vizinha 7 aninhos

Autor

meu nome e ze,tenho hoje 62 anos .moro numa cidade litorania no sul da bahia ,vou dispensar os pormenores e e logo ao assunto
muitos anos atras eu tinha uma vizinha q tinha 4 filhos e estava gravida de novo e pouco depois nasceu uma menina
eles eram pobres como eu, moravamos em casas simples e nao tinhamos muro .era cerca de madeira seu marido era pescador e passava muitos dias fora.essa menina era uma negra e foi crecendo e nao saia la de casa sempre ia assistir televisao pois na casa dela nao tinha .ate ai tudo bem eu nao tinha nenhuma malicia pois minha mae era madrinha dessa menina
q vou chamar aqui de marta.eu na epoca tinha 22 anos e ela 7.em uma tarde de muito calor eu estava na sala assistindo tv e ela entra e senta em um sofa na minha frente ate ai tudo bem ,mas minutos depois olho pra ela e vejo ela com um olhar fixo na tv e as pernas abertas e sem calcinha,nessa hora o juizo da cabeça de cima foi pra cabeça de baixo eu disse a ela,marta vc esta sem calcinha ela logo notou e fechou as pernas com vergonha e disse q tinha tomado banho e esquecido de vestir ,como o juizo estava na cabeça de baixo,ou seja sem juizo eu levantei abri as pernas dela e vi uma ppk lisinha e pequena e cair de boca,nisso minha mae estava na cozinha e notei q ela estava vindo pra sala e voltei rapidamente pro meu lugar tempo depois marta foi enbora;passou uns trez dias o irmao de marta me chame pra gente trocar a madeira da cerca,pois tinhamos cachorros eles entravam e começavam a brigar,fomos trocar as taboas podres q tinha e enquanto isso marta subiu e ficou sentada na cerca
terminamos o reparo;minha mae arrumou um cerviço de limpar galinha numa granja e saia as 7hs e eu ficava dormindo ela trancava a porta e jogava a chave por baixo pra mim,2 dias depois do reparo da cerca eu acordo de manha acom alguem me dizendo acorda dorminhoco e quem eu vejo no quarto,marta me assustei e perguntei por onde ela tinha entrado.ela disse pela cerca
me olhando me disse,estou sem calcinha .meu pau sbiu q chegou a dor te tao duro q ficou mandei ela sentar na cama e abri as pernas dela e vi de novo aquela ppk parecendo um bico de lampiao ,pra quem conhece sabe como e,cai de boca outra vez e nessa vez ela se contorceu e no final saiu uma babinha rala e salgadinha uma delicia,mandei ela ir enbora pois minha seus irmaos estavam em casa e poderia dar falta dela e ela saiu pelo mesmo lugar q entrou .isso continuou por uns 2 meses sempre q os irmaos e mae saia la estava ela em casa ate q um dia eu sentado no sofa ela chega e senta do meu lado meu pau subiu na hora ai eu falei ela vou te mostrar uma coisa e tirei o pau pra fora ,ela olhou com espanto e parece q ficou ipnotizada com o olhar fixo no meu pau q mede 19 cm me levantei e puxei ela pua beirada do sofa r coloquei a calcinha de lado dei uma bela chupada q ela chegou
a ficar ofegante e passei um pouco de saliva no pau e tentei
penetrar,mas era muito pequena e apertada q nem a cabeça entrava seu cabacinho mal dava pra ponta do dedo mindinho
passar
gosei gostoso e viciamos nisso e cada vez eu eu colocando sempre um pouco mais ate q a cabeça ja entrava e eu sentia seu cabaçinho ,mas ela reclamava de dor quando eu tentava passar .um dia seu pai separou da sua mae e poucos meses depois foi morar com um cara e deixou eles na casa ai foi q ela nao saiu mas da minha casa era toda toda hora um dia os imaos fora a uma festa e deixou ela sozinha ,com medo de ficar so ,ou afim de fazer sacanagem ele pediu mai pra dormir aqui .mae mandou eu dormir no sofa e dar o quarto pra ela ate ai tudo bem minha mae terminou de assisir a ultima novela e foi dormir e eu fiquei com ela na sala era quaqse 1 hr da manha e eu mando ela ir dormir
quando vou com ela la pra pegar meu cobertor eu tinha esquecido 2 cordas elasticas de amarrar coisa em garupa de bike e ela viu e me pediu pra amarrar ela na cama eu disse a ela q ela ia fazer barulho, ela disse q nao faria entao eu mandei ela tirar a roupa e assim ela o fez
sentada na cama eu tirei meu pau pra fora e mandei ela chupar sem nenhuma experiençia e chupou ai mandei ela deitar
na cama coloquei um travesseiro debaixo da bunda e amarrei os braços dela na cabeçeira da cama e cai de boca na sua bucetinha e deixei bem molhada e voltei e coloquei mais saliva no meu pau q estava a ponto de estourar,abri bem suas pernas e entrei no meio.ela se fingindo de querer se soltar eu acertei na porta da buça e forçei entrou a cabeça ai segurei a cabeça dela e tapei sua boca com a minha e forçei e entrou a metade sentir ronpendo seu cabaço ela tentou gritar mas nao pode pois estava com a boca tapada pela ninha ela estava com os olhos esbrugalhados.acho q de dor parei e fiquei quieto destapei sua boca ela falou tira ta me rasgando eu disse calma a dor vai passar logo e começei a morder de leva s orelha e bijava seu pescoçinho ate q senti ela mais relaxada terminei de colocar o resto,nossa estava muito apertado q meu pau começou a doer um pouco
voltei a tapar a boca dela com a minha e começei a fuder de leve ela gemia baixinho e poucos minutos depois eu senti minha pica sendo apertada aponto de nem entrar e nem sair ela estava tendo contraçoes e gosando nao aguentei e acabei gosando rios de porra dentro dela quando olho pra ela ,ela estava dormindo,ou desmaiada fiquei com um baita medo,mas poucos minutos depois ela deu sinal de vida e disse q estava muito fraca e tinha acontecido uma coisa q ela nao sabia oq era ,mas eu sabia ela tinha tido seu primeiro orgasmo com 7 aninhos .depois fui ver o estrago a buceta
estava aberta e com sangue e porra pequei ela no colo e a levei pro banheiro e dei um banho nela trouxe pro quarto e a deitei na cama estava tao exausta q logo dormiu e eu fui pro sofa aqui termina a primeira parte da minha historia em breve contarei como tirei a virgindade da amigunha dela !

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 3,75 de 8 votos)
Loading...