#

O Diário de Lona (Capitulo 1)

1099 palavras | 0 |2.80
Por

Capítulo 1

(1)
Bom dia meu diário, ganhei você de presente da minha mãe, ela me disse que eu já estava crescidinha e que eu precisava contar aqui tudo o que se passa no meu redor como uma forma de distração e para eu poder de uma forma que não me lembro que ela tenha falado… para que eu aprenda a me expressar melhor. E tou gostando da ideia, aqui posso tudo, ela me disse também pra nunca mostrar esse caderno para ninguém, o que eu fiz que sim com a cabeça, vou contar aqui o que faço na escola, nas brincadeiras aqui em casa quando trago minhas amigas… hum, deixa eu ver… eu gosto muito de andar de bicicleta, antes de meu pai morrer foi ele quem me ensinou, custei a aprender, eu to rindo aqui, deixa eu ver… tô pensando aqui como eu posso escrever quando estiver rindo… já sei, vou colocar a palavra rindo entre duas travinhas que a minha professora ensinou assim (risos).

A minha melhor amiga é a Milena, ela é do meu mesmo tamanho, da minha mesma idade tbm (risos) minha mãe me disse que tem uma palavra que se dá quando isso acontece, deixa eu ver… acho que é considerado, não, acho que é “coinsidente”, acho que é isso, depois vou perguntar a ela. A milena sempre vem aqui em casa brincar comigo, minha mae deixa, minha mãe é legal e muito bonita tbm mas eu vejo ela tão sozinha depois que meu painho morreu.. ela as vezes fica muito pensativa.

Deixa eu ver… acho que por enquanto é só isso (risos) depois vou colocando mais coisas e escrevendo mais coisas.

(2)
Hoje brincamos muito na escola, lá a gente jogou queimado, meu time ganhou, a gente sempre ganha, o pedrinho acertou a bola bem na cara da camila e ela caiu no chão (risos) foi muito engraçado, todo mundo riu, até a professora, mas aí ela mandou todo mundo parar pq a camila começou a chorar. O pedrinho só pediu desculpa porque a professora mandou, parece que nem sentiu pena da camila.

Minha mãe anda muito preocupada com alguma coisa, nao me fala nada, mas eu sinto isso, é como se ela tivesse triste o tempo todo, quando ela me pergunta como foi na escola eu sinto como se ela me dissesse por obrigação, tbm vejo ela muito sozinha, ela tem uma amiga chamada tulia que sempre vinha visitar a gente mas ela viajou.

Minha mãe quando me pega na escola ela me deixa em casa e logo sai para ir trabalhar, ela é professora, me lembrei aqui que minha professora as vezes fica de aparência triste, talvez isso seja negocio de professor né?

Aí sempre fico sozinha aqui quando ela sai depois das 12 horas, ela me diz que nao é pra deixar ninguém entrar a não ser alguma amiga como a milena, ela fez um buraco na janela daqui de casa para eu ver quem aparece lá fora, se for alguem que nao conheco ela disse que eu deixasse chamar a vontade e nao era para abrir de jeito nenhum.

A minha casa é cercada por muro e o portão de entrada fica meio distante daqui de casa mas dá pra ver quem chega lá na frente.

Deixa eu ver… acho que ta bom, vou tomar banho pq ainda nao tomei, cheguei pouco tempo da escola, minha mãe saiu correndo para trabalhar.

(3)
Hoje é aniversário da milena, ela me disse que os pais dela vão fazer um bolinho e ai ela vai me chamar, ja disse minha mãe pra me levar, vai ser as 18 hora por ai. Minha mae pela manhã ao me levar para escola disse que iria comprar um presente, mas ai ao me deixar aqui em casa ela esqueceu porque saiu as pressas (risos) como sempre.

Ontem a noite eu vi minha mãe rindo muito com o celular na mão, faz tempo que eu nao vejo ela rir tanto daquele jeito.

Minha mãe perguntou se eu ja estava escrevendo aqui, e eu disse que tava, e ai ela disse, muito bem.

Já são 16 hora e minha mãe jaja chega pra gente ir para o aniversário da milena.

(4)
A festa da Milena foi muito boa a gente comeu muito bolo, o presente que minha mãe deu foi um conjunto de sutiã e calcinha e um tênis muito bonito, ela ficou muito feliz, a gente se divertiu muito, tem um menino da escola que a Mila gosta que ele foi convidado mas não apareceu, ela me disse que ficou triste porque ele não foi, mas ai eu disse pra ela não ficar triste e ai ela não ficou e fomos comer bolo. A mãe da Mila ficou meio bêbada pq bebeu muito, ela tava dançando que nem um canguru, pulando muito, minha mãe não ficou assim, estava o tempo todo no celular e rindo, não sei porque.

A mila assim que nem eu não tem pai, ai é só ela mais 2 irmãs a mae e o padastro dela que é muito gente boa, quando vou lá as vezes ele sempre da algum dinheiro pra gente ir comprar sorvete.

Também eu e a mila dançamos um monte, ai demoramos mais um pouco na festa e ai eu e minha mãe viemos pra casa.

(5)
Na escola a mila perguntou ao Marcelo porque ele não foi para a festinha, ela disse que ele disse que a mae dele não queira ir levar porque ela tinha que dormir cedinho pra acordar antes do galo cantar para sair a algum lugar que ele não falou.

A aula que mais gosto na escola é de matemática, eu gosto de resolver as contas, a professora sempre bota contas difíceis que meu colega reclama, mas eu aprendi tudo, ela sempre da um bombom para a gente somente quem acertar tudo. Eu acabo sempre ganhando.

A France nunca mais apareceu na escola, a irmã dela ficou grávida e teve neném ai ela nao foi mais porque tinha que ajudar a irmã com o bbzihho.

Deixa eu ver… ah, lembrei, tem um menino na sala que mandou recado pela mila dizendo que gosta de mim, mas eu não gosto dele, ele é feio e eu só gosto de menino bonito, o menino que a mila gosta que é da outra sala é muito bonito.

Xau, vou comer alguma coisa e ir dormir.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 2,80 de 5 votos)

Por #

Nenhum comentário

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos