Coroa desconhecido me seduziu e me comeu II

Autor

Pra quem não leu a parte I, sugiro que leiam para entender a minha historia de hetero para putinha de um coroa: Coroa desconhecido me seduziu e me comeu

Pois bem, depois que tive aquela manhã maravilhosa, não parava de pensar um minuto no homem que tirou minha virgindade e que me fez se deliciar com um pau atolado no rabinho. Todas as manhãs eu costumava ir a escola de 6:30 por ai, mas depois do ocorrido passei a sair as 6h. O esquema era: eu saia de casa, andava duas quadras, dobrava uma esquina e o esperava em um bequinho. Ele vinha, parava o carro e se certificava q nao tinha ninguém na rua. Quando aparecia uma brecha, eu corria e pulava pra dentro do carro dele, que tinha os vidros todos escuros. Daí ele me botava pra chupar aquela pica logo cedo até dar 7h. Confesso que tomava leitinho logo antes da merenda, rs. Numa dessas, aproveitei o fato de que não teria aula por conta de uma amostra pedagógica lá e não contei a ninguém em casa q nao teria aula. Me arrumei normalmente, e esperei no mesmo canto de sempre. Quando ele chegou e eu entrei no carro, ele me mostrou uma caixinha dessas de roupa e disse que era um presente pra mim. Quando eu abri a caixa, fiquei surpreso: era um conjunto de calcinhas que ele tinha comprado pra mim, ele disse ”quero comer minha putinha de calcinha atoladinha no rabinho”. Fiquei me imaginando de calcinha e pedi que fossemos logo pra sua casa. Chegando lá, ele me pediu pra tomar um banho e colocar uma calcinha de renda verde e ir direto pra cama deitar que ele ia fazer umas coisas antes. Fiquei lá, deitado, de calcinha, na cama do meu coroa gostoso. Fiquei lá assistindo tv durante 1h mais ou menos. Dai quando ele chegou que viu a visão minha, de calcinha e de farda (ele tinha esse fetiche de me comer eu vestido de farda), ele não se aguentou e já veio com o pau em riste. Dai pedi pra ele se deitar na cama e fiquei cavalgando naquele mastro maravilhoso, meio que sem saber. Ele dizia "ta gostoso tá putinha?" e eu "ai….ai…ai…ta sim…ai….me come vai….ai…ai" "adoro ver vc gemendo…acho que tua mae é desse jeito também né?” ”é sim…aprendi com ela…ai…ai…aaaiiii" Nisso ele me botou deitado na cama e veio com aquele pau e gozou minha cara todinha e minha farda, como ele sempre gosta de fazer. Ficamos a manhã toda nos acariciando e ele dizendo que ‘esse rabinho é só meu’.

Naquele dia ele me comeu de todas as formas e meu cuzinho precisou ficar ‘de molho’ durante um bom tempo…da próxima vez contarei quando ele trouxe um garoto da mesma idade e nos fez chupar o seu pau….

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,25 de 16 votos)
Loading...