Eros dormiu na minha casa

Autor

A cada dia que passar Eros e eu estamos mas envolvidos um com outro, não paro de pensar nele e quero sentir mas e mas, quem diria que um simples garotos iria satisfazer uma mulher vivida como eu, mas meus queridos leitores devo confessar que ele faz isso, e o que vou contar agora aconteceu na minha casa e foi tudo planejado e bem executado pois quando é pra ser será.
Era tarde até que meu filho e Eros chegam da escola eu estava usando um shortinho curtinho com uma blusa rosa, decepcionei eros com um beijo no rosto e meu filho agitado como ele é saiu correndo para tira a sua roupa, certifiquei que meu filho não estava por perto e dei um selinho em sua boca, e disse a ele:
– saudades de você.
Ele respondeu:
– eu também, não parava de pensar em você.
E ela numa atitude mas ousada passar a sua mão na minha buceta e dar aquele sorriso malicioso e eu em contra partida passo a mão naquela rola gostosa que já estava dando sinal de vida, e ouço meu filho vindo e começarmos a disfarçar como a nada tivesse acontecendo, fui pra cozinha para prepara a nossa jantar deliciosa, horas depois chega a minha filha da casa do namorado dela quando vou la pra sala vejo Eros secando a minha filha pois ela estava vestida com uma leg preta toda colada e não querendo me gabar mas minha filha é como diz os rapazes " uma novinha de primeira", so não gosto do namorado dela pois ele é muito metido a ciumento mas a escolha foi dela e já dei Conselho a ela, horas mas tarde chega também o corno todo bruto e seco que casamento de vista viu mas vamos ao que interessa.
Terminando o jantar Eros e meu filho voltaram para o vídeo game, Natália foi pro seu quarto fofoca com as amigas no zap e o boiola corno do meu marido ficou na sala mexendo no celular e o engraçado que eu acho que ele está mim traindo pois quando chego perto dele a atitude dele é de vida o celular para eu não ver, mas nem ligo pois tem aquele ditado " chifre trocado não doi", e eu estava conversando com a Helena até que meu filho perguntou ao pai dele:
– pai o eros pode dormi aqui comigo hoje?
Putz galera como eu fiquei feliz pela pergunta do meu filho, olha se tivesse fogos de artifício naquele momento na minha frente eu soltaria, nos meus pensamentos estava assim ( hoje vou transar gostoso), e para fechar com chave de Ouro o corno aceitar e lá fui eu feliz da vida arrumar o colchão para o meu comedor, ele foi atrás de mim e combinamos que nessa noite seria a melhor de todas e que eu iria acorda ele para transamos na sala pois eu sei que aqui em casa todos dormi igual uma pedra.
Mas tarde todos foram dormi, eu estava sexy e louca para transar gostoso com meu Eros, calcinha fio dental e um sutian vermelho, verifiquei se o corno estava dormindo e estava, até o barbando o corno estava, levantei devagarinho e sair do quarto rumo ao quarto do meu filho, chegando lá abri a porta bem devagar entrei e como eros estava dormi no colchão que eu coloquei no chão, fui agachada e bem devaga deitei em cima dele e acordei com um beijo na boca, abriu aqueles olhinhos lindos e chamei ele para irmos a sala, eros e eu sairmos bem devaga para não acorda meu filho.
Chegando na sala ao mim ver de calcinha fio dental e vendo que o meu bundão engolia tudo ele na hora veio pra cima de mim, começarmos começarmos nos beijar novamente e joguei ele sentado no sofá, sentei no colo dele de frente e na hora sentir uma coisa dura cutucando a minha buceta, comecei a beija e tirei a camisa como uma loba selvagem, dai levantei-me e peguei na mão dele joguei ele no chão que caiu deitado, tirei minha calcinha e meu sutian, eros começou a tira sua bermunda e fizermos um 69 gostoso.
Nossa como eu chupava aquela rola gostosa, chupava como se fosse a primeira vez, pegava e batia a rola dele na minha cara enquanto isso sentia aquela língua lambendo meu grelo que eu comecei a geme bem baixinho e revirei os olhos so de tanto tesao vendo aquele lindo garoto fazendo o que aquele corno idiota não fazia, ele abria a minha bunda e sentir aquela língua passeando no meu cu, comecei a fazer garganta profunda que engasgava de tanta rola, olhei pra trás e disse:
– agora vou senta na sua rola gostosa, quero sentir ele dentro de mim.
Ele respondeu:
– então venha, que te farei todos os prazeres.
Levantei-me e fui em direção a sua rola gostosa, peguei nele e direcionei na minha buceta foi quando entrou sentir um tesão tão grande aaahhh que delicia, eros gemeu baixinho e pegou no meu quadril e apertou com uma força que nossa foi como se fosse um homem forte, e comecei a calvaga gostoso aahh aí delicia sentir aquela rola gostosa na minha buceta, calvagava como uma atriz pornô, beijava ele e ele pegava meu pescoço, minutos depois sair de cima e fiquei de 4 ele veio por trás e enfiou tudo dentro da minha buceta, eros começar a socar tudo dentro da minha buceta sentir tudo dentro de mim, puxava meu cabelo e abria a minha bunda para matar mas gostoso dentro da sua milf, pegava meu quadril e apertava, sentir sua respiração pesado cheio e tesão e sexo por mim.
Depois perdi para ele senta no sofá e assim o fez, fui e costas e coloquei seu pau no meu cu, entrou mas sentir um dor tão grande que eu ligo tirei, e comecei a colocar a tira colocar e tira, até sentir que meu cu acostumou com sua rola gostosa e comecei a pular gostoso naquela rola, aaahhh até agora sentir aquela rola no meu cu foi um prazer grande e gostoso, eros suspirava sentindo toda sua rola preenchendo meu cu e como eu queria grita, geme alto com tanto tesao que aquele moleque dava, sentir eros pegando meus peitos apertando, mexendo no bico ai delirei de tesão, levantei e sentei de frente e novamente coloquei no meu cu e como entrou fácil, eros pega na sua bunda e faz o movimento de calvaga sobre sua rola, apertava com toda a sua força a minha bunda e abria, tudo aquilo dava mas tesao e loucuras na minha cabeça, calvaguei empinando a bunda e sentindo toda sua rola alargando o meu cu, beijava sua boca de língua e disse a ele em seu ouvindo:
– você mim preenche, Isso goza tudo dentro de mim, faça de mim sua mulher.
– vou te dar muito prazer Renata.
E assim o fez comecei a pular e revira os olhos sentindo toda aquela rola dentro de mim, aahh nossa como foi gostoso aquela noite, eros começar a chupa meus peitos, e eu pulando pulando loucamente e mim entregando de corpo e alma para ele, até sentir sua porra jorrando dentro do meu cu e ouço eros geme bem baixinho no meu ouvindo, aahh leitores como eu gosto de ouvir gemidos de homens no meu ouvindo, é uma delícia.
E nisso Eros joga toda sua porra dentro do meu cu, e eu jogo meu corpo sobre ele e começarmos a namora ali mesmo, na sala da minha casa aonde todos estavam dormindo, depois de descansamos Eros foi pro seu quarto e certificarmos se o meu filho ainda estava dormindo e sim estava, fui no banheiro primeiro e joguei toda porra do meu cu fora, limpei meu cu e voltei pro quarto pra dormi e tive uma noite maravilhosa.
No outro dia firgimos naturalmente e eros foi pra sua casa, contei tudo pra Helena ela ficou super animada com o que eu fiz, e deu vários conselhos pra renova o nosso lance pois eu não poderia deixar na mesmisse, então estou lendo contos pra ver se tenho algum novo para que eu e Eros não ficasse na mesmisse.

BOM GALERA TODA AJUDAR É BEM VINDA, O QUE EU DEVO FAZER DE NOVO COM EROS.

BJSSS ATÉ MAS…

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 3,88 de 16 votos)
Loading...