol de derreter o lombo.
Já era umas 11:00 da manhã, eu subia o morro e antes de entrar na área de mata onde ficava o apiário, veio correndo em minha direção uma cadela desse meu primo. Era uma cadela magrela e bastante grande, da raça Galgo. Chegou perto de mim e começou a brincar. Fomos indo em direção ao apiário, mato a dentro, e ela ia na minha frente quando percebi o bucetão gigante da cadela balançando na minha frente. Era algo bonito de se ver. Inchada, dava de ver que estava bem no cio.
Àquela buceta grande me chamou muito a atenção e quando estávamos no matagal, resolvi colocar a mão naquela bucetona. Quando encostei, percebi que era bastante quente e saindo uma gosminha. Tinha um cheiro um tanto forte e característico. Não sei se foi o cheiro, o tamanho da buceta ou tudo junto mas me deu um tesão imenso que não posso descrever. Meu pau ficou duro na hora, e chegava a latejar dentro da calça. Isso me deixou muito desconcertado e também com pensamentos sacanas e insanos.
Parei e resolvi brincar um pouco com àquela cadela. Quando coloquei a mão sobre as ancas dela, ela parou e empinou a bunda, expondo ainda mais o tamanho daquela buceta enorme, carnuda e muito, mas muito avermelhada. Coloquei a mão naquele bucetão que enchia a mão e comecei a colocar o dedo indicador que entrou muito fácil. Brinquei de um vai e vem e meu dedo saiu muito melado. Isso me deu o maior tesão que eu já tive. Meu pau doía de tanto tesão e resolvi tirar para fora quando percebi que estava duro como nunca esteve. Esfreguei a cabeça do pau naquele bucetão e quando a pontinha da cabeça do pau passava pela entrada da buceta, ele ficou melado da buceta. Senti como era lisinho e convidativo. Não resisti e resolvi meter meu pau naquela buceta que pedia para foder.
O mais doido é que quando fui colocar meu pau para dentro daquela buceta, a cadela começou meio a rebolar, e meu pau foi entrando lentamente e a medida em que ia entrando ela ia se mexendo e eu sentindo como era quente, bem apertado e molhadinho lá dentro. Era de deixar qualquer macho louco e como se não bastasse, depois de um minuto mais ou menos, quem que eu estava num vai e vem de pirar o cabeção, a buceta começa a apertar e meio que mastigar meu pau. Era muito forte. Apertava da base do meu pau para a cabeça. Imagina sentir isso dentro daquela buceta quente e molhada. Eu estava louco para gozar mas logo aquele mastigar forte foi ficando mais fraco e eu socando o bucetão que ficou molhado demais ao ponto de escorrer um liquido translúcido que molhou todo meu pau, saco e escorreu buceta e pernas traseiras da cadela. Tive que parar de foder ela porque alguém estava vindo, já que eu tinha demorado para levar as melgueiras…
Fiquei o dia todo pensando no que tinha acontecido. À noite, fui para a aula (ensino médio) mas não conseguia tirar aquilo da cabeça. Acho porque eu não tinha gozado. Quando terminou a aula e eu fui para casa, já era umas 22:30 para mais, sempre tive que fazer um percurso bem logo à pé, no escuro apenas com uma pequena lanterna. Quando estou chegando perto de casa, vejo que a mesma cadela estava me esperando… O tesão me subiu na hora. Fui chegando perto da cadela e ela veio em minha direção. Fui fazer carinho nela e ela ficou toda boba e quando fui indo para a parte de trás, ela se virou e ficou paradinha, meio que levantando a bunda mostrando o que eu mais desejava naquele momento. Só tirei meu pau que estava duro e doendo de tesão, encaixei na portinha e quando fui meter a cadela só se firmou e empurrou para trás. Meu pau entrou todo nela sem nenhuma dificuldade. Estava molhada demais. Eu sentia a gosminha dela na cabeça do pau. Era quente demais e começou novamente a morder meu pau e eu comecei a meter com mais força. Meu pau desaparecia dentro daquela buceta. Eu não queria mais tirar lá de dentro de tão gostosa. As contrações que ela fazia são incomparáveis e tão quente… Eu fiquei fodendo ela por uns 5 minutos no máximo até que senti que iria gozar e não fiz nenhuma questão de segurar. Só deixei acontecer. Eu gozava enquanto a buceta dela me apertava o pau. Foi muito bom. Na verdade foi a coisa mais gostosa que eu já tive.
Quando terminamos de foder, eu estava com as pernas muito banbas, meu pau bastante inchado e a buceta da cadela continuava inchada. Essa foi minha primeira vez e certamente foi a coisa mais deliciosa que fiz. Nunca consegui esquecer e pela primeira vez, 17 anos depois, resolvi contar.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,93 de 30 votos)

Por #

17 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Mlkaozoo

    Poh q dlc mano… Será q seu primo não as traças tbm?

    • Sexogang

      Acho ué não, mas vai se saber…

  • Responder GarotoRS

    Massa de conto. Continua man, fiquei curioso

    • Sexogang

      Talvez mais tarde eu escreva então e publique mais tarde…
      Você é de onde? Já fez com cadela ou vaca?

    • GarotoRS

      Cadela também

  • Responder PutinhAqamaCp&Zoo

    Que excitante, você escreve bem 💕 queria dar pra um novinho tbm aff

    • Sexogang

      😏😋😏😋😏😋

  • Responder Dourado G

    Muito massa. Ja quero uma continuação

    • Sexogang

      😀
      Com essa cadela tive algumas outras vezes. Posso contar caso queiram…

  • Responder Roh271

    Delícia 😍

  • Responder Thor

    Alguém do Rio de janeiro com pet pra dividir?

  • Responder Meninão

    Eu curto zoo também,pratico com meu amigo no sítio dele,adoro ser penetrado pelo seu pônei,é muita porra que sai do meu rabo,depois mamo o mastro de carne até saciar a minha sede por porra quente

  • Responder Kiko leandro e bruno

    Tenho uns contos aqui com uma Husky novinha, que foi uma delícia

  • Responder Kiko leandro e bruno

    Muito bom, cadela no cio é delicia demais, quando é virgem então 😛

    • Sexogang

      Nunca tive a oportunidade de pegar uma que fosse virgem, mas já que deu bastante trabalho para entrar, mas acho que porque não estava no auge do cio… Mesmo assim, é uma experiência única. Só o que a danada aperta o pai do cara lá dentro dela já é de enlouquecer…

  • Responder Pervão

    Caralho… não tem coisa melhor do que bucetinha de cadela. Ainda mais quando é putinha assim 🤤😋
    @duar23 se quiser chamar no telegram pra rodar ideia

    • Seogang

      Você tem razão “Perdão”. Cadela no cio por si só já quer dar. Tem vezes que o tesão delas é tanto que o cara até sofre…