# # #

Aos 21 perdi a virgindade com minha irmã de 7 anos

1892 palavras | 39 |4.49
Por

Bom dia, me chamo Bruno, tenho 21 anos moro no Rio Grande do Sul.
O que vou contar aqui é totalmente real.
Eu sempre fui muito tímido, muito acanhado com mulheres, nunca namorei, só fiquei com uma garota na vida, eu não vou mentir já faz uns 8 anos que bato punheta, comecei a bater tipo quando eu tinhas uns 13. Consequentemente eu fui entrando nesse mundo da pornografia, me tornei um jovem viciado em ver vídeos na Internet, na real eu acho que é normal até pq nessa idade é assim mesmo..
Há alguns meses eu conheci contos sobre incesto, vídeos também , no começo eu nem ligava muito.
Com o passar do tempo eu fui lendo e vendo cada vez mais vídeos sobre esse assunto.
Foi aí que aos poucos fui começando a ter desejos pela minha irmã de 7 anos. Ela se chama Gabriele.
Na verdade eu comecei a ter desejos até pela minha mãe, eu passei a consumir tanto esse tipo de conteúdo que naturalmente eu me vi nessa situação.
Mas com a minha mãe seria tipo loucura, só ficava com pensamentos maliciosos, já com a minha irmã as coisas começaram a ficar diferente.
Eu estava naquela fase de querer fazer sexo logo, eu tinha que fazer de qualquer jeito.
Lembrando eu era virgem até o acontecimento que vou contar.

Pois bem vamos ao que aconteceu.
Um dia, um certo dia, eu fiquei em casa sozinho com a minha irmã Gabriele de 7 anos.
Ela estava na sala vendo desenho, lembro direitinho, eu me sentei do lado dela e fiquei conversando normal.
Quando eu resolvo do nada perguntar se ela já tinha arrumado algum namorado na escola, eu sabia da inocência que ela tinha, por isso eu fiz essa pergunta, óbvio que ela disse que não tinha.
Então fiz outra pergunta, perguntei se ela tinha vontade de beijar na boca, eu disse que ela poderia falar a verdade eu não ia contar pra mãe.
Minha irmã ficou na dúvida mas disse que sim.
Antes mesmo dela dizer que sim eu já estava até com o pau um pouco duro dentro da cueca, eu achava ela muito gostosa apesar de ter só 7 anos.
Ela tem uma bundinha muito bonitinha, já vi ela de calcinha várias vezes quando fomos no clube.
Ela não tem peitos ainda, é bem liso sem nada.
Mesmo não tendo isso pouco importou porque o que eu gostava nela era a bunda.
Como eu disse antes eu fui ficando com o pau duro, eu arrisquei sem medo e perguntei se ela queria beijar escondido lá no quarto, disse que ia ensinar ela como beijar na boca.
Minha irmã falou: Mas e a mãe, ela vai deixar?
Eu respondi, a mãe não vai saber, ninguém vai saber vc não pode contar pra ninguém, eu quero te ensinar a beijar você quer ou não.
Ela disse não sei.
Claramente ela não sabia o que dizer.

Eu peguei ela no braço e fui pro quarto, entramos e eu falei, vou te ensinar mais não pode contar pra mãe, você promete?
Tá bom prometo.
Era tudo o que eu queria ouvir.
Eu tremia igual vara verde, mesmo sendo mais velho eu era virgem e tinha receio de várias coisas.
Mas a vontade que eu sentia naquele momento era mais forte.
Então agindo pela vontade eu me sentei com ela na cama e nos beijamos de língua, foi do jeito que tinha que ser, bem amador, acho que até da minha parte foi.
Por um outro lado foi bom, eu gostei porque pude sentir o sabor da boca dela, era bom, muito bom.
Acho eu que o beijo demorou de 5 a 7 minutos, só paravamos pra respirar.
Ao final do beijo nem preciso falar como eu estava, meu pau tinha ficado duro, meu calção estava arrebitado por causa do meu pau.
Eu já tinha arriscado o beijo, eu não ia parar no beijo.
Com bastante vergonha eu apontei pro meu calção, mostrando pra ela como estava levantado.
A reação dela de imediato foi dar risada.
Em seguida ela perguntou porque tava daquele jeito.
Eu disse que era por causa do beijo, falei que era normal, que todo menino fica de piu piu duro.
Nem esperei muito e perguntei se ela queria ver.
A curiosidade de criança que ela tinha fez com que ela dissesse que sim.
Fiquei em pé na frente dela e tirei pra fora meu pau, foram risos e mais risos, ela achou engraçado, mas pude notar no seu olhar um misto de curiosidade com espanto.
Meu pau tem 16cm, não é muito grande, mas óbvio que pra ela é grande até demais.
Pra fazer ela perder a inibição eu coloquei as suas mãos no meu pau.
Toda desajeitada ela pegava e sentia, ao mesmo tempo ficava rindo, eu acabava rindo junto.
Perguntei se ela tinha achado bonito.
Sua resposta foi sim, eu estava me tremendo, mas já não tinha volta.
Mandei ela chupar.
Na maior inocência ela toda tímida foi bem aos poucos chupando.
Foi a primeira vez que senti alguém me chupando, com 21 anos.
Parecia um sonho, não sei como é a chupada de uma mulher experiente, ou de alguma garota da minha idade.
Minha irmã não sabia o que estava fazendo, mas foi o suficiente pra me dar prazer, ela sugava bem fortinho, era muito gostoso, senti muitos calafrios no corpo todo.
Até fuder a boca dela eu fudi, falta de experiência pura, mas eu não consegui me controlar.
Minha irmã engasgou algumas vezes, mas continuou tentando chupar.
Pra mim foi maravilhoso, nada poderia ser melhor.
Eu não estava mais controlando minhas ações, foi tudo acontecendo naturalmente.
Coagido pelo momento eu perguntei se ela queria que eu colocasse meu pau dentro da perereca dela.
Falei que ela ia gostar, que todo menino faz isso com as meninas.
Fortaleci dizendo que ia ser escondido ninguém poderia saber.
Ela concordou,foi então que pela primeira vez eu vi uma “mulher” pelada na minha frente.
Fiz ela tirar toda a roupa, minha irmã ficou nua como veio ao mundo.
Sua buceta logo de cara mexeu comigo, era como uma pata de camelo com uma boca pequena.
Nada de pelos, totalmente listinha.
Eu fiquei atordoado, era muito bonita, parecia ser gostosa pra caramba.
Primeiro eu dei alguns beijos na bundinha dela, beijei com uma vontade nunca sentida antes.
Foi sensacional.
Sua bundinha é durinha e redonda, parece um coraçãozinho o formato.
Pra mim naquele momento ela era a oportunidade de perder minha virgindade que eu tanto buscava.
Quando dei por mim minha irmã estava de pernas abertas na cama e eu estava chupando a bucetinha dela, abri os pequenos lábios vaginais e chupei muito, senti pela primeira vez o gosto de uma buceta em minha boca.
Que gosto delicioso, um gosto que nunca mais vou esquecer.
Minha irmãzinha até gemeu quando eu enfiava a língua dentro.
Eu gostei de proporcionar prazer á ela.
Me senti o melhor de todos.
Naturalmente veio a penetracão, lembro de ajeitar o corpinho dela na cama um pouco na ponta, e fui devagar esfregando a cabeça do meu pau na bucetinha dela, a medida que eu esfregava eu fui forçando, era muito apertada, parecia que não entraria.
Eu insisti até que foi entrando, ela não reagiu, mas logo depois que a cabeça entrou toda ela reagiu com cara de dor.
Aí Bruno tá doendo.
Eu fiquei parado só com a cabeça dentro, até ela se sentir mais confortável.
Quando senti ela tranquila enfiei mais um pouco.
Entrou quase até a metade, ela fez cara de choro.
Eu tentei acalmar ela, mas não adiantou muito.
Eu estava com muito tesão, e fui metendo de leve enfiando até onde ela aguentava.
Mas não teve jeito escorreu algumas lágrimas de seus olhos.
Realmente acho que ela sentiu muita dor.
Então eu parei e esperei um tempo, fui de novo depois enfiando, não teve jeito realmente ela sofreu, mas eu fiz de tudo pra ela não chorar.
Quando eu rompi o imêm da bucetinha dela, sangrou um pouco, tirei meu pau e limpei com um pano.
Depois disso foi ficando mais suave e naturalmente a bucetinha dela engoliu meu pau quase que inteiro.
Tive que me segurar e meter muito fraco pra não machucar.
Só que eu não fiquei enfiando ele todo, só enfiei ele todo algumas vezes.
No mais eu fiquei metendo até na metade, era melhor porque ela sofria menos.
Eu olhava pro meu pau que entrava e saia molhado de dentro da rachinha pequena da minha irmã, dizer que era gostoso é o mesmo que chover no molhado, era muitoooo bom.
Sua carinha de dor me excitava.
Dava pra sentir perfeitamente os extremos de toda sua bucetinha apertando meu pau, chegava parecer que a bucetinha dela mastigava meu pau.
Eu fiquei socando num ritmo muito agradável, mesmo que fosse bem apertada, ao mesmo tempo parecia que meu pau entrava num buraquinho de veludo, era muito macia sua bucetinha.
Não devo ter ficado nem 10 minutos metendo nela, foi tudo bem rápido, logo eu gozei enchendo minha irmãzinha de porra.
Fiquei até com as pernas bambas, eu acho que foi a vez que mais gozei na vida, nunca em uma pinheta saiu tanto como naquela vez.
Chegou a escorrer porra pra fora.

Lembro de ver minha irmã vestindo a roupa e sua calcinha ficou úmida de porra.
Eu fui tomar um banho enquanto minha irmã passou o resto dia com porra dentro da buceta, só no anoitecer depois que minha mãe chegou que ela foi tomar banho.

Por conta da minha falta de experiência eu fiquei com medo de engravidar ela, na hora isso nem me passou pela minha cabeça, depois ao longo das semanas eu fiquei tenso e com muito medo.
Só que na vdd ela é muito nova pra gerar um filho.
Mas eu já vi casos de meninas com menos de 10 engravidar.
Eu passei um bom tempo no medo por conta disso, menos mal que nada aconteceu.
Eu só fui meter nela de novo depois de quase um mês.
Só depois de um tempo eu tive coragem de novo.
Deve ter mais ou menos quase 4 meses que estou metendo na bucetinha dela, tem vezes que em um dia só eu meto 2 ou 3 vezes.
Já dei uma boa relachada na bucetinha dela, continuo gozando dentro, mas acho que vou ter cautela e não gozar mais dentro.
Vou passar a gozar no corpo dela, ou colocar ela pra engolir, sempre que ela faz boquete eu peço pra ela engolir minha porra, ela engoli de boa.

Já tentei comer o cuzinho dela, só consegui enfiar a cabeça uma vez, ela não aguenta e sofre muito.
Por enquanto não vou comer o cu dela, vou esperar ela amadurecer, talvez com uns 9 anos eu penso eu meter no cuzinho dela.
Eu tenho muita coisa pra contar, talvez eu volte aqui e conte mais. Abraços.

Você já avaliou:
61 votes, average: 4,49 out of 561 votes, average: 4,49 out of 561 votes, average: 4,49 out of 561 votes, average: 4,49 out of 561 votes, average: 4,49 out of 5
(Média: 4,49 de 61 votos)

Por # # #

39 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Fred009

    Pra Leticia souza…tu é um traveco discarado que faz se passar por menina. Sua intenção é enganar trouxas porra.

  • Responder chacal2832

    Cara continua por favor, muito bom.
    Novinhas e mamães que curtem esse assunto, me chamem no telegrama. Chacal2832.
    Homens nem tentem que é block na hora.

  • Responder Fabrício

    Tenho 17 e sempre e brinco gostoso com minha irmã de 9 anos

    • Papai safado

      Oi Fabrício, tem algum contato que a gente possa se falar?

    • Dadaio

      Olá Fabrício, chama no Telegram @dadaio

  • Responder Pai-pr

    Procuro uma mommy para brincar com minha filha de 8 anos, ela nao conta nada… Pr-cwb

    • Papai safado

      Pai-Pr deixa seu contato pra gente conversar mais a respeito..

  • Responder desconhecido

    Eu e mais um amigo comia uma menina de 7 anos quase todos os dia la em casa

    • Abusador

      Tem telegram. Chama 21968157767

    • Letícia Sousa

      Nossa! Delícia ein

  • Responder Ricardo

    Quem tiver experiência chama no telegram pra trocar ideia @afavilli

  • Responder Jp

    Que delicia muito bom

  • Responder Gg

    Quem tiver algum grupo me manda ô link no telegram GOM79

  • Responder Cachorro loco

    Ajuda Air pessoal o que eu faço

  • Responder Cachorro loco

    Estou com uma novinha de 10 anos me enlouquecendo e não tenho coragem de comer tenho certeza que se eu contasse o que acontece daria muito tesão nos espectadores

  • Responder ORFHEU

    cara se vc for inteligente e ter mais calma vai poder fuder ela por mtos anos, tem que treinar ela pra ser obediente e submissa a vc e vai ter uma cadelinha no cio pra levar mta rola, cuida bem dessa putinha é um achado

    • Cachorro loco

      Como conseguir fazer isso sem que ela conte pra ninguém?

  • Responder 20202020

    Kk to quase na sua idade não quero ser um virjão assim igual você era amigo.. Você ainda tem irmãzinha pra sua sorte, já eu kk medo de sexo mas curto porno grafia, incesto e alguns fetiche tipo esse.. Muita coincidência, queria ser você por um dia depois desse dia aí rsrz

  • Responder Lukas

    Bruno continua aí por favor manu

  • Responder Ursão

    Que delícia de conto. Amo menininhas inocentes e infantis. 🤤👧🏼😘😍

    • Letícia Sousa

      Sério? Que idade vc tem? Eu tenho 9

    • Fabrício

      Que delicia Letícia

    • Alex

      Bom demais, adoro novinhas se tiver alguma me chama no Telegram (Dadaio)

    • Alex

      Me chama Letícia no Telegram (Dadaio)

    • Geovani

      Tudo mentira tenho uma namoradinha de 9 anos,linda parece uma bonequinha,a gente se pega,a bucetinha é tão pequena que não tem possibilidade de entrar uma rola

    • Paizão

      Geovane tem sim, eu peguei minha filha de 6 anos e enterrei quase tudo na buceta dela ficou somente 2 dedos para fora e só você relaxar bem ela que dá certo encaixa direitinho

  • Responder let safada

    uau 🔥

  • Responder Bem dotado 21cm

    Me chama no telegram tenho experiências
    TWF2111

  • Responder Cachorro loco

    Será que uma menina de 9 anos aguenta mesmo um pau entrando?

    • Comedor de bebês

      Até bebê com menos de um ano aguenta… Imagina uma vagabunda de 9 anos

    • Abusador

      Eu curto bebê. Chama Telegram 21968157767 Louco por Bebê

    • Ana Júlia

      Aguenta sim. Sei por mim kkk

    • Wil

      Depende, algumas sim.

  • Responder Fabio Safado

    É uma delicia eu tirei um cabacinho e 9 foi bem dificil mae e filha mas da sim e se vc é mae et te esse desejo me chama no telegram safadinhotarado2018 bju aguardo

    • caio

      tenho uma filha de 9 bem safadinha

    • bossa68

      Maravilha Caio, chama no telegram @PedroPai

  • Responder Ana

    😈🤤

    • Anonimo

      Você tem quantos anos Ana?

    • Top

      Não acredito nesses contos
      Luciano makalistein
      Telegram