# # #

Putinha no conto Minha vida pecaminosa

2260 palavras | 5 |1.80
Por

Papai e titia viciaram em sexo 45 anos atrás quando ele aos 11 anos e ela 7 a menos ficavam aprendendo se lambendo nas dunas durante ferias na praia.

Lembro com tesão minha iniciação, vagamente lembro que era delicioso papai dando leite na madrgada mamando na mamadeira de cheiro estranho mas viciante a cada mamada e aos tres anos quando descubri que ele lambia minha bucetinha e era delicioso sentir quando fazia xixi em jatos que ele tomava e espirrava leite e eu fazia força para engolir. Mamae tinha pouco leite, mas ela dizia que eu fazia ela ter prazer igual ao que eu sentia quando ela me dava banho e lambia minha buceta ate espirrar o que eu achava que era xixi, mas papai disse que era igual ao esperma que eu engolia e igual ao liquido que mamãe expelia quando lambia sua buceta fazendo ela gritar de prazer e ter contrções várias vezes. Um dia ela explicou que muitos homens ficavam insatisfeitos com suas esposas e pagavam pra ela chupar as vezes vários e era nisto que trabalhava, me mostrando filme onde várias chupetas eram engolidas inteiras e dava pra ver os homens enfiando tudo e tirando varias vezes até eles gemerem e despejar leite, que mamãe disse pra mim chamar de porra. Disse que a noite um cliente dela iria enfiar na racha dela e ela pediu se eu queria ver ela de quatro e eu chuparia ela enquanto ele enfiaria e eu poderia lamber o caralho, assim que devia chamar e não mamadeira. Ela ficara sabendo que eu chupava o caralho de papai várias vezes e que eu já tinha idade pra fazer com papai tudo o que ela faria com o cliente, sendo que papai autorizara a chupar e emgolir a porra dentro do carro e se eu gostasse poderia chupar os pais das amiguinhas para ensinar elas. Senti tesão na hora lembrando que numa noite que dormira na amiguinha ela avisava que acordava emsopada e as vezes engolia e o homem chupava ela que já dormia sem calcinha. Não sabia quem era pois morava com irmão com 20 anos, avo que ela sentava no colo vendo TV e sentia o pau com a cabecona fora e ela ficava esfregando sua buceta encaixada na cabeça do pau. Sua mãe via e saia da sala enquando ele enchia de porra seu utero através do cabacinho já alrgado com o cabo da escova de cabelo que ela enterrava tudo com seu irmão de pau duro saindo pelo lado do calção obrigando a ver se a escova arrebentara meu cabaço, enquanto ele pedia pra ela pegar e beijar ate sair porra e pegar um copo e deixar a porra encher. Sozinhos em casa ela perguntou se era ele que esfregava o pau e lambia a chana até ela sentir o mesmo que a escova fazia sentir. Com muito tesão chupando e vendo que ele era um que fazia sexo na madrugada, ela pediu para chupalo igual ela tinha visto sua mãe chupalo. Na mesma hora ele tirou o calção avisando que iria gozar na sua boca e ela tinha que engolir. Chupou igual via sua mãe chupando o vovo e depois comendo ela, enquanto o mano enfiava a escova e lambia a chana até esguichar gozando contraindo e gemendo quando espirrou na garganta a porra com todo pau contraindo e deslizando pulsando até ela encostar o nariz no saco que se contorcia a cada jato espirrando quente. Quando ela puxou ar saiu leite pelo nariz, fazendo o cheiro da porra ter feito ela gozar multiplos orgasmos enqunanto ele comia sua boca despejando porra em jatos finos.
No fim ela descobriu que eram todos da casa que faziam organizadamente planilha, sendo que passou a chupar todos e seu irmão a comeu primeiro. Fizeram uma noite de orgia com os tres me comendo na sala enquanto mamãe fazia plantão. Me confessaram que comiam ela no cine porno onde chupava dezenas de homens
No dia que fui dormir lá, fui de minissaia curta sem calcinha onde papai puxou a saia pra cima deixando todos de pau duro no onibus lotado, que fui arrumando um sentado com moleton dele esticado com pau escorregando e saindo com cabeça do tamanho de bolas de golfe roxa e molhada de creme branco de sebinho espalhando seu ferormonio a ponto de duas mulheres no banco da frente cochicharem pra mim chupar que foi na mesma hora ao esfregar e com dificuldade engolir a cabeça e sentir o creme afrodisiaco fazer minha boca ficar toda rodeada de esmega que logo secou enquanto ele espirrava tanta porra que ao puxar ar veio porra. De joelho na pontinha do banco, vários tinham me chupado, inclusive uma moça crente com o marido ao lado que ela mandou me comer com seu micro pau que enfiou no cuzinho e gozou em segundos enquanto a crente chupava um senhor que dizia: não filhinha enquanto ela tirava o vestido revelando ter em torno de 10 anos. Se apoiou no banco passando a me ajudar e lambendo e comendo esmegma, enquanto seu pai e pastor da Igreja deles a comia pedindo para orarmos e o senhor abençoar com espirito santo o esperma como alimento e o orgasmo delas que o senhor jesus batizava no orgasmo delas desde recem nascidas até quem tomava seu esperma e viciava chupando todos, desde o imperador, senadores, soldados e seu pai leproso e mendigos, e centenas de leprosos que moravam em barracos no mato.
Era noite, mas todos homens ficaram até serem chupados, alguns com filhas sem experiencia e ensinei elas chupando varios enquanto meu pai tirava o cabaço e a mais nova ainda usando fraldas chupava seu pai junto com os outros. Ficamos mais duas horas no onibus no final da linha e eu fui na sala dos motoristas e cobradores pedindo para ficarmos, me desculpando pelo cheiro delicioso de sexo,. Um cobrador viu minha chana e pediu para ir no onibus vazio onde eu mostrei no celular a putaria, falei para ver seu pau, se tinha filha e se gostava de incesto. Ele disse que falaria se eu ficasse mamando sua tora de 20 cm e cabeça fina, ideal para enfiar na garganta. Nisto apareceu um motorista com vergonha de entrar na suruba mas que adorava comer suas filhas gemeas. Falei pra trazer elas que a orgia funcionava trocando as filhas e perguntei se eram taradinhas e se ele ensinara. Sim desde quando trocava as fraldas delas e chupava as duas até gozarem e viciaram em me chupar após virem suas vizinhas chupando o avo e o pai delas junto e chupar o pau do poodle e engolir seu leite minhas taradas fizeram sexo com dois cachorros de rua na minha frente e arrumaram a cadela do vizinho chuparam sua buceta inchada e no cio e mandaram eu comer ela até ela gozar. Botava meu pau enorme grosso igual garrafa de cerveja na base e afinando até chegar na glande fina e comprida, ideal para comer novinhas virgens e bastante esmegma que se bem usado na idade certa, viram taradinhas, sendo que eu havia iniciado uma sobrinha e aos 10 anos já botava tudo dentro, fazendo buceta ficar apta a enfiar garrfas na buceta quanto no cu, que ela fazia de madrugada fazendo duas garrfas sumirem totalmente enquanto chupava amiguinhos e ficava de quatro pedindo para eles filmarem e espalhar na escola ela com mascara.. Um deles pegou a filhinha que recem deixara de usar fraldas, sendo lambida e tendo orgasmos com seu poodle e do nada passou a mamar engolindo porra várias vezes ao dia. Um vizinho viu e disse pra ela chupar pau de homem, seu pai ensinaria se pedisse, mas ela tinha vergonha. Pediu pra ela chupar seu pastor alemão e ele mostraria como era pau de homem e ela podia experimentar o dele se ficasse em segredo. Sua irmã que entrou pra escola faz um mes, veio me pedir porque suas amigas chupavam seus irmãos e queria ver meu pau e ela mostraria tudo. Fizemos de madrugada e ela cheirou
meu pau com algum sebinho enquanto eu lambia a chana que gozou espirrando na minha cara. Pediu desculpas pelo xixi, eu disse ue não era xixi e sim porra de mulher e que eu mostraria com era porra se ela mamasse meu pau como mamadeira e tomaria porra de homem. Falei que a vizinha chupava o pau do poodle e ele gozava na boca dela enquanto chupava sua buceta até ela fazer igual minha mana fizera. Mudei ela colocando ela de frente para mim que estava com pernas abertas escorado na cabeceira. A primeira coisa que falou foi o que era aquilo embaixo do pau. Falei que era ali que era fabricado o leite e que as femeas lambiam antes de lamber o pau. O cheiro do saco e virilha era forte pois não tinha lavado dois dias para ela despertar a libido. Lambeu dizendo que faria um pouquinho, mas ela gostou e lambeu sem eu pedir meu cu, saco e virilhas durante uns vinte minutos, dizendo que achava que fez certo pois meu saco estufou ficando enorme, passando a lamber meu pau e beijava ficou lambendo até a pele da ponta quase fazendo esporrar, botou na boca a pele e enfiou a lingua lambendo parte da glande e a pele lotada de esmegma, o cheiro era forte mas como é normal acionou a libido que acionou o cio, não precisei falar, fez tudo, até esfregou ele na cara ficando sebo branquinho nas bochechas, narinas e em volta da boquinha. Voltei ao 69 e me assustei com seus labios inchados, grelo enorme e himen dilatado dando para enfiar dois dedos enquanto chupava seu grelo e lambia delicadamente. Rompendo o silencio, perguntou se podia enfiar todo meu pau até a garganta já que ela vira suas amigas fazendo isto e aparecia o pau que tinha 18cm entrar todo e aos poucos ele comia a boca, enquanto ela ficavana ponta da mesinha com a cabeça caida. Seu tesão fez ela fazer o que tinh feito com uma prima, chupar sua boceta que viu estava bem arrombada, ela me falou que seu pai a comia enquanto sua mãe trabalhava, e eu vira o enorme pau sumir na boceta fazendo sua barriga marcar bem o pau que chegava até o estomago e depois enfiar no cu sumindo e fazendo ela gozar sem parar enquanto ele enchia seu cu de porra que aao tirar mostrou o buraco enorme e o cheiro de coco grudado no pau e que ela chupou demordamente e passando a lingua no seu coco mole e com um grão de milho do xis que comeramos meio dia e que ela mastigou ao tirar com os dentes a merda que ainda tinha atras da cabecona.
Por fim depois ficar assada e arrombada por gozar com mãos enfiadas no cu e buceta e ser estrupada por chapados tarados e meu pai sendo comido e gozando sem parar com paus enormes atingindo sua prostata e tendo de tomar dois copos de porra e uma garrafinha cheia de tudo um pouco alem de meia garrafa com tambéem porra deliciosa, chegamos as 5 da madrugada, onde minha amiguinha sentiu nosso cheiro indescritivel, pediu para papai dormir com ela e eu com seu avo, pai e irmão, onde finalmente chupei e dei de todos jeitos enquanto papai se deliciava ensinando sexo para minha amiguinha virgem durante tres dias até mandar seus familiares e eu irmos pescar e fazermos uma orgia demoniaca raptando um Vo e sua netinha que foram drogados e levados para local onde ocorrem estupros filmados e vendidos na dark web. Confesso que fui estuprada pelo namorado de mamãe e dois amigos enquanto ela trabalhava chupando em cabaré de beira de estrada estando vendada e amarrada e
o dono deu drogas que a deixram sem dormir e insaciável tomando porra xixi e chupando cavalos, cachorros e porcos, tendo sido penetrada várias vezes por cavalos no cio e que penetravam enquanto minha mamãe puta gozava e chupava onibus lotados de trabalhadores sem a venda. No final eu tinha sido comida sem parar na casa de um deles que cobrava 2,00 para chupar mais de 50 paus, e agora confesso: adorei e vou repetir to louca para ser escrava sexualfotosoriginaisefilmesmeuscom papaieorgiasem praias de nudismo priveO velho testamento contava em detlhes e foi excluida no seculo XII porque cristãos praticavam as práticas sexuais judaicas qprendidas quando o povo judeu era escravo dos egpcios que obrigavam as meninas desde bebes a tomarem seus gozos interminaveis enquanto os pais eram obrigados a comerem suas filhas e netas/filhas. Suas esposas engravidavam de seus pais ou irmãos. Escravos africanos gigantes com menbros enormes tinham seu enorme saco escrotal lambidos bem como seus prepucios enormes brancos de esmegma eram lambidos por meninas já na preadolescencia que adoravam chupar os enormes menbros de 50 cm até gozarem na banheira da rainha até enche-la de esperma branco e denso com cheiro almiscarado e gosto adocicado. Cerca de 50 escravos, 10 por vez em torno da banheira, enquanto 50 meninas chupavam e lambiam até o anus de barriga pra cima com as pernas abertas enquanto seus pais ofereciam suas fihas no cio para filas de homens come-las e engravidar. Era um ritual preparados pelas mães que chupavam para conseguir engravidaSou filha no conto Minha vida pecaminosa.Fotos de paus com muito sebo gozando recebem foto minha mamando papai enquanto engolia sua [email protected]

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 1,80 de 5 votos)

Por # # #

5 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Will

    Conto bem confuso, exitante mais fora de ordem, mesmo assim gozei !!!

    Telegram: @Will_town
    Meninas chamem pra batermos um papo goatoso sobre aventiras deliciosas

  • Responder Rafaella

    Colou frases de outros contos ??

  • Responder silvia

    Para quem gosta de SEXO, belos corpos femininos, ♥ respostas francas a perguntas ardentes para meninas … Bem-vindo .. (copie o link) ➤ plu.sh/platform

  • Responder Nando

    O autor cheirou o quê?

    • Ed

      Algo bem forte , kkk !