#

Minha primeira vez o reencontro

968 palavras | 2 |3.57
Por

Depois de voltar pra casa com o cuzinho ardendo e tendo que disfarçar pra ninguem perceber , eu não conseguia parar de pensar na loucura que eu tinha feito com apenas 11 anos da meu cuzinho a troco de umas balas pra um rapaz de 19 anos , foi uma loucura mas a sensação de sentir ele baforando no meu pescoço e deslizando seu pau todo pra dentro de mim estava me fazendo sentir algo que eu nunca avia sentido .

No dia seguinte uma segunda feira eu voltando da escola escutei alguem me chamando , quando olhei era o marcos que estava vindo de bicicleta na minha direção , meu coraçãozinho disparou achei que ele iria dizer algo que me complicaria , então ele me entregou um papelzinho dizendo pra eu entregar meu irmão e saiu eu logico que linoque esta escrito e não tinha nada pro meu irmão la , era ele me dizendo onde era pra eu encontralo e a hora desse encontro .

Então depois de ter almoçado disse a minha mãe que iria na casa de uma amiguinho e sai , com o coraçãozinho disparado fui ate o local que marcos avia marcado , e la estava ele com sua bicicleta me esperando era uma rua de terra indo pra uma area de sítios .

Marcos pediu que eu montasse na garupa e saimos , então ele parou a bicicleta nos atravessamos uma cerca de arame farpado e descemos uma trilha por uns 10 minutos ate chegarmos em uma cachoeirinha bem pequenina , mas eu parei na hora porque avia um homem la , mais velho de uns 26 anos forte com um shortinho pequeno marcos vendo que eu estava comedo me disse que podia vir quera um primo dele e que eu não prescisava ter medo , eu não queria ir mas marcos me disse que ele avia visto oque nos tinhamos feito e que se eu não o agradace tambem ele contaria pra todo mundo .

Eu enchi meus olhos de lágrimas e desci , quando o primo de marcos me viu chorando me perguntou oque tava acontecendo e disse ao marcos : vc não disse que ele vostava disse e que iria gosta de nos dois .
Marcos e seu primo ricardo discutiram por alguns instantes , então ricardo sentou do meu lado me acalmou e disse pra eu não ter medo que se eu não gostasse ele não faria nada .

Passando a mão no meu cabelo ele começou a dizer o quanto eu era bonito e que fico com inveja do marcos quando viu oque estavamos fazendo no outro dia , eu então olhei pra ele e falei que tava bom , eu ia faze com ele tambem e perguntei oque eu iria ganhar ? Ricardo tirando um pau grando mas não tão grosso de lado do short me disse : se vc chupar e depois deixar eu colocar no seu cuzinho eu te dou esse dinheiro ak , não me lembro quanto era mas pra um menino de 11 anos eu achei dimais .

Me abaixando de vagar ele levou minha cabeça ate seu pau , e eu lembrando como eu avia feito com marcos comecei a chupar , ricardo se encostou em uma pedra enquanto eu mamava sua vara e marcos batia uma nos olhando , então enquanto eu mamava a vara de ricardo eu senti marcos tira meu short e alisar minha bundinha e ricardo ja foi logo disendo que quem iria comer aquele cuzinho seria ele e que o marcos saísse logo dali , marcos reclamando com o pau latejando de tesão começou a reclamar , ricardo por sua vez me levantou e pra minha surpresa beijou minha boca eu nunca avia dado um beijo de lingua e passou o dedo no meu cuzinho , lambuzando a cabeça da sua pica com cuspi e depois lambuzando meu cuzinho com cuspi me fez sentar de uma so vez na sua vara , eu gritei dinovo mas ele me segurou me abraçando e dizendo que iria parar de doer logo logo .

Marcos não querendo fica de fora colocou seu pau na minha boca e disse que tambem me daria dinheiro mas que iria me foder tambem , eu me senti uma putinha nas mãos dos dois , um cavalo de 26 anos e outro de 19 me arrombando logo no meu segundo dia .

Marcos começou a gemer e forcando seu pau grosso na minha boquinha me fazendo quaze vomitar começou a gozar e ricardo vendo aquilo socava minha bundinha contra sua vara que toda vez que entrava inteira dentro de mim eu sentia empurrar a parede do meu colo então enquanto marcos enxia minha boca de porra ricardo sentia como era gozar ne um cuzinho apertadinho de 11 aninhos , me levando pra dentro da água marcos me enclinou nas margens do laguinho da cachoeirinha deixando meu cuzinho dentro d’água e aproveitando que ele ja estava arrombado por ricardo enfiou sua tara de uma so vez em mim , mas dessa vez eu não gritei apezar de arder pois o pau de marcos era menor mas era bem mais grosso que o de ricardo , vendo que eu não avia gritado ricardo se aproximou com a vara meia bomba e dissendo : gostei de ver aguentou caladinho e ja foi abaixando minha cabeça me fazendo mamar na sua vara mais uma vez .

Marcos logo gozou mais uma vez , era uma delicia sentir as varas dos dois pulsando e enchendo meu cuzinho de porra , ricardo demorou um polco mais pra gozar mas assim que percebeu que iria gosar tirou sua vara e fez chuver porra no meu rosto .

Eu aos 11 anos avia dado 1 hora direto pra dois homes que ficaram bambos depois de me fuder todo , foi incrivel .

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 3,57 de 51 votos)

Por #

2 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Marcelinho

    Delícia, já dei o cu quando tinha doze anos e usando uma calcinha foi delícia hoje ainda uso calcinha delicia

  • Responder Mark

    Adoro esses contos, tras lembranças da melhor epoca que eu tive.