#

Sem retorno, devagarinho estou me assumindo

2817 palavras | 3 |4.50
Por

No conto anterior ” Experimentei e gostei ” relatei como fui iniciado. Confesso que adorei
tudo o que aconteceu comigo e tenho maior vontade que voltasse a acontecer mas……
Pois bem, acreditava que Toninho, irmão do cara que me treinou, tinha se transformado em meu
amigo e também era o único cara que eu podia conversar abertamente sobre meus desejos e
necessidade de como conhecer novos caras para trepar. Ele sempre me ouvia, debochava de mim
e nada de me arrumar carinhas. Continuei insistindo até que um dia ele me disse que iria me
levar no ap de um cara que iria me fuder gostoso.
Queria saber mais sobre o cara mas ele mandou eu esperar até chegar no local
Pois bem, fomos de metro até a estação Tatuapé, depois andamos bastante e chegamos no local
Ele acionou a portaris e logo fomos liberados para entrar. Na hora reparei que ele conhecia bem
o local pois ja foi direto para o elevador e me levou para o ap. Ao entrar no ap, deparei com um coroa
branquelo, acabadão e minha vontade era de ir embora na mesma hora.
Toninho me apresentou para o cara, que de cara me deu um beijo. Disse para Toninho que tinha me
adorado. Entegou algo para Toninho que depois descobri que era uma grana que tinham combinado
Toninho me levou para o quarto, mandou eu ficar peladinho e cuidar do Luiz (nome do coroa)
Luiz tinha um pau médio mas bem mole Sem a menor cerimonia, Toninho deitou ao lado só de cueca
e disse para eu mamar a vara dele. Eu estava sem tesão algum e nada empolgado em continuar
Foi quando Toninho começou a conversar com Luiz e disse que poderia abusar de mim que eu toparia
qualquer coisa.
Luiz deu risada e disse : Você sempre me arrumando viadinhos deliciosos, adorei esse
Resolvi mamar logo o cara na esperança que ele gozasse e fossemos embora.
Segurei aquele pau mole, meti a boca e, por mais que mamasse, nada de ficar duro.
Depois de um tempo, Luiz mandou eu virar a bunda para o rosto dele e continuar mamando
Começou a chupar meu cú e Toninho disse : Nesse pode colocar o GG que ele aguenta tudo,
já está acostumado a ser abusado
Não sabia do que estavam conversando mas reparei que os 2 se divertiam com a conversa
Luiz pediu para Toninho escolher e foi quando vi que ele abriu uma gaveta e pegou um consolo
enorme.
Luiz deu risada e disse que minha bunda era pequena e que não iria aguentar. Toninho respondeu
que aguentava até 2 varas
Voltou para cama e ajudou Luiz enfiar gel no meu cu. Talvez por Toninho agora estar
participando, fiquei mais tranquilo e mamei com mais intensidade mas nada da vara do Luiz ficar
dura. Foi quando senti que eles começavam a tentar enviar aquele consolo enorme no meu cu
O consolo era enorme mesmo e não estava entrando, foi quando Toninho mandou eu ficar na posição
de frango assado para que Luiz abrisse meu cu. Imaginei que iria tentar meter a vara dele em mim
mas na verdade ele começou a dedilhar e enfiar os dedos.
Toninho : Pode brincar que o cu dele aguenta a mão inteira…..
Luiz se empolgou e começou a enfiar os dedos no meu cu. Não estava curtindo o lance talvez pq
não tivesse tesão no Luiz e tambem pq nada daquele pau dele ficar duro……
Quando Luiz tentou enfiar a mão inteira no meu cu, pedi para parar pq estava doendo e que não
iria entrar. Luiz deu risada e disse que já estava bom….. Me puxou para beirada da cama e
voltou a tentar enfiar o consolo mas eu continuava a sentir dor.

Luiz então pegou outro consolo menor e disse que iria começar pelo menor …..
Nem respondi e ele começou a enfiar o consolo menor que foi entrando sem dificuldades
Depois de um tempo já entrava e saia sem o menor esforço. Deixou o consolo no meu cu e pegou
outro consolo de tamanho parecido. Começou a forçar a entrada e logo lá estava eu com 2
consolos dentro do cu.

Toninho deu risada e disse : Te falei que esse viadinho aguenta. Agora pode colocar o outro
Luiz tirou os 2 consolos e pegou aquele enorme e disse : Agora sim vou arregaçar esse cu
Meu cu já estava todo aberto pelos 2 consolos menores mas aquele era enorme. Quando ele começou
a colocar, me veio na lembrança o dia em que Milton estourou todas as pregas do meu cu
Esses pensamentos fizeram eu aproveitar melhor o momento e quando Luiz perguntou se eu
aguentaria, respondi que sim, que podia enfiar todinho……

Toninho deu risada e disse : Esse viadinho é demais, quer sempre muita vara no cu
Foi quando Luiz foi empurrando aquele consolo enorme para dentro do meu cu e Toninho deitou
ao meu lado. Na hora Luiz colocou a vara do Toninho para fora e começou a mamar o pau dele
Luiz mamava Toninho e bombava aquele consolo enorme em mim
Ficou um tempão fazendo aquilo até que Toninho mandou eu ficar de 4 e mandou eu mamar o pau dele
Agora a coisa tinha melhorado. Eu estava mamando um pau gostoso e Luiz bombava aquele consolo
no meu cu
Quando Luiz disse que iria gozar, Toninho acelerou as bombadas na minha boca e me encheu de leite
Na verdade nem sei se Luiz gozou de verdade mas adorei que tudo tinha acabado.
Nos arrumamos para ir embora e Luiz disse para Toninho que tinha me adorado e que queria que eu
retornasse. Toninho bem sem vergonha respondeu que depois combinaria com ele.
Quando saimos do prédio, disse para Toninho que não tinha curtido o lance e foi quando ele
respondeu que eu não precisava gostar.Eu tinha pedido para ele arranjar alguem e ele arrumou
Foi quando questionei da grana que Luiz deu para ele. Ele explicou que tinha “combinado” com
Luiz de me levar lá mas que precisava ganhar alguma coisa.
Disse que não gostei disso e ele falou que seria assim. Se eu quissesse que ele arrumasse machos
para mim, ele iria faturar em cima. Disse que Luiz nem era macho pois nem fudia
Foi quando ele explicou que os caras tem vários fetiches e o que o do Luiz é enfiar consolos
no rabo de viadinhos como eu. Tem um coleçao de consolos e vai arregaçando os viadinhos com
consolos já que o pau dele não dá conta do recado.
Fiquei puto com Toninho e ele disse que eu já sabia que era oferecido para machos. Que o irmão
dele já tinha feito isso várias vezes comigo
Retruquei que não e foi quando descobri que quando Milton (irmão do Toninho) me chamava no bar
onde estava com amigos, era para me mostrar para algum amigo para ver se interessava e pagar as
despesas dele.
Só agora comecei a entender melhor as coisas. Na verdade fui treinado para ser viadinho submisso
e oferecido para machos. Que Toninho não era meu amigo e,assim como o irmão, me usava….
Decidi que não seria mais assim, que agora eu iria caçar quem eu desejasse.
Fomos embora para casa, eu puto da vida com as descobertas e não iria mais querer amizade dele
No dia seguinte, quando Toninho apareceu em casa, dei uma desculpa dizendo que estava de saida e
passei a evitá-lo. Claro que logo ele percebeu o que eu estava fazendo e não demorou para vir
a reação dele.
Recebo uma msg do Toninho pelo zap dizendo : Tenho um serviço para voce amanhã. Não quero furos
Em seguida ele envia um video em que apareço mamando o irmão e um cara me fudendo
Entendi o recado. Se eu não fizesse o que ele queria, iria repassar os videos para a galera do
bairro
Respondi a msg perguntando qual seria o lance. Ele só respondeu : Amanhã vc vai ver
Foi quando pedi para ele dar um pulo em casa e na hora ele respondeu : O viadinho agora não tem
compromisso ? Respondi que não e que ficaria aguardando
Depois de umas 2 horas ele apareceu, entrou e me tratou bem mal
Disse que estava puto comigo e um monte de besteiras…..
A raiva dele foi passando e expliquei para ele que não estava a fim de trepar nem com coroas nem com
garotos de minha idade. Tava a fim de rapazes mais velhos e ativos.
Ele deu risada e disse que sabia bem do que eu gostava e que iria gostar do novo lance
Pois bem, no dia seguinte lá fomos nós encontar o cara que ele iria me entregar
Descemos na Sé e fomos numa rua próximo a Federação Espírita. Um prédio pequeno de 4 andares
sem portaria. Ele tocou interfone, conversou com o cara e subimos.
Chegamos no ap e apareceu um negro alto e magro muito efeminado. Beijou Toninho na boca e foram
para o quarto. Fiquei parado na sala sem saber o que fazer foi quando Toninho apareceu peladinho
e mandou ir com ele. Wilson (amigo dele) estava deitado pelado na cama e vi aquela vara imensa
Toninho me beijou e disse : Vamos lá meu viadinho lindo, quero vc cuidando gostoso do meu outro
viadinho.
Tirei a roupa e cai de boca naquela vara enorme. Deliciosa e que logo deu sinal de vida.
Toninho ficava beijando Wilson e dizendo que hoje ele iria fuder gostoso o viadinho que ele
tinha trazido de presente.
Mesmo Wilson sendo muito efeminado, aquela vara enorme e durassa me deixou cheio de tesão.
Toninho perguntou se eu tinha gostado e na hora respondi que adorei, que queria aquela vara
todinha dentro de mim…….
Toninho risonho respondeu que adorava ver os viadinhos dele se curtindo. Mandou eu lubrificar o
cu e cavalgar na vara do Wilson
Na hora passei gel no meu cu e na vara do Wilson mas quando fui sentar, Wilson disse que não
trepava sem preservativo.
Fiquei meio desolado pois queria sentir aquela vara me enchendo de leite e já tinha preparado
tudo para cavalgar
Wilson pegou camisinha,colocou no pau e gentilmente pediu para eu sentar na vara dele
Fui colocando aquela vara enorme no cu e sentindo ela entrar bem devagarinho ate sentir que
tinha entrado todinha.Adorei ficar sentado em cima dela e rebolando.
Depois um tempo, Wilson me puxou, começou a me beijar e me abraçava bem gostoso
Foi quando Toninho disse para eu ficar relaxado que agora ele iria me fuder.
Com o pau do Wilson todinho dentro do meu cu, aquele pau pequeno do Toninho começou a tentar
entrar junto e, é claro, entrou gostoso.
Toninho gemia de tesão : Caralho, como meus viadinhos são gostosos
E bombava aquela vara no meu cu. Não demorou e ele encheu meu cu de leite mas Wilson ainda não
tinha gozado.
Tirei a vara do Wilson do meu cu, tirei a camisinha dele e comecei a mamar e foi quando Wilson
pediu para eu deitar na cama mas com a cabeça para fora da cama que ele iria me ensinar como
engolir uma vara como a dele
Deitei com a cabeça para fora da cama, ele pediu para eu ficar com a boca bem aberta e começou
a bombar a cabeça do pau na minha boca. Cada vez enfiava mais a vara para dentro e aquilo
começava a me sufocar : Calma bebezinho, vai com calma que vou colocar a vara até sua garganta
O jeito delicado dele falar e o tesão que eu estava, fazia que meu desejo em sentir aquela vara
todinha dentro da minha boca aumentasse Cada vez mais ele bombava, enfiava mais a vara,
eu sufocava, ele tirava, eu respirava e ele voltava a socar.
Depois de um tempo comecei a sentir os pentelhos dele nos meus lábios…. agora a vara dele ja
entrava todinha na boca e ia até a garganta e eu não sentia mais tanto sufocamento.
Quando ele viu que eu estava engolindo toda a vara dele, chamou Toninho que apalpava minha
garganta inchada com a vara do Wilson dentro.
Toninho : Caralho, como esse viadinho aprende rápido….. agora além de vara no cu vai querer
garganta profunda. Começou a beijar o Wilson que acelerou as bombadas na minha boca e senti
aquela vara dele inchar na minha garganta, senti que iria gozar mas nem deu tempo…..
Deu uma gozada violenta e com a vara dele na boca, engoli a maior parte da gozada dele.
Quando ele tirou a vara, senti que a porra escorria pela minha boca. Estava com o cu todo
aberto, arregaçado e com a boca cheia de leite.
Ficamos deitados os 3 na cama,com Toninho entre nós
Aos poucos fui entrando no papo e dando liberdade para Wilson tambem brincar comigo
Wilson : E ai bebe ? Gostou
Eu : Adorei
Wilson : Toninho cuida muito bem de vc…. queria muito que vc aprendesse a engolir vara
Eu : E adorei, sua vara é deliciosa
Wilson : Nada, vc ainda precisa aprender muitas coisas.Tenho amiguinhas que vão adorar cuidar
de você
Eu : Vou adorar, quando puder, me apresente
Toninho : Não te disse ? Até pouco tempo atrás era um marrento, briguento. Agora só quer vara
Eu : A culpa é do seu irmão e sua….
Toninho : Nada, voce adora ser viadinho, ser oferecido para machos… mas precisa aprender
aproveitar a situação enquanto é novinho. Daqui um tempo ninguem mais vai te querer
Wilson : Nossa Toninho, pega leva. Ela ainda esta se descobrindo.
Gostei da defesa do Wilson mas estranhei aquele “ELA”
Toninho : É melhor que ela se descubra logo e aproveite enquanto ainda tem quem queira, logo
mais vai toda caidassa
Fiquei aborrecido com aquilo. Tinha plena convicção que ninguem nem desconfiava que eu curtia
trepar com machos…..
Conversamos mais um pouco, nos arrumamos e fomos embora, no caminho questionei Toninho pq
ele e Wilson se referiam a mim como “ELA”
Ele explicou quase todos os caras enrustidos como eu não percebem que começaram a dar bandeira
Que curtem dar a bunda e,que no meu caso, que eu curto ser submisso, abusado e servir tudo o que
o macho deseja Disse que ele e irmão já tinham comido quase todos os caras que jogavam futebol
com a gente mas que eles não se sujeitavam ser oferecidos para outros caras e que tambem
gostavam de fuder cu. No meu caso, eu tinha bunda pequena mas que já estava aumentando de volume
de tanto levar vara, cu todinho arregaçado e que só fazia passivo.
Retruquei disendo que nunca tinha pintado oportunidade de ser atv. Ele deu risada e disse que
se eu gostasse de comer,já teria comido o irmão dele, ele, e vários caras com quem sai mas que
os caras percebem na hora que eu curto mesmo é levar vara. Basta ver um pau que me entrego todo
Tentei retrucar e ele falou para eu pensar se alguma vez tentei comer alguem
Respondi que ele estava certo, nunca pensei mesmo em fuder, só em dar
Toninho : Tá vendo como estou certo…. vc nasceu para levar vara. Já reparei que basta vc ver
um macho gostoso, fica maluquinho mirando a vara (FDP está certo)
Fomos conversando e ele explicou que os machos e gays percebem na hora viadinho quando quer vara.
Explicou que todos os caras do bairro comentavam que eu era maior passivão….. Até meu jeito
de andar estava mudando e que nao iria demorar eu iria me liberar e assumir ser viadão mesmo
Respondi que não queria que ninguem descobrisse e ele disse que não tinha mais volta. Eu estava
me entregando no meu jeito de ser e agir.
Fiquei com aquilo na cabeça e pensando numa forma de mudar tudo aquilo…..Por mais que eu me
esforce, basta ver um macho tesudo que na hora bate o tesão e a vontade volta com tudo…
Depois dessa conversa com Toninho comecei a reparar que vários “amigos” se afastaram de mim
Até a turma do meu bairro antigo tem me evitado. Claro que descobri porque. Sempre que pintava
um cara gostoso, eu arrumava uma desculpa e corria atrás
Agora tenho plena consciencia que realmente curto dar para machos. Entrei em contato com Wilson
que tem me levado em vários lugares legais para caçar machos deliciosos. Tambem estou aprendendo
a me vestir diferente e não tenho mais receio em assumir que realmente sou gay passivão

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,50 de 10 votos)

Por #

3 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Mikuim

    Gosto muito manda uma foto do seu cuzinho pra mim [email protected]

  • Responder TIO

    Oi pessoal! Vamos nos conhecer melhor .. ★ .Na plataforma, muitas garotas online. usuários reais – garotas com relacionamento livre .. abra a comunicação .. ..Siga e avalie (grátis … Sem pagamento) .. (copie o link) = >> abre.ai/splatform

  • Responder Saulo Batista

    Tô adorando, continua