Garoto comedor-quebrando as barreiras

Na minha adolescência tinha um turma de vários garotos e eramos muito unidos e sempre estávamos inventado brincadeiras mas , sempre tinha os mais tímidos,sonsos e desligados e fazia parte dos tímidos com meus 15 anos,mas era muito observador e mudou para o nosso bairro uma família aonde tinha um garoto dos seus 16 anos seu nome era Jorge,tinha um porte grande ,forte e com um olhar de mandão e logo fiquei de olho nele.
Logo nos primeiros dias fomos tomar banho no rio e que lindo a sua rola,grossa,uma cabeça bonita e ele todo posudo se deliciava mostrando a turma e notei que alguns abaixaram os olhos e ele foi marcando,e nesta mesma tarde quando foi escurecendo ele foi se encostando no Silvio que tinha uma linda bunda,era meio sonso e o Jorge foi se achegando nele e o abraçou por trás e foi dizendo que ele tinha uma linda bunda e o Silvio sorriu mas ficou parado e logo deu para perceber que o Jorge foi colocando sua rola nas coxas e logo pela expressão do Silvio tinha entrado no seu cu e ficou se mexendo e o semblante do Silvio todo serio,e logo ele relaxou e saiu de perto e o Jorge sorria pelo primeiro cu conquistado;.
A noite fomos na praça e ele foi logo sugerindo a brincadeira de esconde esconde e foi direto no Ivan(tinha abaixado os olhos no rio)e foram correndo se esconder e fui atrás deles para ver o que acontecia e foram a um lugar apertado e logo Jorge se posicionou atrás do Ivan e foi colar seu corpo e de pronto vi ele acariciando a binda e como o garoto ficou na dele,desceu o short e foi de dedo no cu do Ivan e logo ele se rebolava todo rendido ao charme do macho e logo a rola do macho comedor se posicionou e foi invadindo o cu do Ivan e metia com gosto e de novo via o semblante feliz do passivo e deu para ver a rola do Jorge sair toda melada do cu do garoto.
A brincadeira continuou e ele foi de novo atrás de outro que abaixou a vista no rio,e logo se colocou atrás e se curvou sobre o Chico e como ele ficou estático o jorge foi alisando a sua bunda e logo descia o short e logo comia o seu terceiro garoto da turma.

Garoto comedor-quebrando as barreiras 1

Fui para casa todo encucado como era a carência e inocência dos meus amigos mas a verdade era também que eu tinha sido tocado e na minha cabeça via o semblante dos meus amigos de alegria e satisfação de receberem a rola do jorge.,
No outro dia a turma se encontrou e em uma rodinha escutei sobre o alvoroço que o Jorge estava fazendo e sua maneira de ser comedor e cara de pau,e um colega disse mas acredito que foi a inocência dos nossos amigos em ceder e na verdade gostarem de dar o cu e devemos ver e se for o caso também comermos ,e os outros riram.
Estávamos todos sentado na calçada e o Jorge veio se chegando e foi nos convidando para de novo brincarmos de esconde esconde e foi incrível pois quase todos toparam menos uns quatro abaixando os olhos e pude ver a alegria dele e foi marcando e logo foi com deles se esconder no lugar de sempre e logo abaixou o short e comeu outro com vontade,mas fui saindo do local e visualizei outro amigo comendo o cu do Ivan e ele todo feliz em saciar a sua sede de comer um cu.
Na segunda rodada ele foi pegando outro que abaixou os olhos e no mesmo lugar o deixou nu e acariciando seu cu foi quebrando as barreiras,e logo metia sem dó no cu do garoto que todo feliz aguentava a socada,e fiz o mesmo olhando e deparei com um amigo comendo o Silvio e se realizando.
Na volta da brincadeira resolvemos dar um passeio no rio e curtir a noite e logo o Jorge foi pegando o Tico e entrou pelo mato e ele todo feliz foi e logo divisei ele nu de 4 e a rola do Jorge comendo seu cu e voltando para a praça pude ver que meus amigos estavam saciando os iniciados pelo Jorge,e nesta noite deitado na minha cama via os semblantes dos passivos e dos machos e a duvida na minha mente persistia……

Garoto comedor-quebrando as barreiras 2

Confesso que nesta noite o meu sono foi bem difícil pois me via nu de 4 a espera da rola do Jorge,e também com um garoto nu de 4 a espera da minha rola que estava toda armada e logo fui saciar,e fui ao banheiro e toquei um punheta bem gostosa.
Nesta época tinha um corpo delineado,uma bunda com as nádegas cheias e as minhas coxas eram medias e na minha maneira de ser ,sempre observador,e buscando uma identidade e estava na escola quase na hora da saída quando o Jorge todo sorridente foi se encostando e queria me conhecer melhor e veio com a conversa de ir junto no caminho para casa e quando o sinal tocou fui saindo e logo ele foi se encostando e foi falando que eu tinha um belo corpo,uma bunda bem saliente,e na maior cara de pau agradecia seus elogios e disse que ele tinha também uma bela bunda,e que notava um cu sedento e ele sorriu dizendo vejo que você sabe o que quer ,mas gostaria de conhecer melhor e se for o caso toparia fazer uma troca troca e nos saciarmos juntos e olhando para ele disse somente se eu comer seu cu primeiro e ele foi dizendo que foi o ultimo a chegar e merecia ser o primeiro e rimos e ele todo confiante sem deixar de me encarar.
Chegando em casa as coisas ficaram complicadas pois tinha sentido a vontade de dar meu cu para ele e ser seu passivo e não sabia se conseguia resistir a outro assedio e passei a tarde encucado.
A noite fui a praça ele foi se achegando e foi dizendo resolveu gostoso,ser meu passivo,sentir a minha rola comendo seu cu,e ele falando ao meu ouvido e sentia o meu cu piscando,mas em ultimo recurso disse vamos fazer troca troca e serei o primeiro e ele foi dizendo vamos dar uma volta.
Saímos andando e ele ao meu lado e senti sua mão na minha bunda e foi dizendo não se faça de difícil,sinto que estás doido para me dar este cu,e ele me abraçou por trás e senti que minhas barreiras caíram e ele me encochava gostoso,e logo me vi rebolando e ele sorrindo nasceste para levar rola,e me foi descendo meu short e me senti nu e ele me encochou e senti sua rola nas minhas coxas,deslizando pelo meu rego e todo submisso fui ficando de 4 ,e senti seu dedo me tocando e logo foi tirando e metendo e que gostoso e senti como era bom ter um macho nos comendo e logo senti ele atrás de mim e me abri todo e ele falando viu como sua tendencia e dar seu cu e espero que você me peça….me come me faz ser seu viado e me vi pedindo e ele foi com tudo entrando e que dor,mas ele sem se importar comigo me socava e foi dizendo viado difícil,mas valeu a pena ,o melhor da região e foi metendo sem parar,e me via curtindo e saboreando a minha iniciação.
Se colocou sobre mim e senti ele se preparando e me concentrei em receber a sua rola,mas ele veio de cima para baixo e que dor danada e ele descia com tudo e foi dizendo as suas pregas se foram meu viado,este cu sera somente meu e todo saciado concordava.
Voltei para casa com as pernas bambas mas realizado e sabendo que tinha feito a escolha certa,e ser iniciado pelo garoto comedor Jorge

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,44 de 9 votos)
Loading...