,

Júlia

21-08-18 Por 7 ★ 4.96

Esse conto e ficção
Sai pela rua com muito tesao sempre curti prostitutas tanto as de rua quanto as de boates, nesse dia passando vi uma em especial veio até mim o especial e que ela estava grávida meus fetiches são muitos como logo você irá descobrir um dos mais normais e comer uma gravida.
Oi moço tá afim de um programa?
Claro moça mas trabalhando assim não vou pagar por dois (me referindo a gravidez já visível).
Preciso comprar o berço mas te faço desconto 100 real uma hora no motel ou 120 no meu apto.
Acabo topando não curto fazer no carro e motel é muito sujo e se for um limpo e caro, assim ela entra no carro.
Qual seu nome moça? Carla e o seu moço? Roberto.
Bom agora já nos conhecemos Carla, por 120 você faz tudo? Tudo mas só não vou dar o cuzinho pois Estou grávida e incomoda.
Tudo bem posso perguntar sobre o pai do bebê?
Meu ex namorado me engravidou dai me abandonou e teve uma overdose morreu bem morrido o desgraçado, com isso preciso me sustentar e minhas duas filhas.
Me interessei pensando nas filhas dela (meu outro fetiche) pensando se eram novinhas se rolava com elas nossa afloro e meu cérebro pensando em coisas.
Nossa Carla 2 filhas e mais um chegando, qual idade delas.
Júlia 11 anos e Giovana 7 anos.
Elas moram com quem?
Moram comigo, acho que você vai velas ta cedo devem tá vendo novela, chegamos é aquele prédio pode entrar a vaga é aquela nr 15.
Estaciono o carro e um condomínio com prédios de 4 andares, fico imaginando como vai ser nunca fui transar no apto é muito menos sabendo que as filhas dela vão estar lá.
Oi meninas esse é o Roberto aquela é a Júlia e essa a Giovana, senta Roberto vou no banheiro já venho.
Me sento e converso com as meninas ambas estão vendo chiquititas a mas nova e loirinha está de short e camiseta branca a outra esta de sainha blusinha peitinho nascendo é possível notar as pernas dá pra notar que estão se formando ela é branca com cabelos pretos pelo ombro dentes perfeitos sorridente mas tímida tipo aquelas meninas tímidas mas qd pega amizade são descontraídas meu pau endurece só de pensar como seria tocar na Júlia até me esqueço que to pra comer a mãe dela, nisso a Carla sai do banheiro.
Vamos Roberto.
Me levanto e entramos no quarto dela eu pergunto e as meninas sabem que vamos fazer?
Sabem sim a vida não é fácil temos que ganhar o pão de cada dia a Giovana não entende direito mas a Júlia sabe já é mocinha sabe o que se passa qd trago homens aqui.
Eu arrisco e digo lindas elas principalmente a Júlia que menina linda.
Safado vai me comer e fica de olho na minha filha?
Noto que ela fala meio brincando então jogo um verde, mas é linda mesmo pena que você não deixaria eu ficar com ela ne ou deixaria? Falo isso e me arrependo em seguida com medo da reação dela.
Mas ela fala assim “depende ne você Parece ser um cara legal” aquilo abre leque de conversa já to nu deitado e ela tirando a ropa vindo pro meu lado.
Deixo ela vir e falo, como assim depende?
Há ela é virgem mas não inocente já beijo meninos na escola e é curiosa se ela topa-se e você for legal com ela e pagasse uma grana eu deixava.
Aquilo me excita fico meio bobo e digo, Carla se ela é virgem vó fazer uma proposta ela continua virgem quero fazer tudo com ela mas prometo deixar ela pura o que vc acha?
Mas sem transar?
Uma menina linda como ela, só de ver ela nua beijar ela chupar ela tocar nela toda já dá prazer mas tem que ser sem forçar com consentimento dela.
Mas quanto financeiramente vc pagaria?
Hum não só rico mas posso ajudar vc e ela então assim a primeira vez eu e ela pago 500 reais mas tipo para ter ela noite toda hj é sexta 8 da noite ficaria até amanhã cedo e ainda te pago os 120 que combinei.
Ta bem sexo penetração nela ok.
Sim tudo menos penetrar.
Vou conversar com ela mas quero dar pra vc primeiro.
Ela vem e metemos umas meia hora de sexo dai ela diz se veste vou conversar com a Júlia primeiro ver se ela topa, vem vamos na sala.
Saímos ela senta a menor diz mãe tio com fome queria pizza pois na novela estão comendo pizza então eu digo: resolvido vou pedir pizza pra nós ligo e encomendo duas pizzas elas escolhem o sabor noto o sorriso delas principalmente da Júlia, logo depois que desligo o celular para esperar a pizza a Carla chama a Júlia para conversar no quarto, as duas entram e eu fico na sala vendo tv com a Giovana.
Oi mãe o que a senhora quer?
Júlia o Roberto te acho linda e gostou de você, você sabe o que faço é logo você vai querer fazer com namorados ou meninos.
Eu sei mãe.
Então o Roberto fez uma proposta mas você que decido, ele gosto de você quer fazer tudo com você menos penetrar em você ou seja tudo menos tirar sua virgindade.
Ta mas assim ele vai fazer o que?
Há tipo vai te beijar tirar sua roupa te tocar chupar sua buçéta fazer você chupar ele mas não vai colocar o pau dele na sua buceta nem no seu cuzinho ta e se ele forçar você grita ta bem, mas só se você quiser fazer.
Ele vai pagar ?
Sim 500 real pra ficar com vc até de manhã ou até quando ele quiser.
Nossa mãe.
E se ele gostar ele disse que pode te fazer só dele te dar presentes e pagar sempre.
E ai Júlia vai querer?
Ta bom mãe ele Parece ser legal, vou tentar fazer com ele.
Tá bom filha ele prometeu ser carinhoso e legal então tipo deixa ele fazer tudo pensa que vc vai ter prazer, você já beijo meninos?
Já sim.
Eles tentaram te tocar e você disse que gosto.
E a mesma coisa só que ele é mas velho e vai te tocar só que dessa vez você vai deixar ele tocar e fazer o que quiser tenta pensar que vai ser legal tenta sentir tesao.
Ta bem.
Elas saem do quarto e a pizza já chegou está eu e a Giovana comendo demoraram meninas eu e a Giovana já estamos devorando.
Seus gulosos nem esperaram nos Júlia esses gulosos.
Há estávamos com fome ne Gigi
Ela balança a cabeça afirmando e falo comam também e as duas Carla e Júlia comem a pizza daí a Carla diz Roberto a Júlia topo, eu quase engasgo mas disfarço e digo pra você tudo bem Júlia, ela balança a cabeça afirmativamente, eu peço para ir no banheiro e escovo os dentes sempre carrego aquelas mini escovas, e penso putz e agora nossa penso mil coisas.
Quando saio a Carla diz entra lá Roberto a Júlia já ta te esperando.
Entro a Júlia está sentada na cama ela ta de saia jeans rodada com babado nas laterais e uma blusinha amarela me sento do lado dela e digo você é linda, fica em pé para eu te ver melhor, ela se levanta na minha frente e diz o senhor quer que eu tire a roupa?
Ainda não vem aqui e puxo ela pra sentar no meu colo de lado, passo a mão no rosto dela e digo vc tem um sorriso lindo e vou com minha boca pra beijar ela, e ela retribui o beijo de leve pois noto que ela está com medo e é normal.
Vou beijando e passo a mão no joelho dela e subo pela coxa qd chego na buçetinha dela ela tipo se assusta e fecha a perna, eu rio e falo calma Júlia.
Desculpa tio.
Ta bom Júlia Rs mas não me chame de senhor ta me mae chame de você, Roberto ou tio.
Ta bom Roberto.
E volto a beijar ela e novamente vou com a mão pela coxa subo e novamente chego na bucetinha dela só que dessa vez ela abre a perna e sinto pela primeira vez uma bucetinha jovem minha língua a beija e com a outra mão subo pela cintura e chego no peitinho dela e a beijo e massageio a buceta e peito meu pau estourando na calça noto que ela já esta mais a vontade.
Que beijo gostoso Júlia.
Tava mesmo tio.
Fica em pé agora.
Passo a mão pelas coxas e sinto a bundinha dela levanto a saia e a calcinha dela e azul calcinha norma nada escandalosa com um desenho de uva na frente e renda na cintura e noto que ta úmida de excitamento tiro a saia deixando ela de calcinha e blusinha dai começo a beijar e com as duas mãos tiro a blusa dela ela fica com os peitinhos de tamanha de um limão a mostra com o biquinho durinho.
Paro e tiro a minha ropa ficando de cueca box com o pau volumoso a mostra é deito chamo ela pra deitar.

Ela vem e deita do meu lado só de calcinha começo a beijar ela assim do meu lado puxo a mão dela para o meu pau enquanto passo a minha na bunda dela e ela por si só coloca a mão dela por dentro da minha cueca.
Ta gostando danadinha?
Ela sorri e balança a cabeça.
Quer ver ele?
Quero sim tio.
Puxo a cueca pra baixo e o pau solta pra fora ela arregala o olho.
Nossa que grande.
Rs nunca tinha visto Júlia ?
Nunca tio.
Pega nele e mexe devagar.
Ela punhetar ele devagar olhando pro meu pau e eu acariciando as costas dela dai falo quero ver sua bucetinha também.
Ta bom tio me viro meio por cima dela e puxo devagar a calcinha vendo a bucetinha dela quase sem pelo ainda mas nota o rachadinho dela meio aberto com o grelinho a mostra tiro toda a calcinha fico até de boca aberta vendo aquela maravilha nua na minha frente.
Sem falar nada abro a perna dela e digo “vou chupar sua bucetinha” e Caio de boca passando a língua pelo grelinho e com as mãos massageio barriga e peito dela sinto ela ofegante e mexendo a cintura acompanhando minha boca em sua buceta o coração dela ta acelerado tanto quanto o meu mas o tesao é maior e compensa todo o medo desse tesao proibido que estou vivendo.
Ele treme em um certo momento eu paro de chupar e subo beijando ela pela barriga peito até encontrar sua boca nisso meu pau roça a bucetinha dela.
Eu me viro e puxo do bolso da minha calça umas camisinhas melhor não bobear mesmo não penetrando posso engravidar ela.
Tio a mãe disse que você não ia colocar o pinto dentro de mim.
Calma Júlia não vou não mas só de esfregar é perigoso engravidar então pra evitar vou ficar de camisinha (ela tem sabor morango).
Há Ta bom então tio.
Ela fica olhando eu abri o pacote.
Júlia quer tentar chupar ele se não quiser hj tudo bem e sua primeira vez.
Rs posso tentar tio quer com ou sem camisinha?
Me deito de barriga pra cima e ela senta do lado.
Faz sem camisinha se não gostar vc coloca.
Ela meio sem jeito abre a boca e começa a chupar a cabeça e punheta devagar engolindo o pau, puxo ela tipo pra fazer um 69 ela me chupa e eu a chupo como ela está por cima vejo o rachadinho dela até o cuzinho e começo a lamber e passo a linha pela primeira vez bem na porta do cuzinho, tanto eu quanto ela estamos para ter um orgasmo, quando sinto que estou pra gozar peço para ela virar pra mim pra evitar de assustar ela com um gozo em sua boca.
Júlia continua com a mão agora, é ela continua a masturbar, e eu falo vou gozar ta continua batendo assim, é gozo a mão dela mela toda chega a expirar nela.
Nossa tio rs rs.
Ela ri e para de punhetar eu termino de tirar o excesso e até eu do uma risadinha.
Nunca tinha visto isso.
Não rs nunca kkk isso é gozar ?
Sim isso o que chamamos de porra ou espermatozoide kk, passa papel higiênico ai.
Ela me passa e eu me limpo e meu pau de tanto tesao continua duro mesmo gozando, coloco a camisinha pra evitar contato do serem na buceta dela.
Me deito e falo pra ela deitar no meu ombro tipo de ladinho.
Gosto de ficar comigo?
Gostei sim.
Eu também Júlia gostei vc é carinhosa e linda.
Brigada tio.
Vo e dou um beijo nela e ela sorri.
De tudo que fizemos o que vc mas gosto Júlia?
Há tipo de beijar e de vc me chupar.
Ela fala chupar e fica vermelha.
Bobinha não fica com vergonha.
Por hoje chega está quase amanhecendo e vou embora, você quer que eu volte outro,dia pra gente fazer mais?
Você que sabe.
Não, voce que sabe e por que não gosto, deixa então.
Não tio gostei sim quero dizer se você quiser eu quero sim fazer de novo.
Há agora gostei se é assim vou combinar com sua mãe ta.
Me troco e do um beijo bem gosto nela e saio, a Carla ta dormindo no sofá acordo ela.
Pronto Carla olha ta aqui o dinheiro.
Humm nossa que horas são?
5 e meia ja estou indo.
A Júlia sai já vestida.
E aí você gosto de ficar com ela?
Puxo a Júlia e sento ela no meu colo.
Sua filha é uma amor de menina amei ficar com ela, espero que ela tenha gostado.
Gosto Júlia.
A mãe dela pergunta e ela sorri e balança a cabeça afirmativa.
Combinamos que assim que der eu volto mas antes combino com vc Carla.
Bom vou nessa meninas beijo e te mais.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,96 de 23 votos)

Por ,

7 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos

  1. Ju Carioca

    Adoroo,tem que foder essas putinha mesmo,mês passado eu e meu marido pegamos uma,a putinha tava tentando roubar nossa vendinha ja no fim do expediente,fui atrás peguei no flagra ela chorando pediu pra nao fazer nada,chantageamos se ela desse a bunda pra ele,estaria liberada,levamos pra casa fizemos de tudo com ela,me chupou,eu chupei ela,beijei de língua,meu marido comeu só o cuzinho enfiou até o talo abriu um arregaço a putinha chorou e sofreu no pau dele que até bosta saiu,dez anos ela tinha foda se nao quis nem saber tiramos mtas fotos e filmamos sem mostrar nosso rosto

  2. Saudoso

    Talvez alguém já tenha lido esse conto, ela já foi publicado mas estou republicando ele novamente e creio que posso dar continuidade.. em mais capítulos

    • Sibelly fogosa

      Por favor faça isso

    • Anônimo

      Gostei do conto se você conseguir da continuidade um monte de gente pode adorar Também

  3. gustavo

    gostei

  4. carlosapore

    adoro esses contos, tenho uma filha de 9 anos, meu telegram: carlosapore