Na cadeira da dentista casada

Autor

Olá, muito tempo sem escrever, volto aqui para contar uma aventura que tive nestes dias em Jul/18.

Deixa eu me apresentar novamente, meu nome é Augusto, hoje tenho 32 anos, 1,70 e 85kg, sou moreno, olhos castanhos e coxas grossas.

Quando morei em Mogi das Cruzes tive um relacionamento com uma dentista. Vou chama-la de Lissandra. Ela tem 34 anos, tem mais ou menos 1,75m, uns 60 kg (ela é magra) de olhos verdes e peitos médios. Nós haviamos mudado para a cidade mais ou menos na mesma época. No primeiro encontro fomos em um barzinho perto da casa dela, conversamos e bebemos bastante e no fim da noite ela acabou indo pra casa e rolou um química boa entre a gente. Ficamos uns 4/6 meses de rolo, mas eu estava em uma vibe querendo aproveitar a vida de solteiro e ela por ser mais velha, já pensava em um relacionamento mais sério.

Apesar de não termos avançado no relacionamento ela sempre dava umas indiretas que gostava muito da minha pegada e que eu deveria largar a vida de solteiro para ficar com ela…rs. Eu sempre fui sincero com ela e acabamos mantendo a amizade. Inclusive cheguei a apresentar um amigo meu logo depois que terminamos e ela saiu algumas vezes.

Pouco tempo depois, ela conheceu um rapaz que se tornou o marido dela atual. Eu particularmente não cheguei a conhece-lo mas as vezes ela me contava que ele não tinha todo o fogo que ela tinha. Umas 3 semanas antes dela casar, cheguei até a propor uma despedida de solteira dela comigo, mas tanto eu quanto ela achamos que seria meia loucura e acabou não rolando. (ainda vou realizar esta fantasia…rs)

Ela deve ter casado em 2016 e ainda mantemos contato de vez em quando. Como tanto eu, quanto ela mudamos para São Paulo, ainda nos falamos e ela sempre me fala para eu ir no consultório dela fazer uma consulta. Lá trás quando saíamos ela chegou a fazer clareamento nos meus dentes e resolvi marcar com ela de novo. O consultório dela é em Osasco, então me programei um dia e fui lá no primeiro horário. Cheguei até a dar uma brincada perguntando que eu queria marcar o dia que o marido dela não estava atendendo, mas o dia que ela tinha livre seria um dia que ele estava lá.

Chegando no consultório, realmente o marido dela estava lá, mas não chegamos a conversar. O tratamento foi tudo tranquilo, me senti um pouco incomodado e acho que ela também pelos nossos papos, mas transcorreu sem rolar nada. O que acontece é que ela me disse que precisava ter outra sessão de clareamento e acabamos marcando bem no dia que o marido dela não atendia no consultório…rs

A segunda consulta foi umas 3 semanas da primeira, também marcamos no 1o horário da agenda e neste dia ela tava mais arrumada e com um baton provocante na boka. Durante a consulta, eu fiquei quietinho e após terminar ela tirou uma foto dos meus dentes e disse que eu tava liberado. Me levantei e começamos a falar amenidades, perguntei como estava a familia dela, se ela tinha outra consulta na sequencia. Mas já tinha um clima no ar e eu já fui chegando perto dela. Tinhamos que manter as aparencias pois a secretária fica bem ao lado da sala dela e poderia escutar algo pela janela.

Fui chegando mais próximo dela e prendi contra a parede e dei um beijo de tirar o fôlego dela. Ela já começou a me olhar com um olhar de safada e me beijou mais uma vez. Daí eu já fui abrindo o jaleco dela e passando a mão nos peitos dela. Ela me lembrou que a secretária tava ali do lado e era pra eu ficar calado, mas ao mesmo tempo ela colocou os peitos para eu chupar gostoso. Eu cai de boka e chupei com bastante vontade, mas preocupado em não deixar nenhuma marca no corpo dela. Depois ela desceu a mão e já viu que eu estava com o pau duro e foi abrindo a minha calça jeans e colocando meu pau pra fora. Daí ela ajoelhou e me mandou ficar calado e caiu de boka no meu pau dentro do consultório dela. Apesar do desejo e ela ter me deixado com mta vontade de comer ela ali mesmo, estavamos sem camisinha e a secretária poderia bater na porta a qualquer instante. Ela pediu para paramos e na hora que ela levantou, tanto eu quanto ela estavamos com baton no rosto e ela pegou papel para me limpar.

Nos recompomos e sai do consultório com uma cara que condenava que tinhamos feito algo, mas acho que a secretária não percebeu nada. Ficamos de marcar um novo encontro fora do consultório e conto para vocês quando rolar…

Se vc gostou do conto e quer ouvir novas hist’orias, me manda um e-mail: augustosubsp@gmail.com

Acompanhem meus próximos relatos…

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,25 de 4 votos)
Loading...