# #

Iniciação do meu afilhado e do meu filho I

954 palavras | 15 |4.62
Por

Me chamo Antonio, tenho 39 anos e sou casado a 10 anos com minha esposa Mayra. Tenho um amigo/irmão de infância chamado Leonardo que faleceu a 5 anos em um acidente de moto, ele deixou a esposa (Laura) e o filho Lucas hoje com 12 anos, que é meu afilhado, que vive aqui em casa junto com meu filho Arthur de 9 anos, desde a Marte do Leo, passei a ser á presença masculina pra ele, Laura ainda não casou, só namora por um tempinho as vezes, como sou padrinho dele, ajudo muito na criação dele também, quando saio com minha família ele esta sempre junto, ele é Arthur se da o muito bem e me lembra muito Leo e eu quando criança, ano passado Laura veio falar comigo e pediu pra conversar com o Lucas porque ela pegou ele se masturbando, e como sou hoje á figura paterna dele ficou pra mim essa parte. Uns dias depois, Laura e minha esposa que trabalham na mesma empresa teriam uma convenção e eu iria ficar com os garotos 6 dias, no dia em que elas foram, saíram a tarde e logo final do dia fui buscar os meninos na escola, fomos pra casa, e as crianças queriam tomar banho na piscina, estava calor e resolvi deixar e me juntar a eles, peguei uma cerveja gelada que sempre tenho, coloquei uma sunga e fomos pra piscina fiquei sentado na beira da água tomando minha cerveja enquanto eles brincavam na água, e me distrai no celular lendo contos e fiquei de pau duro mas nem me toquei dos meninos, logo vi que eles coxixavam e riam dentro da piscina e me dei conta que estava de pau duro e eles estavam vendo o volume que estava na minha sunga, tenho 19cm de pau e um pouco grosso, então resolvi que estava na hora de eles sairem da piscina e irem tomar banho, fui buscar uma toalha pra eles se secaram e irem pro chuveiro, eles foram tomar banho os dois juntos e aproveitei pra ir tomar banho tbm no meu quarto, como estava excitado e iria ficar uns dias sem minha esposa resolvi bater uma no banho, quando derrepente meu filho entra no banheiro me chamando que estava com fome, meu filho ficou hipnotizado com a cena, me ver de pau duro pelo visto pra ela foi o máximo.
-Nossa pai, como é grande seu pinto.
-[risos] o seu vai ser assim um dia também
Nunca tinha reparado em meu filho pelado, uma bundinha redondinha, carnuda e o pinto ainda pequeno devido sua idade, então me sequei, com o pau latejando por não ter gozado, meu filho não saia do meu quarto, estava fascinado com meu pau duro, que continuava babando e quando notei meu filho de pau durinho também, mandei ele ir se vestir que eu ia pedir uma pizza pra nós e íamos assistir um filme na TV. Comemos e os meninos se jogaram no sofá, logo meu filho dormiu, e levei ele pra cama dele, e Lucas ainda ficou comigo assistindo filme comigo, aproveitei a deixa para conversar com ele sobre o que Laura tinha me pedido, comecei perguntando da escola, até chegar no assunto, não me preocupei de meu filho ouvir, ele tem sono pesado e os quartos eram no andar de cima bem longe da sala, então perguntei se ele sabia o que era punheta, e ele responde que não, então explico pra ele o que é, que ele deveria ter cuidado porque a mãe dele não deveria ver ele fazendo isso, e disse que quando ele tiver qualquer dúvida sobre esse tipo de assunto que ele poderia me perguntar quando estivéssemos sozinhos. Então ele me pergunta o que é porra, dizendo que ouviu uns colegas mais velhos da escola falando, então expliquei que a porra é o leite que sai do pau quando gozamos. Então ele me pergunta o que é gozar, então expliquei pra ele é ele disse que só sentia a sensação boa mas que não saía leite do pintinho dele só uma aguinha, então ele pede se pode ver como é que sai o leite do pau, então peguei meu cel pra mostrar pra ele é ele pediu se podia mostrar no meu, fiquei meio assustado na hora mas não vi maldade também, na minha adolescência cansei de bater punheta com amigos, e com certeza uma hora dessas ele ia fazer isso também, até com a companhia do meu filho pq vivem juntos, então baixei meu calção, estava sem cueca, comecei a mexer no meu pau que logo ficou duro, ele estava fascinado, não tirava o olho do meu cassete, ele se ajoelhou na minha frente no chão, eu estava com um tesão e a situação era muito excitante, ver aquele menino encantado vendo eu bater uma punheta, derrepente ele leva a mão no meu saco que pulava devido aos movimentos, senti uma corrente elétrica percorrer meu corpo, deixei ele matar a curiosidade, ele ficou mexendo no meu saco enquanto batia e gemia então avisei ele que ia gozar e iria sair bastante leite, costumo gozar muito sempre, então na hora que fui gozar joguei minha cabeça pra trás e não vi mas ele chegou com o rosto bem perto os primeiros jatos foram na cara dele, quando vi morei pra minha barriga e ainda os jatos acertaram meu peito. Relaxei no sofá ainda aproveitando uma das melhores gozadas que já tinha dado, quando sinto ele pegar no meu pau. (continua)

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,62 de 74 votos)

Por # #

15 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Anon

    @Pretindk

  • Responder Jairo

    Gostei do conto, mas vc deve ser um HOMEM e tanto. Pauzudo com 19 e grosso. Casa com piscina e dois andares. Quero te conhecer. Quanto ao seu conto é excitante quero ler os outro. PAZ.

  • Responder Roberto

    Tesão de conto, deixa o cara de rola dura kkkk essa criançada é safada rapaz, gosta de ver um macho pelado, e isso é bom demais.

  • Responder Marco Shota

    Conto legal, adoro conto de novinhos

  • Responder Celso Gym

    Dou aula de natação. Tenho mania de me exibir pra criançada, que pagam mó pau pro meu físico. Sempre atiço a curiosidade delas. O fato de elas me admirarem me excita.

    • Arquiteto G

      Isso é muito excitante, tô curtindo muito isso!

    • Roberto

      Também curto me exibir pra criançada, sua profissão ajuda muito né, já rolou alguma aventura?

    • tegson

      galera poderia deixar seus relatos aqui ne rs, as vezes os comentários são tão bons quanto os contos

    • @OgaihtAzuos

      dlç hein

  • Responder Tesao19

    Continua essa história

  • Responder Casadobidebh

    Adoro ensinar novinhos
    Sou de BH, maduro e carinhoso
    Telegram @cs_bh

  • Responder Xaves

    Finalmente um conto bom!

  • Responder JohnPedoro

    Continua, fiquei de pau duraço aqui

    • Misteriosa

      Hummmm.
      Adoro contos com novinhos

  • Responder Ranger

    Continua, porfavor!

    Conto incrível.