#

Tio do sítio quanto eu tinha 13

2113 palavras | 5 |4.43
Por

Oi hoje tenho 33 anos sou branco cabelo curto grisalho alto quase 2m sou peludo e sou gordo, isso aconteceu quando eu tinha 13 anos era meio gordinho. Eu e meus pais íamos 1 vez por mês no sítio do meu tio que morava sozinho (ele era casado só que minha tia não gostava de sítio ela ia com a gente sempre) era uma casa bem simples uma meia água pequena que é a cosinha e sala junto feita de tijolos a vista e não tinha forro era de etenite as telhas e tinha 2 quartos que era de madeira sem mata juntas, a cama de casal era de palha e tinha uma cama pequena no outro quarto. Eu e meus pais dormia na cama de casal e meu tio e a tia na cama pequena no outro quarto, se eles faziam sexo não sei mas acho que não se não a gente escutaria. Eu gostava muito de ir lá não tinha TV só tinha um rádio Velho e só restava sair para pescar ou cassar com meu tio. Eu já tinha dado para uns coleguinha da minha idade quando eu tinha 10 anos e para um outro mais velho que tinha pintos normais por 3 meses depois me mudei e nao vi mais eles talvez conte isso outra hora. Eu batia muita punheta vendo revistas de mulher pelada e não pensava muito em dar para mais ninguém só em meter em alguma garota, eu estudava a noite e um dia eu cheguei Em casa depois das aulas e não tinha ninguém em e joguei minha mochila no sofá e fui pegar alguma coisa é vi um lápis de cor que era o dobro da grossura dos outros normais que eu tinha e tive vontade de enfiar no cu enquanto me masturbava e foi muito bom e quase virou uma rotina aí comecei a querer dar o cu novamente, nessa época não tinha internet única coisa era revistas que amigos mostrava com homens metendo nas mulheres e eu ficava imaginando aquelas rolhas grandes no meu cu. Vamos voltar ao sítio, íamos uma vez por mês e posava de sábado para domingo, no doming tínhamos que ir embora eu estudava e meus pais trabalhava, um dia estávamos no sítio e eu meu tio e meu pai saímos para verificar umas armadilhas que ele tinha armado e teve uma hora que meu tio parou para mijar e foi um pouco pro lado e parou em uma árvore e tirou a rola pra fora e começou a sair um jato grande eu fiquei muito curioso só que não consegui ver mesmo tentando só que meu tio percebeu minha tentativa de ver e eu disfarcei, andamos mais um tanto e vimos um rio e meu pai foi na direção do rio e meu tio falou vou mijar e foi em direção a uma árvore só que dessa vez ele tirou o Pinto pra fora e meio que virou pra min ver o negócio dele e que negócio grande e bonito eu vidrei naquela rola grande e mole ele mijou eu imaginei ele mijando no meu cu fiquei de pau duro na hora e ele terminou deu um sorriso pra min é fomos terminar a cassada, depois desse dia quando eu batia punheta e enfiava o lápis imaginava aquilo dentro de min é comecei a enfiar mais de 1 lápis até 4 no máximo e sempre quando eu ia lá eu queria ver só que não consegui mais. Passou mais ou menos 5 meses e chegou as férias da minha escola e fomos para lá na sexta a tarde dava 2 horas de viaje até chegar lá e passamos o sábado e nada de ver só olhava o pacote e passou domingo quase na hora de ir embora eu pensei pra que ir embora não tenho aula e nisso veio a ideia de pedir para ficar ali a semana toda e isso que eu fiz, pedi para meus pais para ver se posso ficar ali no sítio a semana toda e eles falarão que não porque eu ia encomodar ele, aí ele falou que nada é até bom passar a semana com alguém aqui só que ele falou que não ia ter moleza ia ter que ajudar eu concordei e meus pais deixarão, agora sim pensei em uma semana vou pelo menos ver a rola dele de novo nem que seja uma vez. Meu pais e minha tia foram embora e aí passei o resto da tarde imaginado um jeito de ver quando começou a escurecer ele fala vou tomar um banho antes que fique muito escuro pegou um balde com água quente e foi pra cima do sítio que o chuveiro era uma lata furada e as paredes um plástico em volta fiquei olhando quando ele entrou subi correndo perto para ver e tinha várias frestas no plástico e vi ele lavando aquela coisa bonita deliciosa de ver quando ele estava se enchaguando corri pra dentro e fiquei do lado do fogão a lenha ele passou de toalha e entrou no quarto, e fui em um fresta e vi mais de perto ele colocando uma bermuda só isso sem cueca e sem camisa. Nisso escureceu e ele falou vamos dormir que acordarmos cedo e fomos ele deixou eu dormir na cama de casal e ele foi no outro quarto na cama pequena e eu durmia de cueca e fique na cama pensando naquela rola e comecei meio uma punheta devagar para não fazer barulho, mechi um pouco não tinha nada para enfiar no cu e não quis enfiar o dedo vai que me empougo e fui dormir, acordei derrepante com ele me chamando e perguntou se estava tudo bem, Só que tudo no breu não via nada na minha frete e falei tudo bem sim porque tio ? Ele falou que pensou que eu tinha chamado eu falei que não. Ele ficou em silêncio um pouquinho e falou posso dormir aí também lá tá dando dor nas costa eu falei lógico e fui para o canto da parede e de costas para ele e ele foi deitando apalpando a cama e relou na minha bunda e não folou nada e nem eu, e deitou e comecei a escutar a respiração meio forte dele na minha nuca e senti ele mechendo a mão e a coberta começou a subir e a mão dele encostou de leve na minha bunda e ficou parado ele percebeu que não reagi e foi mais além foi passando os dedos e foi chegando mais perto até que pegou na minha bunda com vontade eu já estava com o pau duro e ele escorregou a mão pela minha cintura e foi até o meu pau e viu que eu estava gostando, ele baixou minha cueca até tirar e me encoxou aí senti aquela coisa dura encostar na minha bunda e percebi que quando ele deitou ali comigo já estava sem nada e começou a esfregar o pau na minha bunda e eu comecei a gemer e empinar a bunda aí ele viu que poderia fazer o que quiser, ele afastou um pouco e senti o dedo molhado indo para meu cu e começou a enfiar o dedo aos poucos e pegando mais saliva e enfiou o dedo e eu ali bunda empinada para ele é gemendo até que eu comecei a sentir mais um dedo querendo entrar e molhando tudo com saliva, a cada medida ia entrando o segundo dedo e doía só que era uma dor gostosa quando enfiou o segundo dedo e já estava acostumando com os 2 dedos no vai e vem eu coloquei a mão para traz e peguei na rola dele que estava muito dura e eu não conseguia fechar a mão de tão grosso que era e comecei a mexer na rola dele e aí comecei a sentir o terceiro dedo que começou a doer e eu já comecei a gemer de dor e de tesão só não enfiou os três dedos e eu cuspia na mão e Melava o pau dele aí eu tomei uma atitude e virei de barriga para baixo e ele veio por cima e colocou a cabeça Da rola na porta do meu cusinho, eu empinei a bunda e ele começou a forçar e eu senti que estava abrindo e eu comecei a gemer e ele só com a pontinha foi indo aos poucos no vai e vem até que começou a entrar a cabeça e começou a doer e eu de gemido foi para aí aí aí aíiiii ele então não parou ia indo cada vez mais, ele fez uma coisa que eu nunca vi até hoje ele pegou minha orelha inteira com a boca e começou a chupar e me deu um arrepio na espinha aí eu sentia dor da rola e arrepio na orelha e até que senti uma dor forte no cu uma vontade enorme de cagar na hora que entrou a cabeça Da rola eu gritei um pouco mais alto nessa hora e ele parou de forçar e deixou parado eu sentindo aquela cabeça no meu cu até que comecei a mecher a bunda em um vai e vem e ele percebeu que poderia tentar colocar o resto e começou o vai e vem eu sentia meu cu super aberto e eu comecei a gemer alto ele pegou minha orelha denovo e chupando ela é forçando a rola até que dele começou a morder minha orelha eu falo aí aí aí aí é aí senti ele forçar a rola no meu cu e arder muito até que ele viu que não entrava mais Só foi a metade e eu já em lágrimas e não tinha como sair ele estava encima de min ele ficou só com a metade da rola mesmo e foi tirando até quase sair a cabeça do pau e colocava até a metade novamente eu sentia que batia no fundo do meu intestino e estava doendo e meu cu todo aberto no máximo que aguentava naquela hora e ele no vai e vem até que eu comecei a gemer novamente e começou a ficar muito bom eu empinar a bunda e ele lá até que eu forcei mais a bunda pra Tra e falei pra ele quero de quatro mais não tira, nisso eu fui ficando na posição e ele subindo junto até que fiquei igual a uma cadela de 4 com seu cachorro metendo a rola, estava doendo um pouco a cada metida só que o prazer era muito mais e eu gemendo alto, como as casas dos vizinhos era mais de um km longe da outra ninguém me escutou gemendo que nem uma garotinha na rola do macho até que senti que ele estava dando umas medidas mais demoras até ele parar e uhaaaa alto e eu sentir ele gosando muito no meu cu, que delícia sentir isso ele gozou muito parecia que não ia parar até que ele falou deita e eu deitei e ele junto não desgrudou e largou um pouco do peso dele encima de min nisso a rola não deu cinal de amolecer ele virou junto comigo de lado e eu comecei a rebolar a bunda no vai e vem e comecei a sentir escorrer na minha bunda e ele mexeu mais um pouco parou e ficou parado não mexeu mais peguei no sono ele também, acordei com uma lambida na orelha estava amanhecendo e ele me encochou senti molhado minha bunda e a rola dele mole me molestando e falou hora de levantar nisso eu senti meu cu ardendo muito parecia que o meu coração estava batendo na minha rodelinha e virei de barriga para baixo ele levantou me descobriu todo pegou na minha bunda e falou vamos tomar um banho que vc tá precisando eu sentia minha bunda toda melada passei a mão e olhei era porra e sangue, na cama uma mancha de sangue e ele falou comi minha virginha fomos tomar banho daquela jeito só que junto dessa vez isso foi na primeira noite. Mais tarde conto mais, já tá grande o conto. Tomara que gostem.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,43 de 74 votos)

Por #

5 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder Gina

    Que delícia, ele agora vai arrombar seu cuzinho sempre, não vai precisar usar mais os lápis

    • Urso

      Foi muito bom enquanto durou

  • Responder Anônimo

    Delicioso

  • Responder Anônimo

    queria ter um tio desse

    • Anônimo

      Eu posso ser ……