# #

Eduardo – insaciavél

1546 palavras | 7 |4.88
Por

…o menino ainda fez um desfile particular colocando sua cueca cravada na bunda igual a uma calcinha

Já eram quase 05 horas da tarde quando a mãe de Edu veio chama-lo com autoridade batendo na minha porta.
Mãe do Edu : Eduardo( o chamava pelo seu nome e sobre nome)já chega de ficar na casa dos outros ,ja esta de bom tamanho.
Edu abriu umas das janelas com cara de bravo.
Edu : poxa mamãe agora que o jogo esta ficando bom.
O menino estava de cueca e com seu pauzinho ainda meio duro por conta das caricias que faziamos ate então ,por isso ele apareceu da janela mostrando da cintura pra cima.
Mãe dele : não quero saber , se voce não vier agora não vou deixat voce vir aqui na casa do Robert nunca mais.
Então Edu ajeitou sua cueca que estava toda dentro de sua bundinha colocou uma bermuda e pegou suas coisas e se foi ,neste meio tempo sua mãe veio me agradecer por ter ficado com seu filho esta noite.
Eu : quando precisar estarei as ordens.
E assim nossas vidas seguiam normais, eu ja estava bem de boa em relação a Edu abrir a boca e contar algo ,pois se não deu merda ate agora com certeza não haveria de dar mas.
Na terça -feira teve uma briga feia entre Edu e sua mãe , o namorado dela doido pra rancar outra veio neste dia e o menino Edu com a intenção de vir pra minha casa falou que não ia ficar ali com ele e que queria vir pra minha casa , já eram 10 da noite quando me aparecem na porta de casa Edu e sua mãe que pedia mil desculpas pelo incomodo da hora
Mãe dele : me desculpa Rob , este menino esta terrivel.
Edu : claro , eu é que naõ vou ficar com aquele estranho dentro de casa.
Eu : calma gente , voces só tem a voces mesmo e se ficarem brigando vai ser pior.
Mãe dele : eu não vou me estressar , vou é namorar um pouco que faz bem.
Edu : namorar é , sei bem.
Eu : por mim não tem problema o garoto pode dormir aqui mais esta noite.
A mãe dele saiu sem dizer mais nada , entramos tramquei a porta e o menino ja veio com tudo pra cima de mim.
Edu : caraca Rob tava com saudade de voce , de nossas brincadeiras.
Eu : que bom que o seu plano deu certo ,pois eu tenho uma surpresa pra voce.
Edu : poxa ,e oque é ??
Eu primeiro vai tomar uma banho pra tirar este suor do seu corpo , e jaja eu levo a surpresa .
O menino foi pensativo mas alegre pro banho , tentando adivinhar a tal surpresa , no meio de seu banho onde ele disse.
Edu : Rob estou lavando meu buraquinho e vou deixar ele bem limpinho pra voce brincar bastante com ele hoje, o que a gente faz é tão gostoso.
Coloquei na porta do banheiro ma calcinha rosa e um sutiã de folrzinha com enchimento para mocinhas com peitinhos em formação , fui pro quarto esperar por Edu na cama só de cueca , derrepente ouço um gitinho de felicidade , era o menino super contente com meu presente.]Então ele veio , tava super sex e ele puxou a calcinha colocando no rego igual as mulheres fazem e quanto ao sitiã caiu perfeitamente no garoto ,aquilo foi altomatico quando vi ele assim meu pau deu uma pulsada tão forte.
Ele deu uma voltinha e logo em seguida começou a desfilar , nossa ele tava muito gostoso,lindo um tesãozinho , sua bundinha ficou maravilhosamente perfeita dentro daquela calcinha , e como ele ja tinha peitinhos o sutiã ficou no ponte certo .
Então Eduardo começou a rebolar dançando uma musica imaginaria com movimentos bem safados só pra me provocar , subiu na cama se apoiou em meus joelhos e veio ameaçando chupar meu pau mais parava no meio do caminho , e eu ja estava muito louco e desesperado pra comer aquele cuzinho de novo , meu pau chega tava doendo de tão duro.
Então Edu veio de costas pra mim e foi sentando no meu pau , que sensação gostosa aquele menino me faz sentir , agarrei em sua cintura e comecei a roçar desvairadamente naquele rabo , o levantei um pouco e tirei minha cueca ficando completamente nu ,com o pau latejando e ja todo babado e louco pra enterrar em Edu , que me estigava cada vez mas ,fui pra arrancar sua calcinha e
Edu : pode parar Rob eu quero brincar com voce assim de calcinha ,pois hoje sou sua menina.
Beleza , então me levantei e ja fui colocando a calcinha de Edu de lado e fui caindo de lingua naquele cu que fez o menino dar uns gemidinhos bem de prazer.
Edu : sua lingua é aiiiii,aiiii uma delicia Rob , aiiiii ,aiiiii, eu adoro quando voce me chupa ai atras aiiiii.
Chegava estalar de tanto que eu linguava e chupava aquele cuzinho gostoso , Eduardo ficou de quatro bem empinado apoiando com os cotovelos na cama.
Fiquei chupando o cuzinho de Edu por uns 15 minutos , dei um capricho naquelas pregas dele o fazendo ver estrelas .
Edu : mete seu pintinho ai atras Rob.
eu estava querendo fazer amor com o menino ,passei o gel lubrificante e fui metendo com muito carinho em Edu , que fechou os olhos e foi curtindo cada centimetro de meu pau que ia entrando , então fui fazndo o vai e vem e ia ficando cada vez mas frenetico , e Edu gemendo igual uma puta no cio , feito mulher quando ta afim de dar mesmo.
Edu : Rob mete igual da ultima vez , por favor.
Intencifiquie as estocadas.
Edu : mais forte um pouco pra ficar gostosinho.
Gosto sempre de meter com pressão ,mas como Edu é um menino tinha medo de machuca-lo , mas ogaroto tava atacado aquela noite.
Meu pau estava duro de tanto tesão que quanto mais eu metia e ouvia Edu pedindo mais mais , mas eu ia fudendo aquele cu cada vez sem dó ,eu deslizava pra dentro e pra fora de Edu com gosto , meu pau sumia parecendo ser devorado por aquele cuzinho insaciavel e novinho , Eduardo continuava de quatro mas levantava a cabeça com os olhos sempre fechados de boquinha aberta e gemendo o tempo todo , o menino estava alucinado , e pedia pra meter com vontade sempre que eu diminuia o ritmo e quando eu socava com vontade ele dizia
Edu : que delicia seu pau Rob , ta muito mais gostoso hoje.
Botei ele de lado com umas das pernas em meu ombro e ficou melhor pra meter , assim pude dar um beijo bem gostoso em sua boca.
Edu gozou saindo um liquidozinho bem ralinhoinho.
Edu : ahhh ,ahhh isso foi bem legal Rob.
Demos só um pequeno intervalo mas eu continuava com o pau dentro socado naquele cu.
Edu : mete mas Rob , soca seu pintinho no meu buraquinho.
Estava prestes a gozar , pois não conseguia segurar mais, então despejei litros de leite quentinho em Edu que sentiu meu pau latejando dentro dele.
Eduardo ja estava com pauzinho durinho denovo , então desta vez tirei sua calcinha e fui chupando seu pauzinho e o garoto pediu pra eu meter o dedo em seu cu enquanto o chupava , em pouco tempo meu pau ja estava meia bomba e então seguimos pra um 69 apos um banho, ficamos por um bom tempo nessa putaria ate que o menino gozou em minha boca , uma aguinha bem saloba e ralinha de tudo , o menino relaxou em baixo mas não em cima e continuou a me chupar com muita vontade , ele me sugava praticamente , não deu outra gozei na boquinha do menino que por sua vez tentava engolir tudo o que podia , ele apertava meu pau na vontade de sair mais , nisso ja eram quase 4 da madruga , me parece que Edu tava dando uma tregua ,nós estavamos muito cansado ,exaustos ,nossos pintos flacidos por ser arrancado mas do que podiamos em pouco tempo , tambem a vontade o tesão de ambas as partes era grande.
Edu pediu um beijo e deitou a cabeça em meu peito encostou seu pequeno penis em minha perna esquerda de forma que pudesse ficar roçando e ao mesmo tempo foi me punhetando fazendo meu pau ganhar vida aos poucos e denovo, botei Edu de costas pra mim e fui metendo novamente em seu cuzinho ,desta vez dando pouco trabalho pra penetra-lo
Edu : vai Rob , mete com força vai , mete, mete.
Edu esta noite me surpreendeu e muito.
Estavamos tão cansados que não conseguimos terminar a transa tava metendo de conchinha,bem abraçadinho , dormimos daquele jeito eu com o pau socado no cu dele.
Ja eram 09 horas da manhã quando acordei e Edu não estava na cama , meu pau ainda com um pouco de bosta e uma outra coisa resecada , ainda achando que era um sonho tudo o que tinha acontecido ,o menino tava bem mudado , mas solto querendo tudo em termo de sexo , nem parecia aquele Eduardo totalmente inocente e puro , derrepente vem Edu entrando no quarto vestindo sua calcinha com seu sutiã e uma camisola transparente que eu tinha escondido pra mas uma surpresa.
Edu : e ai , pronto pra continuar a brincadeira

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,88 de 16 votos)

Por # #

7 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Aurelio

    eu ia ficar muito feliz com uma criança dessa , que tesão

  • Responder Michelle

    gostei muito do seu conto me excita muito

  • Responder Metedor

    sou seu fã cara

  • Responder 40rentão safado

    o menino que me procura sempre e eu nunca vou despensar aquele cuzinho gostoso

  • Responder Macho do john deere

    John minha putinha louca por rola favorita fogo no seu rabo não passa ne mais eu apago esse fogo viu princesa um beijo do seu macho

  • Responder Ric

    Delícia de conto.

  • Responder cacetinhobom

    sempre me surpreendedo em seus contos muito bom continua