# # #

Capitulo 10 – Abrindo o Jogo

904 palavras | 1 |5.00
Por

O tempo passava e cada vez mais eu ficava excitado por minhas priminhas… A Kiany já estava com 10 aninhos e estava cada dia mais putinha, cada vez mais safada e cada vez mais cachorra…
Depois de ter terminado meu relacionamento (peguei minha namorada me traindo e sim foi muito dolorido), foi então que fiquei ainda mais tarado e safado em minhas primas… As “outras garotas” já não me chamavam tanta atenção, meu tesão por minhas priminhas cachorras só aumentava!
Certo dia, estava novamente sozinho com a Kiany (o irmão dela estava na escola, ele estudava à tarde), estávamos começando as “coisas”, estávamos fazendo um 69 (ela me chupava deliciosamente meu pau, enquanto chupava aquela bucetinha deliciosa e sugava todo seu melzinho), aquilo estava delicioso demais até que a campainha toca… Paramos e nos vestimos super rápidos, pedi para a Kiany se esconder na casa dela e eu veria quem era na campainha…
Quando olho para ver quem era, vejo que era a Jake que veio nos visitar (era muito raro isso acontecer, pois ela mora muito longe), quando abri o portão ela já veio me dando um selinho e dizendo:
– Que saudade que estava de você priminho…
Ela perguntou se minha mãe estava em casa e eu respondi que estávamos sozinhos, foi quando ela deu um sorriso sacana e disse:
– Então temos que aproveitar o máximo possível…
Subimos e já começamos a tirar nossas roupas e que corpo delicioso da Jake… Ela já me jogou no sofá e começou a me chupar muito gostoso, a cada passada de língua que ela dava no meu pau, eu ia as alturas… Foi então que vi a Kiany entrando pela cozinha e se escondendo em um dos quartos para nos observar!
Enquanto a Jake me chupava, a putinha da Kiany se masturbava olhando essa cena… Quando a Jake começou a fazer uma espanhola, eu fui aos céus, seus seios eram grandes, fartos e macios e senti-los tocando meu pau era demais!
Quando ela se levantou, subiu em meu colo e desceu, o que foi aquilo??? Sua buceta estava tão molhada que deslizou de uma vez… E enquanto ela cavalgava, eu dava uns belos tapas naquela bunda deliciosa!
Foi então que fiz um sinal para a Kiany aparecer… E quando ela surgiu, na mesma hora a Jake saiu de cima de mim e tentou se esconder/disfarçar, mas não tinha como… Ambos estávamos pelados na frente de uma garotinha “inocente”… Foi então que a Kiany fala:
– Eu quero participar com vocês… Se não vou contar pra tia!
A Jake de morena ficou branca, gaguejou e tentou se opor:
– Tá doida menina, você não tem idade pra isso não!
– Tá bom, então todo mundo vai saber o que vocês estava fazendo. – Retrucou Kiany.
Vendo que não teria escolha a Jake aceitou, mas disse:
– Ninguém jamais vai poder saber disso!
E tanto eu quanto a Kiany rimos e dissemos:
– Relaxa Jake, nós fazemos isso a um tempo já!
A Jake assustada pergunta:
– Como assim?
Eu expliquei tudo para a Jake, nos mínimos detalhes… Ela entendeu nosso lado, percebeu que realmente sentíamos algo um pelo o outro e aceitou o fato (até porque ela também estava errada na história, pois também estava transando comigo e havia aceitado que a Kiany entrasse na brincadeira).
Passando esse momento “culpa”, voltamos aos trabalhos… Concordamos em transar nós 3 juntos!
Tiramos nossas roupas, as duas se ajoelharam e começaram a me chupar, a Jake parecia ter aceitado o fato da Kiany ser uma tremenda putinha e decidiu ser sua professora… Começou a dar dicas para a Kiany me chupar melhor! Ver aquelas duas morenas me chupando daquele jeito estava demais, elas chupavam minhas bolas, sugavam a cabeça do meu pau, passavam a língua por cada centímetro do meu pau e eu ia a loucura…
Depois as duas ficaram de quatro e eu comecei a meter gostoso na buceta gostosa da Jake enquanto massageava a bunda deliciosa da Kiany, aquilo estava demais, meu nível de tesão estava nas alturas… Depois de umas boas bombadas, passei para a Kiany e comecei a comer aquele cuzinho gostoso, cada estocada ela gemia mais e mais, aumentando cada vez mais meu tesão por ela… Após me deliciar com aquele cuzinho, a Jake montou no meu colo (eu sentado no sofá) e enquanto ela cavalgava gostoso, a Kiany de joelhos na minha frente, chupava minhas bolas, enquanto eu chupava os seios gostosos da Jake… Aquele foi o momento de maior tesão que havia sentido até então!
Foi quando não aguentei e avisei que ia gozar… As duas se ajoelharam, botaram suas linguinhas para fora só esperando minha porra voando nelas…
Não demorei muito e esporrei… Esporrei demais, como nunca antes! Gozei na boquinha das duas (e um pouquinho nos rostinhos lindos delas). Foi a melhor sensação que senti…Depois ainda elas ficaram chupando e limpando meu pau com a língua, até não sobrar uma gota sequer de porra…
Depois disso nos lavamos e a Jake ficou esperando minha mãe chegar, mas eu jamais me esqueci deste dia…

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 5,00 de 7 votos)

Por # # #

1 comentário

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder rei da punheta

    mmmmmmm