,

Juninho e Aninha continuando …..

05-05-18 Por 1 ★ 4.57

Continuando os contos Juninho o primeiro cuzinho e Aninha a primeira bucetinha, vamos aos casos posteriores.
Juninho virou o meu freguês e adorava sentir minha esporra dentro dele. A Aninha, prima dele, voltou outra vez e pediu para comer o cuzinho dela mas com cuidado e foi se debruçando no braço do sofá, comecei a meter na sua bucetinha e senti que não estava muito apertada e me confessou que estava dando ao vizinho da casa dela, um senhor de 60 anos e com um pau muito grosso, mas não deixou por no cu pois iria rasgar ela. Melei meu pau na baba da bucetinha dela e ao apontar ao cuzinho pedi para fazer força para fora e o Juninho abrindo a bundinha dela, soquei sem dó e aquela menina gritou e chorou, que delícia, o Juninho abrindo a bundinha dela, ela tentando escapar, eu segurando a cintura dela e socando o meu pau até o fim onde era mais grosso e disse no ouvidinho dela:
– Agora que já rasguei o seu cu vc pode dar ao velho seu vizinho que ele vai acabar com sua preguinhas
Continuei socando e ao gozar e tirar meu pau ele tinha filetes de sangue, pronto mais um cuzinho para conta.
A menina correu para o banheiro soltar minha porra e fui lavar o pau. Voltando a sala pedi ao Juninho para me chupar e quando a Ana voltou e reclamou que fui bruto e mandei ajudar o primo na chupeta e ao sentir que ficou duro pedi para a Aninha:
– Como você gosta que o velho seu vizinho te come?
– Adoro sentar naquela pauzão e sentir me preenchendo com aquele monstro e quando ele goza, é bastante e grosso, e coloco minha mão embaixo e quando desce aquela porra eu tomo tem um sabor salgado e um cheiro que lembra cândida, eu adoro.
– Aninha senta com sua bucetinha no meu pau e pule
– Nossa que delicia o seu pau eu posso sentar tudo sem doer dentro da minha barriga.
Ela pulava como uma louca e gozei gostoso e pedi:
– Juninho deita de barriga pra cima no tapete e Aninha senta com sua bucetinha na boca ele e faça descer minha porra e Juninho engula tudo.
Foi uma delícia ver que eles faziam tudo que eu pedia.
As crianças foram embora e pensei o que fazer para ter mais crianças para eu me satisfazer….

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,57 de 21 votos)
Loading...

Por ,

1 comentário

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos

  1. Drear

    Vai tirar a catinga do mijo pivete.