Prazer de um viado-macho possesivo

Autor

Na minha infancia com meus 12 anos me vi sendo envolvido com meu primo e descobri que gostava de ser passivo,e fui me deixando levar e logo sentia desejo de me soltar e meu medo foi esvaindo e quando meu primo me deixou nu e curtia minha bunda com seu pintinho me vi todo envolvido e quando certa tarde escutei um barulho no meu vizinho e subindo no muro deparei com um amigo nu de 4 e o vizinho colado no seu corpo e logo começou a se movimentar e vi seu pinto entrar e sair do cu do meu amigo soube que queria ser meu amigo e me vi preso a cena e o semblante do amigo lindo,passivo aguentando o pinto do vizinho entrando fui a loucura e logo fui vendo como poderia viver este momento.
Me convidei a ir a sua casa ver tv e logo na entrada ele me levou para o fundo da sala e me vi de pe a sua frente e ele desceu meu short e senti seu dedo tocando meu cu,me senti todo submisso e algo gelado e foi entrando e senti seu dedo me cutucando e logo ele se colocou atras de mim e senti seu pinto se colocar na porta do meu cu e foi entrando devagar mas firme e logo estava todo dentro e começou de uma maneira suave me comendo e que sensação de entrega e curtindo o momento e ele foi acelerando e senti algo molhado inundar meu cu e que sensação de vazio quando ele tirou e fui correndo para minha casa com a minha iniciação em dar meu cu….
O tempo passou e depois de uns 50 anos doido para achar um macho que me comesse de uma maneira completa cai na labia de um negão que depois de um bom tempo me convenceu e me vi sendo enrolado,mas querendo,com medo mas me vi dentro de um motel e de 4 a espera de ele me comer como fui iniciado mas ele me segurou pelas ancas e foi com tudo e sua rola grossa entrou de vez e fui para frente mas ele me segurou e ficou me socando e me marcando como seu viado e me senti todo submisso mas surpreso mas aguentei a foda e ele sem parar metia sem dó e dizia viado gostoso,quero comer sempre este cu ,e aguentei o tranco.
Me colocou de 4 e se colocou sobre mim e senti ele mirar meu cu e veio com tudo e foi fundo e foi dizendo suas pregas se foram viado gostoso,e batia estaca marcando paa sempre como seu viado.
A noite deitado nu na minha cama com meu cu dolorido senti o que é ser viado,sem querer e estar sujeito a vontade do macho mas confesso que gostei da sua pegada e me fazer ser seu dependente,pois faz 4 anos e sinto vontade de dar meu cu para esta macho gostoso

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 2,80 de 10 votos)
Loading...