# # #

Como me tornei Putinha

940 palavras | 10 |4.39

Olá, vou contar um pouquinho da minha história e como me tornei uma putinha desde os 9 anos. Desde ja me desculpem pelos erros na Ortografia.

Meu Nome é Melanie(fictício) atualmente tenho 25 anos e sou viuva, vou contar um pouquinho da minha história so para contexto. Minha mãe engravidou na adolescência de um policial casado, moramos em cidade de interior e isso foi um escândalo na época, nasci e como minha mae precisava estudar eu ficava com meus avós, mamãe tinha um irmão mais velho chamado Carlos, ele era casado e muito respeitado na nossa comunidade por ser pastor da pequena congregação do bairro, ele era casado e tinha 2 filhos ou seja um homem a cima de qualquer suspeita, o único “trabalho do tio carlos era cuidar da igreja e com isso os fiéis se juntavam para pagar o salário dele. Ele e a família viviam muito bem e vovó sempre recorria a ele e a esposa quando precisava de ajuda comigo, sendo assim eu passava muito tempo na casa do tio carlos. Não sei exatamente quando as coisas começaram a mudar na nossa relação ou se tio carlos sempre manifestou tesão por mim mas a primeira lembrança q tenho ocorreu quando eu tinha 7 anos, minha prima e eu estávamos brincando com tintas guache e ela se machucou feio tendo que ir os hospital, minha tia foi com ela e eu fiquei em casa com tio carlos, perto da hora do jantar ele me mandou tomar banho pra tirar a tinta, fui sozinha como de costume mas quando sai ainda esta suja com a tinta então meu tio foi me banhar direito, durante o banho ele acariciava meu corpo todo e se demorava na minha xaninha pequena e no meu cuzinho a sensação era muito gostosa e eu não via maldade nisso achava que era carinho. Depois disso tio carlos passou a me dar mais atenção e me tratar com muito mais carinho e me dar presentes caros, eu adorava sentar no colo dele e brincar de roçar, adorava quando ele me dava banho e amava dormir na sala da casa dele, ele sempre fazia carinho na minha buceta e colocava minha mão no pau dele e eu era craque em bater punheta. Eu era so uma criança e de verdade achava que era normal trocar carinho com as pessoas q amávamos nessa época mamãe tinha um namorado e ele assim como titio era muito carinhoso comigo e eu retribuia, mas titio descobriu e ficou uma fera comigo nesse dia como “castigo” ele me fez chupar o pau dele pela primeira vez óbvio q eu nao sabia o que estava fazendo e engasgava muito e babava tudo mas o titio com muita paciência me ensinou eu o amava muito e a partir dali os carinhos ficaram mais gostosos, todos os dias eu passa a tarde na casa do titio enquanto os filhos dele estavam na escola e a tia edna e minha vó costuravam na casa da vovó que era vizinha a casa do titio, nessas tardes titio e eu “brincávamos” de papai e mamãe, de medico e ate de esconde, esconde, ate meu aniversário de 9 anos, era uma sexta-feira e minha mãe estava na balada então depois da comemoração na casa da vovó, tio carlos foi comigo ate a casa da mamãe q era na outra rua para eu pegar um muda de roupa para ir dormir na vovó assim que chagamos na casa da mamãe ele disse que estava na hora do meu presente, fiquei super animada mas quando entramos tio carlos me agarrou com força e me jogou em cima do sofa da sala, tapou minha boca com as mãos e disse que estava pronta para finalmente ser uma putinha completa, ele rasgou minhas roupas dizendo que ia estourar meu cabacinho, fiquei super assustada mas confiava nele, nem mesmo tentei lutar, ele me lambia os peitinnhos infantis e roçava o pau duro na minha bucetinha mas dessa vez ele forcava a entrada e doía muito então eu chorava e pedia pra parar mas ele parecia em transe, não me ouvia, so continuava forçando ate q a cabeça gorda entrou senti um dor horrível e comecei a gritar, então ele voltou a ser o meu tio carinhoso de sempre, pediu desculpas e disse para eu ficar calma q a dor passaria e tudo serio gostoso de novo q ele precisava me causar aquela dor mas logo passaria, ele ficou parado com a cabeça do pau dentro de mim e disse para eu começar a levantar meu quadril em direção a ele, fiz o ele disse o pau entrou mais e senti mais dor ai parei, ele me segurou com bastante força e começou a entrar e sair de mim aos pouquinhos, no começo doía muito e so chorava ate q meu corpo acostumou com o tamanho e eu comecei a sentir aquilo ficar gostoso ( ele só tinha metido a cabeça ate o momento) não demorou muito e ele gozou tudo dentro de mim, foi tanto gala q escorria para fora e sujou o sofa da mamãe, ele me mandou tomar banho e pegar minhas coisas enquanto ele limpava a bagunça e como uma boa menina, obedeci. Quando voltei estava tudo limpo e titio tinha uma bicicleta de presente para mim, fiquei muito feliz.

Bom esse foi o começo da história. Espero que gostem! Desculpem os erros escrevi pelo celular. Se gostarem, volto para contar mais.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,39 de 23 votos)

# # #

10 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Will

    Delicia de conto e iniciação e sim quwro saber mais dessas delicosas experiências suas.
    Telegram: @silva_silva_silva

  • Responder Alexx

    Mulheres meninas mães que queiram bater um bom papo sobre o assunto desabafar suas histórias podem me procurar no telegrama
    @Pixany

  • Responder Alexx

    Mulheres meninas mães que queiram bater um bom papo sobre o assunto desabafar suas histórias podem me procurar no telegrama
    @Pixany

  • Responder FABIO

    gostei sim pode continuar bem posto e gostoso

  • Responder Adelio

    Oi Melanie, gostei do teu conto
    Escreva mais sobre tuas outras vezes
    [email protected]

  • Responder Rafaella

    Muito bom, Melanie.. Beijosssssssssssssss

    • Alex

      Mulheres meninas mães que queiram bater um bom papo sobre o assunto desabafar suas histórias podem me procurar no telegrama
      @Pixany

  • Responder Pachecao

    Delícia de conto vou tocar uma gostosa punheta pensando em ti. Continue

  • Responder Alex

    Mulheres meninas mães que queiram bater um bom papo sobre o assunto desabafar suas histórias podem me procurar no telegrama
    @Pixany

  • Responder Rola gostosa

    Oi putinha vamos bater um papo me chama [email protected]