Tudo Começou Com Uma Chantegem

Há 4 meses 2 ★ 4.36

O que vou relatar muitos vai me recriminar, mas foi a maneira de te-la comigo, Solange e uma mulher muito linda apesar de estar um pouco fora do seu peso, mas se cuida e por tudo isto que acho linda, toda vez que lhe dava uma cantada mesma me dizia que por amar muito seu marido não teria coragem de lhe trair nunca, só que no meu tempo de vida sexual passei a entender uma coisa, quando a mulher fala deste modo, esta com medo de sair com você ou não vai com a sua cara, mas todo homem safado não desiste o que e o meu caso apesar da minha idade, pois acredite Solange poderia ser minha filha, para vocês ter uma ideia quando a mesma nasceu eu já era casado e meu filho mais velho já estava andando, sendo que o mesmo e um ano mais velho que Solange, mais vamos aos fatos.
Como dis um velho ditado “agua mole em pedra dura, tanto bate até que fura”, quando foi um belo dia ao ir para cidade vizinha pagar umas conta e ao descer na rodoviária e sem pretensão de nada e ao me dirigir ao ponto de táxi para pegar um para poder me locomover mais rápido pela cidade tive uma grande surpresa ao deparar com um casal se beijando encostado em uma das colunas ali existente e para minha surpresa era Solange e o rapaz não era seu marido ai vi a oportunidade de te-la em meu braços mesmo fazendo uma chantagem e peguei meu celular e tirei uma fato e assim que tivesse uma chance iria usa-la a meu favor, e assim, voltei ao ataque e como a mesma me dizia a mesma coisa lhe falei gozando como uma pessoa pode dizer que ama o marido e o trai ai a mesma quis saber o porquê de estar falando daquele jeito com ela ai tirei meu celular do bolso e lhe mostrei a foto que tinha tirado dela com o rapaz, o que ficou branca e tremia toda e começou a chora e me pedir para não mostrar a foto para ninguém, e me pedia para apagar que faria tudo o que pedisse, ai lhe falei quero você mais nada forçado isto e para lhe mostrar que o vocês mulheres falam não e o que faz o dizem, então não seria melhor quando algum homem lhes dar uma cantada dizer que não esta afim do que ficar falando coisa que não bate com a realidade, ao se acalmar me pediu desculpa pelo que vinha acontecendo e me pediu um tempo para pensar no que vinha fazendo ao nosso respeito, o que te falei para mim tudo bem mas não demore para pensar pois paciência tem limite e deixe de ser o que não é que vai ser melhor para você na sua vida.
Passou uns dias Solange veio a mim e me falou que aceitaria sair comigo mais antes queria me contar o porque que me rejeitava, e me contou que quando menina foi estuprada pelo seu pai e isto a deixou com trauma de se relacionar com homens mais velhos e até mesmo ter amizade com os mesmos, mais sendo aconselhada por sua psicologia queria acabar com este trauma, e me convidou para no outro dia ir até sua casa já que seu marido iria estar em viagem pois e caminhoneiro, quando foi mais a noite fui para sua casa com a desculpa de ir dar uma volta pois queria estar só com a mesma já que e amiga da família.
Vendo que a mesma estava meio travada sugeri que tomarmos algo para relaxar pois como todos sabem muitas mulher se solta quando bebe algo, e assim o fizemos Solange tinha cerveja na geladeira foi pegar para para nos, assim tudo foi mudando pois fazer efeito na mesma onde ficou mais relaxada se soltando, ai comecei a lhe tocar em seus seios e fui descendo até o meio das e comecei a massagear sua bocetinha por cima de suas minúscula calcinhas o que notei que estava toda molhadinha a espera dos meus carinhos, sabendo do seu trauma fui muito carinhoso e com isto a mesma foi ficando mais a vontade e se soltando onde me pediu um beijo o que dei metendo a língua em sua boca e a mesma adorando e me pedindo para lhe fazer gozar mais do que estava gozando, puxei sua calcinhas de lado e meti o dedo na sua bocetinha e com isto a mesma segurando minha mão me dizia não para de mexer o dedo meu velho safado me faz gozar com ele o que meti mais um e comecei a bolinação lhe fazendo vibrar neles a ponto de me pedir para foder com minha pica, não aguentando mais Solange me convidou para irmos para cama para ficar mais a vontade e assim o fizemos, já no quarto quando vi aquela menina mulher nua em minha frente não tive duvida deitei Solange na cama e cai de boca naquela bucetinha gordinha e com um grande grelo, mamei gostoso nele fazendo gozar muito, mais antes lhe pedi para dar uma mamada em meu cacete e quando o viu ficou abismada e me falou nem meu marido e nem meu amante tem uma pica como a sua e caiu de boca nela fazendo uma gostosa chupeta para mim e colocando sua mão por baixo do meu saco fazia carinho em meu cuzinho onde me deixa com mais tesão em te-la, tirando o trauma de Solange a mesma me saiu uma boa putinha pois sabia fazer um homem feliz a safada.
Para começar fizemos as posição tradicionais e depois fomos revezando onde Solange me dizia nossa que delicia, de hoje em diante vamos passar a nos ver sempre que podermos topa o que lhe falei sim, em saber que tudo aconteceu por lhe fazer uma CHANTAGEM, fodi com Solange de todo jeito a safada usou até um consolo para simular uma dupla penetração, ficando de quatro e metendo o consolo na boceta enquanto lhe comia o seu cuzinho, depois com minha ajuda colocou no cuzinho o consolo enquanto lhe fodia sua boceta foi de mais tudo aquilo, ainda mais vendo chamar pelo seu marido na dupla penetração.
Demos uma para e com isto fomos beber mais uma cerveja e andamos nu pela casa onde adorei tudo que a fodi em cima da mesa da cozinho realizando uma fantasia de Solange, gente a noite foi tão boa que fiquei com meu pau todo esfolado de tanto que metemos, mais realizei minha fantasia de ter Solange na cama ainda mais sendo onde a mesma dormia com seu marido que loucura.
Hoje somos amantes e a cada dia me surpreende na cama e segundo Solange deixou seu amante e esta só comigo e o marido segundo a mesma o que duvido por a mesma e uma pimentinha na cama e pelo visto não e mulher de um homem só pois mesmo me dizendo que só trai seu marido comigo quando brincamos de dupla penetração a safada tem hora que chama pelo nome dos dois tanto do seu marido como do rapaz que saia, já cogitei de Solange convidar o mesmo para as nossas brincadeiras o que me fala que seria difícil pois o mesmo só gosta de um só na relação, sabendo disto que digo que não o deixou, estou armando uma para Solange fazendo se interessar por um guri que quando a vê come com os olhos o que esta pensando, e também venho fazendo a cabeça do garotão o que lhe deixa muito louco e me diz que não vê a hora de estar junto de nos, pelo visto Solange esta querendo pois outro dia nas nossas brincadeiras chamou pelo seu nome o que me alegrou muito pois já e um passo para fazermos uma suruba a três.
Outro dia o garoto me contou que Solange ao passar pelo mesmo lhe deu uma risadinha e passou a língua entre os lábios em sinal de quero você o que adorou, então armei uma lhe convidando para participar com a gente, quando Solange me ligou marcando um encontro em sua casa avisei o garoto e lhe falei que ia deixar a porta da cozinha aberta e assim o mesmo poderia entrar e depois de estar la a mesma não ia se negar em ter connosco, e não e que deu certo, no começo Solange ficou brava mas depois que te acalmei a mesma concordou e foi uma loucura pois o garotão era mais servido do que eu o que Solange adorou em ter nossas picas dentro dela, que no outro dia me contou que estava toda dolorida em fazer sexo com nos dois mais foi bom pois realizou mais uma das suas fantasia pena que não foi com seu marido junto mais foi bom, só sei que o tal garoto não sai da casa de Solange que me vem se saindo uma boa putinha, e pensar que tudo começou com uma chantagem.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,36 de 14 votos)
Loading...

2 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos

  1. Tony Bahia

    Cara que pena que minha mulher não aceita me dar um Corno. Eu iria adorar assistir ou apenas ela me contar enquanto eu lambia ela toda gozada de outro. [email protected] br

  2. Poderoso Castiga

    Deixa de ser babaca seu véio frouxo. Macho que é macho só divide a mulher com o marido corno dela. Não tá dando conta e foi dividir com outro.