# # #

Minha primeira vez com minha filha

1781 palavras | 29 |4.56
Por

Oii, bem esse conto tem mais sentimento envolvido nele, mas também tem bastante safadeza, pra começar eu tenho 36 anos sou branca, alta, cabelo preto longo e olhos castanhos e como sou personal de uma academia tenho um belo corpo que me orgulho muito, seios fartos e uma bunda grande e empinada e tem minha filha que atualmente tá com 19 anos, também branquinha igual eu, baixinha, olhos castanhos, cabelo azul que vai até os ombros (sempre dei liberdade pra ela fazer oq quiser com o corpo) e por fim um corpo magrinho com uma bunda não muito grande, mas muito bem feita e empinada e peitos até que grandes pro tamanho dela, oq aconteceu entre a gente é algo que não me orgulho nada pq foi basicamente um estupro, porém a gente acabou por ficar mais próximas.
Bem na época ela tinha 17, eu e ela sempre fomos muito próximas tanto que algumas pessoas estranhavam nossa relação, meu marido morreu logo depois que Luana (fictício) nasceu então eu fiquei meio carente pois até hj não namorei ninguém depois dele, foi aí que eu comecei a ficar mais próxima de Lu e com o passar do tempo nossa relação só foi melhorando, mas claro sempre deixando claro que eu que mandava e ela tinha que me respeitar.
Foi então que chegou a tão temida adolescência e minha filha agora tava mudando de uma menininha pra uma moça linda e eu quis deixar bem claro que ela poderia conversar sobre qualquer coisa comigo que eu estaria sempre ali pra ouvir ela e muitas das conversas que tínhamos era sobre sexo, normalmente ela tinha alguma dúvida sobre eu estava disposta a ajudá-la, porém com o tempo ela havia ficado super insegura com o próprio corpo que ainda estava se desenvolvendo e justamente por tentar mostrar pra ela o quanto ela era linda de corpo que eu comecei a olhar mais o corpo dela e sentir algo diferente, não era um orgulho de mãe pela beleza da filha e sim desejo, e isso com o tempo acabou por ser uma tortura pra mim, pois eu não conseguia olhar pra ela de outro jeito, quando ela era um bebê eu já ficava um pouco exitada quando dava de mamar, ainda mais que ela tinha muito o costume de ficar com pouca roupa em casa, isso era nosso sempre nos víamos peladas sem problema até então, até hj me lembro a primeira vez que gozei pensando nela e sinto um misto de culpa e tesão.
Mas foi em um dia que o “pouco” tesão que sentia por ela explodiu, foi em um dia que eu e ela estávamos conversando sobre sexo de novo e nesse dia ela parecia curiosa sobre sexo lésbico e eu tentava explicar oq podia já que na época eu também não sabia muito sobre, a gente tava bem próxima uma da outra como sempre e foi aí que talvez por tesão pela conversa ou só um acidente, ela me beijou e nessa hora eu parei de ver minha filha ali pra mim lá estava uma mulher completamente diferente e eu não pude evitar e acabei retribuindo aquele beijo carregado de amor e carinho e lá ficamos por um bom tempo com nossas bocas coladas e nossas línguas invadindo a boca uma da outra sentido todo nosso gosto, só nos separamos quando Lu me alertou que estava sem ar e depois de nos separamos ficamos encarando uma a outra sem falar absolutamente nada, era um silêncio tão torturante que eu estava a ponto de gritar só pra quebrar com ele, foi então que ela falou toda envergonhada um “me desculpa” e foi pro quarto já eu fiquei lá completamente molhada de tesão e a única reação que eu tive foi ir pro meu quarto e me masturbar lembrando da cena e ainda sentindo o gosto doce dela na minha boca, gozei como nunca antes eu sentia me corpo tremer a cada orgasmo que tinha depois eu desmaiei de sono e cansaço e foi no dia seguinte que eu decidi oq ia fazer eu finalmente ia matar esse desejo que tava me torturando a cada dia que passava e isso aconteceu de noite quando eu tinha voltado do trabalho, ela tava deitada no sofá assistindo tv com só um casaco e um shortinho de dormir bem curtinho que deixava uma parte de sua bundinha linda pra fora, ela imediatamente me recebeu com um abraço e um beijo na bochecha como se nada tivesse acontecido, talvez ela tenha pensado que foi um sonho ou simplesmente estava fingindo que não aconteceu, enfim nesse abraço eu fiz questão de explorar mais o corpinho dela que parecia minúsculo perto do meu, passa a mão na sua cintura, coxas e principalmente na bunda que eu tava até algumas apertadas nela, depois de um tempo ela desfez o abraço e fomos jantar e durante isso eu perguntei se ela poderia dormir comigo naquela noite, não foi exatamente surpresa afinal nos tinhamos o costume de dormir juntas também, e ela aceitou com um sorrisinho meigo e acolhedor no rosto e isso fez meu coração bater mais forte. Quanto chegou a hora de dormir eu já tinha tomado um bom banho e estava muito cheirosa, tanto que Lu chegou a me elogiar, por fim eu me vestir apenas com uma camisola meio curtinha sem calcinha pra dormir, depois de um tempo que estávamos deitadas eu comecei a passar a mão de novo pelo corpo dela, mas dessa vez explorando mais partes, nessa medida ela já havia acordado e afastava minha mão de um jeito bem manhoso pra eu pensar que ela estava dormindo ainda e a medida que ela fazia isso eu jogava meu corpo mais e mais pra cima dela e começava a beijar seu pescoço lindo de leve, minha buceta já tava encharcada mas eu queria ir com calma pois tinha medo de acabar machucando minha princesa por causa do tesão, foi então que eu comecei a enfiar minha mão dentro do shortinho dela pra alisar a bucetinha dela, cheguei a me assustar pois ela era toda lisinha diferente de mim que tenho alguns pelinhos, então comecei a masturbar ela e em pouco tempo a bucetinha dela já tava toda molhadinha e ela já gemia baixinho até que ela me pede baixinho e entre alguns gemidos pra parar e naquele momento minha buceta que já tava molhada ficou encharcada tanto que molhou um pouco o shorts dela, ver ela com pedindo isso com uma voz tão baixinha e sexy teve o efeito contrário, eu joguei meu corpo todo em cima dela e prendi os dois braços dela nas costas, eu sou bem mais forte que ela então nunca que ela ia sair dali e ela não parecia querer muito sair, eu ia roçando minha bucetinha na bunda dela e ela ainda gemia baixo a medida que ia fazendo isso, até que soltei ela um pouco e ela tentou se encolher no canto da cama mas eu a peguei com força e fiquei encima dela de novo mas dessa vez estávamos frente a frente, eu só via algumas lágrimas escorrendo daquele rostinho rosado e esculpido dela e sentir um aperto no coração na hora, minha única reação foi beijar ela igual da última vez porém com mais intensidade e desejo, soltei os pulsos dela mas dessa vez ela ficou lá me beijando, fazendo carinho no meu cabelo e as vezes passando a mão pelo meu corpo, então eu desfiz o beijo e comecei a descer pelo corpo dela até chegar nos seios, pedir gentilmente que ela tirasse a camisa e ela fez deixando aqueles lindo e redondinhos seios de fora e eu foi chupar de uma vez, chupava com vontade e conseguia ouvir alguns gemidos e tesão dela oq só me incentivava mais, meu coração foi a mil quando ela pediu pra eu continuar descendo até usa bucetinha e assim eu fiz deixando com caminho de beijos até lá, cheguei e tirei o shorts dela, já tinha visto ela pelada mas nunca vi a xaninha dela tão de perto, era linda rosada, lisinha e meio carnudinha, além de está toda molhadinha não esperei e cai de boca nela e ela deu um gritinho assim que fiz, chupa com ainda mais vontade, enfiava apenas um dedinho lá e as vezes fazia um carinho no cuzinho, ela segurava minha cabeça e gemia deliciosamente até que ela finalmente gozou na minha boca e tratei de engolir todo o melzinho dela e ela deitou desfalecida na cama fui e deitei do lado dela e fui guiando ela para os meus peitos afinal eu também queria ser chupada naquele dia, ela tentava chupar de um jeito cansado e manhoso e aquilo só me deixava mais louca, sentir a boquinha dela me mamando depois de tanto tempo e ainda de um jeitinho tão calmo e gostoso me encheu de tesão e eu continuei guiando ela dessa vez pra minha bucetinha, ela continuava daquele jeitinho manhoso mas eu via em seu olhos todo o tesão que ela tava sentindo, ver aquele rostinho lindo entre minha pernas sugando todo meu mel foi uma visão do paraíso pra mim, eu pedia pra ela meter dois dedinhos em na minha buceta e depois pedir pra ela socar um dedinho no meu cuzinho, ela fazia tudinho do melhor jeito que podia até que não aguentei e explodir em orgasmo intenso e extremamente forte, meu corpo se tremeu todo e por fim fiquei toda mole na cama e chamei minha filhota linda pra dormir abraçada comigo e um pouco antes de dormir nós falamos que nos amos e dormimos e assim que acordamos no outro dia ficamos mil vezes mais próximas e mais amigas. Hj em dia ela já namora com uma amiga dela da escola, eu confesso que tenho um pouco de ciúmes mas só quero ver minha princesa feliz, nunca vou esquecer esse dia.

Então essa foi a história da minha vida, peço desculpas pelos erros de português nunca fui muito boa escrevendo, mas queria compartilhar essa história então é isso beijão pra vcs

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,56 de 39 votos)

Por # # #

29 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder EstuprodeNenem

    Quem Curte estuproh de nenenzinhos e quiser conversar sobre isso meee chama noo telegram: @Estuprarnenem

    • Loirinho

      Gostaria de saber mais . @stuk2

  • Responder EstuprodeNenem

    Quem Curte estuproh de nenenzinhos e quiser conversar sobre isso me chamaaa noo telegram: @Estuprarnenem

  • Responder Souza

    Souza_Souza

  • Responder Biel

    Sou bí, sou novinho, sou bem safado, bem mesmo kkkkk, curto BDSM etc, chama lá no telegram @Biell2001

  • Responder @Pires88

    Quem quiser conversar, chama pires88

  • Responder joseph

    Maravilhoso teu contoamei
    muuito tesao

  • Responder Fernanda

    Obrigado Fábio !! Como mulher me sinto bem ouvir isso de vocês homens !!

  • Responder Rogério

    Troco incesto com prima e hermana
    @boltDark telegram

  • Responder Rafaella

    Parabens meninas.. muito bom conto.. Beijos

  • Responder $modular

    Olá mamãe, sou novo nesse assunto, será que podemos conversar?
    @SModular, meu telegram!

  • Responder Fernanda

    Me fez lembrar minha tia ! Quando eu tinha 17 anos fui passar uns dias na casa dela . Estava tomando banho e ela entrou no banheiro para tomar banho comigo . Ela tem um corpo lindo demais ! Ela perguntou se podia me ensaboar . Fiquei com vergonha mas deixei .Ela começou a me beijar e abraçar . Estava muito gostoso . Ela mandou eu encostar na parede e empinar a bundinha e começou a chupar meu cuzinho com muita força eu gemia muito . Ela perguntou se podia comer meu cuzinho ! Eu falei que podia e ela .Ela saiu e voltou com aquelas sintas com um pênis .Ela com carinho consegui arrombar meu cuzinho . Ela ficou louco me comia com muita força . Meu cuzinho chegou a sair sangue . Depois ela pediu para eu sentar no vaso e começou a chupar minha buceta . Ela pegou o negócio e enfiou tudo no cuzinho dela .Era muito gostoso ter a buceta chupada por uma mulher linda como ela . Nessa noite fui dormir com a buceta inchada e com o cuzinho muito doido . Mas foi muito gostoso !! Isso nos aproximou mais .

    • Casadosafado

      Uaaau gozei lendo seu relato..
      Vc e sua tia devem ser duas gostosas
      Adoraria ver vcs
      [email protected]

    • Fernanda

      Obrigado Christiano ! Minha tinha e muito gostosa . Mas eu me considero uma garota normal . Sou um pouco magrinha rsssss . Muito obrigado pelo carinho !! Um beijão .

    • FABIO

      que tezao fernanda fiquei exitado com teu relato

    • vavanaturista

      nossa que coisa boa fernanda

  • Responder Chupeta 123

    Curto nene, quem gostar deixa o tlegram

    • Chupeta 123

      Me passa seu telegram deby

    • VitinhoTK

      Vitin_98 se tiver grupo ou conteúdo pode mandar ou me colocar, curto tudo

    • Loirinho

      Trocar experiências. Teleg. Stuk2

  • Responder Alex

    Mulheres meninas e mães que queiram conversar trocar experiências ou até algo mais podem me chamar no telegram vamos conversar bater um bom papo chama lá
    @Pixany

  • Responder Beto

    Vamos conversa tenho uma filha meu email [email protected] aguardo

    • Anomimo

      Entrei em contato com você

    • Loirinho

      Fiquei de pau duro…….

    • Loirinho

      de Quantos anos?

    • Loirinho

      [email protected]

  • Responder Anomimo

    Mães e pais que curtem incesto, Deixem seu contato tenho uma esposa que também curte

    • Beto

      Anonimo qero conversa

    • Thon

      Delícia de conto eu curto muito incesto