#

garotos levados

451 palavras | 5 |3.18
Por

Esse conto é exclusivo para amantes de spanking.

Chegou a sexta feira mais esperada da vida de meus filhos, dois lindos garotos de dez e oito anos. Lucas tinha dez anos magro olhos azuis pele branca como neve ostentava um corpo sarado com um bumbum bem redondinho. Ben era um garoto de pele morena clara (os meninos eram de mães diferentes), corpo musculoso, se bronzeava com muita facilidade.
Os meninos esperaram com anciedade durante um ano todo onde chegaria o dia de viajar a um importante parque tematico. Chegamos no local ao entrar chamei os garotos para uma conversa onde deixei explicito que se não obedecessem seriam punidos com toda a força de meu braço. Sinalizaram entendimento as condições então começamos o passeio.
Assim que começamos os garotos não se entendiam, um queria ir ao brinquedo x e o outro no brinquedo y; brigaram começaram a duscutir e eu os estava alertando da conversa que tivemos. Certo momento lucas fugiu em meio a multidão desobedecendo minha ordem de parada. Fiquei desesperado e começei a virar o parque de cabeça pra baixo a procura do lucas. Passava das seis da tarde o sistema de som do lugar avisa que um menino estava apreendino na sala de segurança aguardando um responsável. Como uma bala me dirigi ao local chegando lá ao encontrar meu menino senti um misto de emoções: alegria, conforto e principalmente muito ódio. Não bastasse ter fugido ele foi pego roubando em um quiosque aquilo me deixou possesso! No caminho de volta pra casa não trocamos uma palavra sequer, eu so planejando oq faria com ele em casa.
Chegamos em casa eu levei o ben para o banheiro tirei sua calça, camiseta e sua cueca boxer, sentei no vaso coloquei ele no colo e dei boas palmadas no seu bumbum moreninho pela teimosia e discussão no parque. Em seguida dei um banho, sequei e vesti meu menino que ainda estava em prantos. Chegou o grande momento:
Lucas vendo o irmãozinho chorar por umas palmadas desesperou-se quando falei que levaria a surra da vida dele, o chamei para o banheiro tirei sua camiseta em seguida sua calça e a cueca cavadinha que ele usava enquanto dava banho nele dei um sermão que não admitia roubo alem da fuga e desobediência. O sequei levei ao quarto e mandei que deitasse na cama pelado onde peguei meu cinto de couro dobrei e bati em seu bumbum até aquele lindo bumbum branco ficasse roxo, ele berrava implorava por perdão. Apos o castigo deixei uma semana trancado no quarto e avisei que a próxima será pior.
@flashspk

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 3,18 de 11 votos)

Por #

5 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Mark

    Que loco, é CONTOS ERÓTICO, sexo, desejos, meter, levar rola e gosar, gosar muito. Desse jeito logo vai ter contos assombraçao, assassinato ou sei la mais oque.

  • Responder Titio smurf

    Nossa que merda

    • papai smurf

      Desculpe se não gostou, vc não deve ter feitiche por spanking caso fosse entenderia. Esperi agradar nos proximos.

    • Dani

      Papai smurf, gostei do conto curto disciplina infantil, me chame no telegram. @retro spk

    • Dani

      Acabei errando meu telegram o correto e esse @retrospak