#

Quando peguei minha prima Bia pela primeira vez

2473 palavras | 4 |5.00
Por

Esse caso aconteceu de verdade, sempre leio contos, mas nunca tive coragem de escrever nada e nem comentar com ninguém. Mas espero que gostem

Me chamo Maicon , sou magro tenho 1,73 de altura e tenho 27 anos e isso aconteceu algum tempo atrás. Eu tinha uns 15 e minha prima 14 anos Sempre fui muito próximo das minhas primas e da bia era mais próximo, tudo aconteceu meio que sem querer.

Ela é morena e muito gostosa, ela é a prima mais gostosa que tenho tem seios médios, pernas um pouco grossas, e tem uma bunda tão grande que eu não acredito até hoje que isso aconteceu…
Moramos em Minas e essa história começou quando nos mudamos.
Nessa casa morava eu, meus pais. e no mesmo terreno meus tios e ela a gente tinha acabado de comprar lá e as casa eram de madeira uma colada com a outra, então não podíamos deixar as casas só por conta de não ter tanta segurança nelas. Nessa situação de não deixar só, certo dia iria ter um aniversário no sábado de um parente nosso a tarde como eu não gosto muito de sair preferi ficar em casa.
Chegou o horário do pessoal ir e estavam prontos meu tio e meus pais, a mãe dela e ela não queriam ir e então ficaram as duas na casa delas e eu em casa. E como disse que somos muito próximos não demorou muito pra minha prima Bia aparecer lá comigo chamando pra gente assistir TV.
Ela tava com uma blusinha amarela que mostrava aqueles peitos durinhos e um shortinho branco apertadinho que realçava aquele rabão que ela tem, ela se sentou na cama e fui colocar um filme pra gente assistir, como contei tudo foi meio sem pensar e sem querer acho que todos nós, temos uma tensão sexual com primas. Então começamos a assistir o filme com minha tia na outra casa. Passou alguns minutos ela se deitou pqp que visão mais linda que eu tinha visto na minha vida ela deitada de frente p TV e àquele rabão virado pra mim Eu como todo adolescente já fiquei todo excitado olhando a minha prima gostosinha deitada, meu coração começou a bater forte imaginando pegar naquele rabo, mas com medo pq minha tia estava do lado e se eu pegasse não saberia qual seria a reação dela também então eu comecei a olhar pela brecha p saber onde minha tia estava e vi que ela estava sentada assistindo televisão.
Deu uma coisa em mim que precisava criar coragem pra pode pelo menos pegar acariciar aquela bunda que mal faria? Só pegar, então eu tive a ideia de por meu braço próximo dela e ir chegando como quem não quer nada se aproxima ao máximo dela assim ela poderia pensar que seria sem querer. Fiz a primeira investida com muito medo fingi que estava me mexendo e coloquei meu braço bem próximo a perna dela e deixei meus dedos bem próximos dela , até aí sem muita ousadia ela nem ligou muito.
Comecei a tocar na perna dela bem devagar mexendo bem lentamente, eu ja estava com o pau todo melado de desejo nela. Nunca fui apressado nas coisas e com essa empreitada não seria diferente só tava tocando na perna dela isso levou uns minutos e ela nada.
Então fui chegando aos pouco já que ela não brigou na primeira nao faria mal avançar um pouco
Me mexi e resolvi me senta próximo dela eu já não tava nem ligando p filme, coloquei meu braço bem na pperna dela agora proximo àquele rabo minha vontade era sair apertando aquela bundona, mas com calma fui fazendo carinho nela aí ela perguntou:

Bia : o que tá fazendo em?
Eu : nada não, só tô sem nada pra fazer

Bia: então, continua assistindo o filme.
Eu já todo melado criei coragem e passei a mao na bunda dela bem suave.

Bia: para tá doido? A mamãe ta aí do lado e isso é errado
Eu já cheio de tesão continuei passando a mão pqp que rabo ela tem chega dava pra sentir a calcinha dela e ficava pedindo só pra tocar não teria mal nenhum só estava nós dois lá
E eu não iria contar nada pra ninguém.

Então ela se levantou, tirou minha mão de cima e saiu sem fala nada
Eu pensei pqp tô fodido, ela vai contar tudo p titia e vou me foder
Nisso passou acho que uns 15 minutos ela volta,
Eu perguntei dela se ela tinha dito algo pra minha tia: já tava com o cu na mão e morrendo de medo achando que a minha tia iria entrar em casa e me matar KKKK

aí minha prima fala, Bia: não contei nada, mas tu sabe que é errado né ?
Eu concordando com ela falei, sim
Mas eu não pude controlar quando olhei p Tua bunda prima
Ela diz : mas pq ?
Eu fui logo falando que ela tinha a bunda mais gostosa de todas as primas e queria ter a chance de pelo menos tocar nela.

Ela ficou pensativa e ficou um tempo olhando pra TV. ficou um silêncio desgraçado entre nós, eu querendo insistir pedi mais uma vez dela só pra tocar e se esfregar já que éramos virgem e nem pensava em comer ela.
Ela se virou e deitou na cama falando: Bia: vou deitar, nisso ela se deitou de lado pra mim com o rosto pra madeira
Eu disse: tá bom, vou deitar também

Eu ficava olhando pra ela e ela continuava com o rosto p madeira
Então me levantei e fui brechar p ver o que minha tia estava fazendo e ela continuava no mesmo lugar.
Voltei pra cama e deitei do lado dela e querendo puxar assunto com ela perguntei se ela não queria mais assistir TV?
Bia: não, perdi a vontade
Eu falei: poxa entao deixa eu só tocar

Ela disse: a mamãe tá aqui primo para
Eu falei: mas ela não vai ver e nem vai ficar sabendo, Eu não vou contar pra ela, tu vai ?

Ela disse: tá doido ? Eu não, se não ela me mata
Então eu falei: pois é, fica só entre eu e você
Aí ela não disse mais nada e virou de lado.
Eu tava ficando maluco pra acariciar a minha prima, adolescente é uma merda mesmo
Precisava a qualquer custa.
Me posicionei e pus minha mão bem próximo daquele rabão, mas bem devagar sem ela perceber.
Fui chegando devagar até chega próximo da palma daquele rabão naquele shortinho apertado, então peguei a primeira vez; ela se assustou e deu um pulinho bem suave p frente, mas não disse nada. Então eu continuei pegando, acariciando bem lentamente. Passando minha mão em todo àquele rabão. Eu nem acreditava que aquilo tava acontecendo e ela deixava e o melhor sem dizer mais nada.
Então fui forçando mais, comei a aperta a bunda dela com um pouco mais força e aí senti que ela tava gostando quando ela abriu um pouco a perna fazendo com que aquela bunda ficasse mais arrebitada.
Pqp que delícia, comecei a me tremer de tesão minha cueca já tava ficando toda melada, com a facilidade dela agora continuei apertando àquele rabão e descendo a mão próximo a buceta dela.
Tava doido de tesão como nunca tinha ficado na vida, aí puxei ela um pouco p perto de mim e ela perguntou o que quer fazer ??
Eu disse: quero só fica perto desse bundao
Ela disse: a mamãe vai pegar a gente
Eu disse: vou lá olhar ela, se tiver de boa pode ?
Ela fez positivo só balançando a cabeça.

Então me levantei com o pau duro, já tava latejando p gozar, ele sempre foi grande então daria p ver nítido excitado deve ter uns 19 cm , ela só olhou, mas não disse nada
Fui brecha a minha tia e ela ainda continuava vendo TV, isso já era umas 15 horas da tarde não poderia mais perde tempo
Voltei e falei que a minha tia continuava no mesmo lugar e que não iria pegar a gente
Aí deitei do lado da minha prima e continuei pegando nela. Pra não perde tempo fui logo puxando ela p perto de mim
Me virei de lado e fui chegando p tenta encaixa naquele rabão
Fui bem devagar, foi aproximando cada vez mais
Mais 3e mais, até que eu consegui fica grudado naquela bunda.
Comecei a empurrar devagar , bem devagar, ela não fazia e nem falava nada então passei minha mão bem na barriga dela senti que ela tava toda arrepiada aí disse no ouvido dela” eu sei que você tá gostando prima, nisso ela arrebitou àquele rabão pra mim, mano do céu. Já tava misturando tudo, medo e tesão. Então continuei me esfregando gostosamente na bunda dela e comecei a querer pegar nos seios dela, pqp ela já tava entregue, facilitando cada vez mais minhas investidas até que consegui pegar neles , bem durinhos mano comecei a aperta eles bem gostoso sentia que ela tava querendo mais e mais
Então fui puxando eles p fora bem devagar e apertando os bicos bem lentamente, mas a camisa que ela usava tava atrapalhando e continuava me esfregando naquele rabão pedi p tirar a camisa dela
Então fui levantando até sair, ela tava com um sutiã branco ela já estava toda arrepiada e fui cheirando o pescoço dela e ela ficava mais arrepiada. Passando a mão no corpo dela e apertando os seios dela ela já tava mais solta e comecei a passar a mão na buceta dela, era tão macia que fiquei um tempo acariciando ela.
Ela já tava toda se contorcendo então fui indo com minha mão no fechiclê do shortinho dela, cara eu não tava acreditando de verdade naquilo que a minha prima mais gostosa tava deixando essas coisas. Fui abrindo o shortinho dela até passar um pouco daquela bunda, como era muito grande não consegui tirar todo, então ela com a mão direita se levantou um pouco e foi puxando até em baixo Caralho que rabo meus amigos. Olha que ela só tinha 14 anos vocês podem imaginar né?
Imagine agora que ela tá maior….
Tava com uma calcinha amarela , pqp consegui sentir àquele rabão próximo do meu pau nunca tinha sentido isso. ela rebolava sem muito o que fazer mas 9 tamanho daquela bunda nem precisava rebolar tanto puxei ela e coloquei ela de barriga p cama e deixo ela toda impinadinha, quando ouço a voz dela tira o shorts e fica só de cueca primo quero sentir um pouco o teu Pinto na minha bunda nem que seja pela cueca.
Caralho, eu fiquei sem reação olhando aquela bundona era tão linda, macia e tão grande quando eu pegava era tão dura, nem parecia que ela tinha 14 anos, então ela se virou e puxou um pouco p baixo ele e disse rápido se nao vai perde tempo.
Eu então puxei meu shorts todo p baixo e fui encoxando àquele rabão bem rápido agora
Eu não podia perde mais tempo, achava que nunca mais iria acontecer de novo. Fui me esfregando um tempo na bunda dela aí e passando a mão na calcinha dela sentindo aquela buceta pqp ela era muito cavala , sempre foi e quis afastar um pouco a calcinha senti mais de perto mas ela não deixou disse que era um pouco demais, lógico que deixei p la já tava me dando bem p caramba e aí ela de lado pediu p sentar no meu colo com uma carinha que nunca me esqueci. Pura safadinha cara de puta mesmo
Eu achava que ela era devagar , mas deveria ser bem safadinha na escola
Então eu me posicionei na ponta da cama e ela vem e se senta em mim, envolve os braços no meu pescoço e eu agarro Àquele rabão todo na minha mão, e fico puxando ela no vai e vem
Bem rápido.
Vai e vem bem gostoso fico puxando bem rápido
Pra lá é pra cá
Ela fica rebolando bem gostoso entre a minha cueca , meu pau tava tava latejando demais e ela se mexia cada vez mais.
O peito dela tava bem perto da minha cara então peguei minha mão direita e puxei um pouco o sutiã dela e ela continuava rebolando em mim
Comecei a chupar , que peito durinho o primeiro peito que chupei na vida era da minha prima bia
Só se esfregando
Ela tava com uma cara de safada, nem nos beijamos nem nada era meio que por fazer mesmo só se esfregar
Fui aumentando o ritmo dela em mim apertei àquele rabão
E fui esfregando ela com mais força e mais rápido no meu pau
Cada vez mais rápido
Chega dava p ver que ela tava gostando muito
Meu pau já latejando demais
Foi indo , cada vez mais
Mais e mais quando senti que iria gozar fui aumentando mais e mais
Falando no ouvido dela que ela era muito gostosa , que queria de novo. Que faria tudo p acontecer ooutra vez
Quando eu iria gozar com a aumentada da força a mãe dela chama ela da casa delas

Ela deu um pulo do meu colo
Meu coração começou a acelerar achando que minha tia iria aparecer, a porta estava trancada mas lógico que ela iria perceber algo
Então ela começou a se vestir, o meu era mais fácil era só o shorts.
Corre p destrancar a porta e olhar p ver se ela viria e minha prima gritando que já estava indo
Porra, eu com o pau duro querendo gozar e não deu tempo
Então minha prima se vestiu toda e falou comigo p nunca ninguém sabe do que tinha acontecido naquele dia.
Eu falei então vamos fazer outras vezes, não conto p ninguém.

Aí ela fala se der

E saiu correndo

Tive que bater uma pensando na minha prima p relaxar, mas queria ter gozado com minha prima. Mas sabia que aconteceria outra vez pelo jeito que ela tava comigo

Mas isso é pro próximo conto. Boa tarde
Espero que gostem #

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 5,00 de 12 votos)

Por #

4 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Safadinho

    Que delicia de conto cara gostei, continua

  • Responder Tony Alves 100

    Pode continuar pois é um excelente conto.

  • Responder Digui

    Delícia meu telegram @Digui_din