#

Comi minha sobrinha e as amigas dela bebadas

2506 palavras | 9 |4.25
Por

Elas só queriam se divertir sem ninguém pra chatear. o tiozão foi legal, até demais,

Eu morava com minha mulher numa chácara, a qual eu cuidava, la tinha piscina, uma laguinho, salão de dança, de jogos, sala de cinema. onde havia um projetor bem sofisticado, e tudo era murado com grades, alarmes, enfim bem seguro, numa quinta feira, feriado prolongado, recebi uma chamada no whatzap, era minha sobrinha Jéssica, que sempre foi muito apegadaa mim quando pequena, mas agora com 17 pra 18 anos, era só estudo e as amigas, da faixa etária dela, ela me liga e fala que queria fazer um festinha com as amigas, e perguntou se eu poderia deixar fazer na chácara, como os donos, eram um casal de franceses idosos, estavam fora do pais, e iriam demorar mais de dois meses pra voltar, eu falei a minha sobrinha, que elas poderiam sim, eu até sairia com minha mulher pra elas ficar a vontade, ela falou. ótimo tio, só vai se eu e mais 4 amigas, eu falei, tudo bem, pode ficar a vontade, ela pergntaram se podiam levar bebidas, eu falei, pode sim, só não vão dirigir, ela riu, e agradeceu. eu fui chamado por um casal de idosos de outra chácara que ficava ali perto, pra tomar conta enquanto eles viajavam também, coisa que eu fazia direto, aceitei, e foi bom pois calhou com a festinhadas meninas, peguei ferramentas, roupas, coloquei no carro e levei minha mulher pra la, depois peguei minha sobrinha, e suas amigas e as deixei na chácara, meninas lindas, coxudas, bundudas, deliciosas, só falei pra cuidarem pra não quebrar nada, e pra tomar cuidado com a piscina, mas todas sabiam nadar, então as deixei e sai despreocupado, elas haviam levado muitas e muitas bebidas alcolicas, além do mais la também tinha muitas, elas falaram que iam chapar o coco, ou seja, iriam beber muito, eu voltei pra chácara onde iria cuidar, mas minha mulher falou que queria ver a mãe, eu a levei, e fiquei sozinho na chácara que iria cuidar, limpei tudo durante o dia, a noite ia buscar minha mulher, mas ela disse que iria dormir com a mãe, pois a mãe estava adoentada, então eu pensei vou assistir um filme, acordar tarde amanha, e tudo bem, mas ao ver a calcinha de minha mulher, cheirei, me deu uma vontade enorme de come-la, mas ai lembrei das coxas das meninas, como minha sobrinha estava gostosa, ai pensei, como aqui a chácara também é segura, vou dar uma espiada nas meninas, peguei uma bicicleta e fui la na chácara onde as meninas estavam, abri o portão entrei discreto, como eu ja conhecia bem, deixei a bicicleta escondida, e fui tentar espiar, ja tava bem escuro, eu fui a sala de dança onde o som estava super auto, uma mesinha com muitas bebidas, vários copos descataveis vazio, todas bem bêbadas, minha sobrinha bem tonta, fazendo com que elas bebessem mais, e ja tomando no gargalo, uma dela ja sem blusa, mostrando o seios, a blusa dela no chão, o sutiã também, eu pelo lado de fora olhando, ja doido de tesão, uma dela ja sentada capotada, a outra dançando, minha sobrinha ja cantando coisa com com coisa, ai coloca outra musica, tenta dançar, mas cai, e fica, ali no chão resmungando, outra senta, e começa a dormir, a que tava sem blusae sutiã, esbarra na mesa e derruba tudo, e ja fica no chão, uma dela aindade pé, procurando o banheiro, ia andando e se batia, eu entrei, e fui por traz dela, a levei ao banheiro, evitando de deixa-la me ver, ela de saia, eu coloco uma camisela no rosto dela, abaixo a calcinha dela, a sento no vaso ela mija, peida, eu tiro a calcinha dela de ver e cheiro, que delicia, ela canta, e ainda sentada no vaso com a cabeça coberta pela camisa, eu de pé, tiro o pau pra fora e coloco na boca dela, ela chupa, muito bom, mas ai tira da boca, eu coloco de novo ela chupa um pouco, depois tira de novo, eu pego nos seios dela, levo minha mão na buceta, a levanto, seco sua buceta, e a levo pro sofá, abro suas pernas e chupo muito sua buceta, sinto uma melado descendo, ela ja capotada, estava calor, mas ai eu depois de chupar a menina, a deito no sofá, ai vou ver as outras, ja todas capotas, levo a camiseta, e pego minhasobrinha, que ja estava pra la de bagda, a levo pra sala, e a coloco no tapete, que era bem fiopudo, la abro seu short, tiro puxo sua calcinah de lado e chupo muito, muito bom, a visto novamente, e a deixo no sofá, levo outra menina, que resmundavaalgo, ainda com a camiseta pra venda-la, a sento no chão e levo meu pau em sua boca, ela chupa gostoso, e me faz gozar muito, eu a beijo, e a deito no tapete, ai vou trazendo uma a uma, sempre com a camiseta, pra vendar, tiro fotos, de tdas, beijo todas, a chupo todas elas, tentei meter em uma, mas pensei em não tirar a virgindade da menina, ai não fiz, só as chupei muito, as fiz me chuparem, foi muito bom, deixei algumas no sofá, outras no tapete, limpei a bagunça na sala de dança, tirei os vidros, mas deixei os copos vazios, e a mesinha cheia de bebidas vazia, teve uma que se cortou, eu passei remédio e estanquei o sangramento, as deixei bem acomodadas, e sai, maravilhado, gozei muito, sai satisfeito, no dia seguinte, minha sobrinha me liga ainda bêbada, Tio pode vir aqui, to mal, bebemos demais, Eu vou, isso as 9:30 da manhã, na sexta feira, algumas vomitaram, eu fiz café pra ela, as levei pro chuveito, visto que era um banheiro coletivos, levei roupas pra elas, e falei pra tomarem banho com cuidado, fechei a porta do banheiro sai, limpei a sala, preparei um café bem reforçado pra elas, demoraram bem o banho, e saíram todas juntas bem vestidas, dei café a elas, algumas comeram um pouco, dei remédio de dor de cabeça, fiquei com elas, que dormiram bastante, e acordaram a tarde, bem melhor, fiz almoço, elas comeram, e disseram que iriam beber novamente, eu falei que tudo bem, estava muito calor, depois foram pra piscina, eu esvaziei pra não ter perigo de afogamento, a noite ja estavam melhor, começaram a dançar, e a beber, eu sai e voltei a chácara que estava cuidando, tomei banho bati uma ai voltei la depois da meia noite, de bicicleta, deixei a bicicleta escondida, e fui ao salão de jogos, elas estavam la brincando, mas não estavam tão bêbadas, eu fiquei esondido e só fiquei olhando, elas brincavam, dançavam, bebiam eu notava que minha sobrinha estava bebendo menos, as outras ja meio alegres, foram dançar no salão de dança, musica alta, todas pulando, o calor demais, elas transpirando, resolveram brincar de desfile, sem roupas, eu num tesão da porra, mas só podia olhar, com cuidado pra não me verem, depois comeram alguns petisco que eu deixei pronto pra elas, ai começaram a beber pra valer comendo os petiscos, todas ja cambaleando, começaram a apostar quem virava o copo na boca, foi uma a uma virando, minha sobrinha ja bebendo no gargalo, outra menina também, falaram de beijo, uma beijou a bocada outra, elas só de calcinha e sutiã, ja sentadas no chão, uma delas puxou uma almofada, e deitou, a outra tentando acordar, outra ja capota também, minha sobrinha fica tentando acordar as outras, ai vai ao banheiro e não sai mais de la, eu entro, e vejo minha sobrinha no banheiro sentada no vaso, inclinada pra traz roncando, eu coloco a camiseta no rosto dela, mexo com ela, mas nada, levo a mãe em sua buceta, ela não faz nada, eu a levanto, segurnaod por traz, e a levo pra sala, sento ela no sofá, e vou em sua buceta, ainda com gostinho de xixi, lambo bem, e começo a chupar, chupo muito até sentir o melado, chupo os seios, a beijo e vou ver as outras, todas no chão, levanto uma a uma levo pra sala, e vou chupando uma a uma, tinha uma dela com a buceta bem aberta, eu tento meter nela, vou bem devagar, e meto gostoso, gozo muito, ela ainda depois que meto nela, mija na minha boca, eu tenho que tomar o xixi dela, pra não molhar o tapete, muito bom, depois de um tempo eu volto e chupar uma a uma, meto de novo na que acho que não era mais virgem, como o cu de todas, e quando estava quase amanhecendo eu volto a chácara que cuidava, nem dormi, tomei um banho comecei o trabalho, tomei um café, cortei a grama, varri, lavei as paredes, ai eram 11:30 da manhã, quando resolvo ir la, todas dormindo, eu ai minha sobrinha se mexe, cai do sofá, em cima da amiga dela, ai acorda, mal pra caramba, ai começa a me chamar, Tio vem aqui me ajuda, por favor. Uma das amigas dela acorda, e fala, liga pra ele vir, ai pegou o celular, tenta ligar mais não conseguem, outra acorda tenta, mas sem sucesso, ai perdem o celular que cai um empurra pra debaixo do sofá, e tentam me ligar por outro celular, ai minha sobrinha acha que conseguiu, ai fica falando ao celular, tio vem aqui por favor, estamos bêbadas, me ajuda, vem logo, ela fala e fica passando mal, vomita, outra ja tinha vomitado e estava dormindo em cima eu entro, falo com minha sobrinha, a levo pro banheiro, enquanto a banheiras enchem, ai vou pegando uma a uma e levo pro banheiro, todas de calcinhas e sutiã, pego roupas pra elas, toalhas e falo pra tomarem banho, fecho a porta e saio, ai ela tomam banho, eu deixo a porta meio aberta, e fico olhando, entram na banheira, com calcinha e tudo começam a tomar banho elas bem bêbadas ainda, ficam mais de 1 hora e meia, ai começam a se secarem, se vestem e saem, bem tontas, eu dou café a elas, elas tomam, comem algumas coisa, eu as levo pro quarto onde haviam vários colchão dou remédios pra dor de cabeça a elas, e elas dormem, eu limpo tudo na sala, troco os tapetes, deixo tudo bem limpinho os celulares carregando, ai faço almoço, asso carne, pra elas, que dormem a tarde toda, a noite tudo pronto minha sobrinha acorda, depois as demais tomam banho, comem, ja bem melhor, ai eu vejo que estão bem, e volto pra chácara, la bato aquela punnheta, vendo os videos, as fotos, muito bom, tomo banho, ai volto la mais a noite, e elas estavam de boa, não bebendo, assistindo, eu fiquei um bom tempo, mas decidirma não beber, no dia seguinte, um sábado, eu acordo começo a fazer as coisas e ao meio dia elas me ligam, dizendo que querem comer, eu vou la, faço comida, asso carne, elas comem, e começam a beber no almoço, e deixo tudo pra elas terem sempre petisco, bebidas, e volto pra chácara, mas ao anoitecer eu volto la, elas ja bem bêbadas, dançando uma com a outra, as vezes dançam três juntas, uma delas servindo as bebidas, muitas misturas de bebidas, com cerveja, uma ja cambaleia, outra ja abaixa desce a calcinha e mija no canto, todas de saia curtas, sutiã, descalças, uma sai tromba com a porta, quando achaa porta e vai ao banheiro, mal entra e vomita, a outra vai ver se ela esta bem escorrega no vomito e cai, ai vai tomar banho, as duas juntas, enquanto isso eu entro passo um rodo no banheiro, vejo que estão bem aereias ai passo um pano e limpo tudo o banheiro, ai as duas que tomaram banho voltam totalmente peladas, que delicia, minha sobrinha, ja puxa uma pra danças, ai ja bem bêbadas, a que estava pelada serve mais bebida, ai vao pra sala, onde bebem mais e ja começam a apagar ali mesmo, eu entro, limpo o salao de dança, o xixi que a menina fez no canto, não demora e uma ja cambaleia, minha sobrinha vai levar ao quarto, mas não consegue achar a porta, eu entro, e fico atraz e as levo, elas ja deitam e começam a dormir, eu vejo se estão mesmo, ja chupo minha sobrinha, meto em seu cuzinho e gozo gostoso, ai vou ao banheiro lavo bem o pau. volto ao quarto e chupo a outra, ela resmundava algo, eu coloquei o pau na boca dela que lambeu e me fez gozar, eu beijei as duas e sai, fui pegar as outras que estavam na sala, uma cantando, a outra ja debruçada dormindo, a peguei, levei pro quarto, e a chupei muito, mamei em todas, e coloquei o pau na boca dela, mas ela não chupava, ai eu meti no cuzinho apertado e gozei, fui ao banheiro lavei o pau e fui pegando as outras, a ultima que levei ela estava acordada, a chupei muito, fiz ela me chupar e ela chupou tão gostoso, que gozei muito em sua boca, depois a deitei na no colchão e ela logo dormi, eu volto a sala limpo, e vou pra chácara, foi muito bom, no dia seguinte, um domingo eu acordei tarde, fiz algumas coisas almocei, e la pelas 14:00 hs eu vou la, entro e todas dormindo, eu faço um café, asso carne, preparo uma comida pra elas, la pelas 16:00 hs minha sobrinha acorda, ainda tonta com dor de cabeça, me abraça, eu a sento no sofá, dou remédio, falo pra ela ir tomar banho, ela vai pega roupa, acorda as amigas e todas vão pro banho, tomam uma banho super demorado, se vestem e saem, minha sobrinha estava melhor, outra com dor de cabeça, eu lhe dei remédio, a outra meio tonta, dei comida a elas, dormiram mais um pouco acordando melhor, ai eu limpo tudo, e elas falam que precisam ir pra casa pois tinha aula no dia seguinte, eu vejo que estão bem e as levo, cada uma em sua casa, todos me agradecem, foi muito bom, mas nunca mais fora~m fizeram de novo, e eu nunca mais tive a chance de pega-las, só tenho os videos que fiz, as fotos que tirei, muito bom, que coisa boa, pena que ja fazem 1 ano, nunca mais, é isso espero que gostem.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,25 de 8 votos)

Por #

9 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder anonimo

    Tendo oportunidade da pra pegar sim mas tem que ter cautela, pra não dar merda, eu mesmo comi uma prima minha bêbada, ela tinha gonorreia me fudi, mas meninas virgens ai sim é bom

  • Responder anonimo

    Legal o conto, se for verdade mesmo, mas vamos acreditar.

  • Responder anonimo

    Concordo com o mano acima, tudo é mentira. mentira, mentira.

  • Responder anonimo

    Na boa, se 2% ou menos, desses contos fossem verdade. na boa o mundo estaria bme mais perdido do que esta está, mas fantasiar não pega nada.

  • Responder anonimo

    Da hora, mas imagine se uma delas a que você diz ter metido engravida, mano vai se foder mesmo.

  • Responder anonimo

    Mano que conto da porra, a se eu tivesse essa chance. a primeira vez que tentei com minha sobrinha gostosa, fui até excluído da família.

  • Responder Porra100vergonha

    Estão doido vai que vaza, eu me fodo, mandem os da mãe de vocês.

  • Responder Jonas

    Envia pra min no meutelegram @jonaspeses

    • Erick

      Mostra esses vídeos e fotos p mim, meu telegram @Numero017