Meu tio me Seduziu eu tinha doze anos parte II

Ola amigos, realmente calculei errado as idades no primeiro conto, na verdade eu tenho hoje eu tenho 36 anos e meu tio 42 anos, hoje já sou casado, moro em uma outra Cidade, a ultima vez que meu tio veio nos não se encontramos,, agora a pouco tempo ele apareceu aqui em casa, dizendo que iria ficar uma semana, ele não conhece a minha mulher, ela trabalha, e professora, uma mulher bonita, corpo bronzeado, uma bunda saliente, pernas bonitas, seios meios durinho,e bem safadinha, adora sexo, principalmente anal, e exibicionista adora roupas curtas, apertadas mostrando bem a bunda, ele veio para ficar em casa, mais eu tinha que conversar com minha mulher, como já estava quasse na hora dela chegar só deu tempo de fazer uma gulosa, ele gozou na minha boca.

Minha mulher chegou com uma roupinha bem safada, saia curta, sandália de salto, uma delicia, apresentei meu tio, ele ficou vidrado com ela, ela foi tomar um banho pois estava soada, eu fui ao banheiro e comentei com ela que meu tio precisa se hospedar uns uma semana em casa, se teria problema , ela respondeu por mim não, já jogou uma piadinha vou ter dois homens em casa, fui falar com meu tio, ela me aparece com uma camisão meio transparente por baixo só calcinha, sentou ficamos conversando isso já passava das 20 horas fizemos um lanche, eu fui deitar, ele disse já vou amor, mostrei o quarto para o meu tio, ele foi tomar um banho.

Demorou um pouco ela veio, e disse amor seu tio e folgado, eu perguntei porque, ele foi tomar banho deixou a porta entre aberta e estava pelado, eu disse tu viu, ela disse claro, o cara tem um cacete enorme e grosso, eu respondi eu sei, e dizem que e louco para foder um cu, o meu pau e pequeno eu tenho 16 cm, não muito grosso, ela veio e pegou no meu pau que já estava duro e disse e eu tenho que me contentar com isso, e deu risada, eu brinquei dizendo e fácil ele esta na sala se tu tiver coragem, ela respondeu não brinca não, no tesão que eu estou meto com os dois, eu novamente disse se tiver coragem, só que vai ter que receber aquilo tudo na bunda, ela respondeu tu esta falando serio, estou só depende da sua coragem, ela já tinha tirado a calcinha só colocou o camisão e saiu do quarto, eu não acreditei.

Fui observar escondido, ela chegou na sala e disse pensei que tu já tinha ido dormir, ele respondeu eu não estou com sono, ela também disse a mesma coisa, e disse vou tomar água, passou na frente dele, dava para ver a xoxota dela, ela estava sem calcinha, tomou água voltou e sentou na poltrona, o camisão abriu um pouco, meu tio não tirava os olhos dela, ele estava de cueca samba canção , o volume já aparecia, ela perguntou tu bebe, me acompanha num vinho, ele aceitou, ela foi pegar o vinho e me viu observando, voltou com o vinho, e começaram a beber, ela colocou o vinho em cima da cristaleira, foi para colocar mai vinho no copo ele se levantou agarrou ela por trás, ela fazendo charminho, dizia não meele foi atyrás u marido pode levantar , só que abriu o camisão, meu tio aproveitou e tirou a cueca ficou pelado, ela se virou e caiu de boca começou a chupar aquela rola e dizia nossa que rola grossa, ele chupou a boceta dela e logo começou a penetrar aquilo tudo nela, ela gemia alto, ele dizia não grita ele pode escutar, e socava ela gritava nossa isso e que uma rola, fode tio fode, ele encheu a boceta dela de porra, ela foi para o banheiro, ele foi atrás, acabaram metendo no banheiro, ele queria meter no cu dela, ela disse a ele aqui não vamos para o quarto, ela saiu e foi para o nosso quarto, eusta né, já estava pelado, já tinha gozado uma vez, meu tio entrou e foi agarrando ela começaram a se beijar loucamente na boca, ele começou a chupar o cuzinho dela, eu por trás passei a chupar a rola dele, ele passou lubrificante e começou a tentar meter no cu dela,, ela adora, mais a rola dele e muito grossa mesmo, mais foi devagarinho, ela gemendo gritando entrou tudo, ele ficou brincando tirava e colocava tudo, ate gozar, ele foi tomar banho nos ficamos na cama brincando, ela dizia obrigado amor, por me proporcionar um prazer imenso, eu vi tu chupando a rola dele tu gosta né, eu respondi adoro, ela perguntou tu já deu para ele, eu respondi não vou mentir para você, ele me fode desde quando eu tinha doze anos, ela disse tu aguenta aquilo tudo, eu fui acostumado, tu vai ficar chateada com isso, ela respondeu claro que não amor, só tem uma coisa, eu quero ver ele metendo na sua bunda, e assim passamos a semana fodendo nos três, maravilhosamente, eles se beijão como dois amantes mesmo, eu chupo ela esporrada a rola dele melada, ele fode comigo também, maravilhoso.

Ele foi embora agora estamos planejando arrumar um amigo de confiança que seja roludo para brincar com a gente.

Só quem gosta para entender o prazer destas brincadeiras e maravilhoso.

Desculpes alguns erros mais sabe como é escrevendo estas historias a gente fica muito exitado, se desconcentra.

Depois eu conto mais.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,33 de 6 votos)
Loading...