Virei amante do patrão II (Dando o cuzinho)

Autor

(CONTINUANDO…) Para intenderem melhor leiam / Virei amante do patrão (Perdendo a virgendade)
Pois bem oque conto e contarei nos proximos contos são experiencias da minha vida, não curto ficçao apenas fatos reais, espero que gostem, se gostarem deixem seus comentarios pra mim dar continuidade.
Durante a aula não conseguia me concentra sentia uma sensação estranha em mim e na hora que fui ao banheiro urinar minha vagina ardeu, no fundo fiquei meio pensativa com medo da dona mariana descubrir e me mandar enbora e de meus pais ficar sabendo que seu pedro me comeu e depois me mandou embora. No final Da aula como sempre o carro dele tava la parado e fui em direçao a ele e ao entrar ele com cara de safado me disse Lu foi uma delicia comer essa bucetinha que buceta gostosa falando e alisando por cima da minha roupa e ele continuou dizendo olha vou ser seu macho agora que vc ja deu a buceta e ja mamou na minha rola na proxima oportunidade vou arrombar esse cuzinho, e quero todo dia vc mamando no meu pau que agora e seu e da mariana dizendo e rindo e eu super timida numca tinha ouvido seu pedro falar daquele jeito Apesar dele ser sempre simpatico mais dava pra ver o quanto ele me desejava.
E ele combinou comigo que quando desce 2 horas da manha ele iria entra no banheiro do quarto dos meninos e era pra mim entra em seguida e nao fazer barulho,eu argumentei tinha medo de dona mariana acordar e ele me disse que ela tava tomando remedio pra insonia que quando dormia apagava de vez, meio asustada mesmo assim topei, pontuamente ele estava la eu dormia junto com os 2 meninos e vi quando ele entrou so de cueca no banheiro sem fazer barulho em seguida eu fui eu estava com uma blusinha de dormir de seda e uma calcinha bem pequena, assim que eu entrei ele ja tava sem cueca e batendo uma punheta e foi dizendo demorou muito Lu eu doido pra arrombar esse cuzinho e vc de mau comigo me deixando aqui venha se abaixe pra mim meter essa pica nessa garganta e assim eu fiz e por ele ter um pau muito grande por mais que eu chupase com vontade eu sempre engulhava q realmente ia bater na gargante e dessa vez ele tava indo com mais força eu de joelhos e ele em pe e eu com a rola na boca e ele forçando pra entra toda mais nao ai ele tirou e puchou minha cabeça olhando pra mim serio e disse luiza abre bem essa boca vc ta colocando so a metade e eu quero e toda dentro nessa hora ele pegou minha cabeça disse abre a boca e engole a rola toda e meteu na minha garganta com tudo tres veses tirando e botando na terceira me engasguei pq realmente entrou toda ele parou por segundos e me sentei e encostei a cabeça na tampa do vazo meiu que com a cabeça deitada seu pedro veio por cima de mim e ficou metendo pra dentro inteira fez isso por alguns minutos ele fazia e parava um pouco pra me respirar eu ja tava sem folego ele segurou nas bolas enfregou na minha cara e disse agora chupa vadia deixe elas bem babadas fiquei um tempo so chupando as bocas dele ai ele se sentou na tampa do vazo e eu sentei nele de frente pra ele e ele comeu minha buceta ainda senti um pouco de dor porem menos doque mais sedo depois de uns 3 minitos nessa posiçao eu falei seu pedro e melhor agente para se dona mariana acordar vai da problema pra mim ele sorriu e disse parar nada eu ainda nem comi seu cuzinho vc vai dormir jaja lu e eu tanbem mais vc vai dormir arrombada da bucetinha e do cu comigo e serviço completo e eu morrendo de medo era mais medo que tesão ele me puxou pra minha cama sem nem se importar com os meninos disse fica de quatro que venho ja e saio e logo voltou com um vidro de creme hidratante nem teve preliminares nem nada ele tirou minha calcinha me posicionei de quatro ele passou um pouco de hidratante no meu cu e um pouquinho ca cabecinha e foi metendo aos poucos (que dor insuportavel ) eu particulamente achei que doi mais do que na vagina eu nao senti prazer nenhum na primeira vez apenas Dor ele foi metendo com mais força e eu com medo do barulho das bolas batendo na minha bunda ate que o malon começou chorar e ele saio de dentro de mim rapido pegou a cueca e foi pra o banheiro da cozinha com medo da mariana acordar mais nao demorou nem 5 minutos eles chegou no quarto de novo e eu com marlon na cama ele me disse que começou ia ter que terminar me colocou de 4 e me comeu nem se importou do bebe ta do lado gozando no meu cuzinho e nem me deu boa noite so fez guarda o pau dele e foi se deitar com a dona mariana e eu com o cu cheio de porra sem poder ir nem lava com o bebe acordado.
E eu e seu pedro ficamos nessa todo dia ele dava um jeito de me comer fizemos muitas loucuras juntos.
Passouse um mes e minha mestruaçao não veio eu tinha certeza que estava gravida pois um mes dando pra seu pedro sem camisinhs ja era de se esperar falei com ele e pra minha supresa ele meio que gostou,ele comprou 2 testes fiz e os dois deu positivo fiz o de sangue e positivo tanbem fiquei tensa pensando oque meus pais pensariam quando soubese e oque dona mariana iria fazer comigo. Me levando a caminho da escola conversamos e ele me disse, eu disse que iria te deixar alimentada um mes comendo minha gala so poderia ta de barriga cheia e sorrio nessa hora eu fiquei brava e lhe disse quando dona mariana souber oque vai ser de mim e ele gritou comigo dizendo ela não vai saber deixa passar mais uns 2 meses e vc vai inventar pra ela que ta gravida de um carinha da escola mais que ele nao quer assumir e quando essa criança nascer eu levo pros teus pais criar eu que tou sustentando eles mesmo.
E o pior e que era mesmo todo mes ele mandava um dinheiro que ajudava eles muito, chegando em frente a escola ele parou o carro e ja foi colocando o pau pra fora e dizendo agora vem ta na hora de vc tomar leite pra essa criança nascer forte e eu fui chupando e ele dizendo vai passar os 9 meses mamando na minha rola de leite de pica vc nao passa fome e aquele jeito grosso dele ser de alguma forma me excitava ele me dava um prazer que nao sei explicar algo fora do comum.
E toda noite quando ele ia me deixar na escola era assim mamava e engolia o gozo ja tava acostumada e achava uma delicia,passando 1 mes ja não dava pra esconder dona mariana tava começando a desconfiar apesar de eu nao ter tido enjoos nem ainda tar acima do peso mais eu andava ja muito sonolenta e comendo mais que o comum.
Ate que eu fiz como seu pedro mandou chamei os dois pra conversar e dizer.
(CONTINUA…)

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,06 de 16 votos)
Loading...