Minha puta e deliciosa esposa

Há 8 meses 6 ★ 4.60

minha esposa tem 43 anos mas devido ela se cuidar muito e mante um belo corpo parece ter 10 anos a menos , em nossas fantasias sempre inventamos que outro homem a come, marcamos uma viagem ao nordeste de férias , na semana da viagem estava-mos fazendo amor e ela no auge do prazer fala que estava louca pra dar a bucetinha pra outro homem , estava louca pra receber a gala de outro macho dentro dela , e perguntava se eu deixava ela foder com outro e , confesso essa conversa exitou e muito a fazendo gozar e me levar a um gozo delicioso.
Viajamos e no hotel ela estava espetacular , colocou um bikini muito pequeno praticamente estava nua , ver ela desfilar na beira da piscina me deixou louco e principalmente em ver os outros homens a devorando com os olhos, e a noite ela me dá um sexo espetcular e novemente pede que eu deixe ela dar a buceta a outro e eu louco de tesão falo que a lberava, e gozamos muito .
No dia seguinte fomos fazer um passeio a uma praia distante e na praia ela não passava desapercebida , o guia não tirava os olhos dela e com razão , na hora do almoço todos perto da barraca pra comer , ela me chama de lado e me beijando e mordiscando minha orelha fala que estava louca de tesão , mas quando eu ia pensar em algo ela me pergunta se o nosso cominado estava valendo , senti uma porrada na boca do estomago e concordei mas perguntei porque? e ela falou que o guia estava dando em cima dela e ela queria trepar com ele, ela me beija e eu sai de perto e fui pra agua mas vi quando ela entra entre uns arbustos , estava louco de ciumes e de tesão, esmurrava a agua de raiva , mas aproveitei a solidão e me masturbei , fiquei sentado na areia molhada uns trinta minutos , quando senti ela me abraçando por trás , e eu perguntei se ela tinha se realizado e ela me beijando a nuca fala que foi uma loucura se entregar a outro homem ali na praia., fiquei zonzo mas sentia um tesão enorme a ponte de quando entramos em nosso apartamento a jogo na cama e arranco sua canga e biquini e ela pedia calma e me beijava alucinada e a penetro de uma só vez ela grita e fala que eu não a estupre, entrava com força e sentia o cheiro de outro macho nela , a ponho de quatro e a como por trás a fazendo gemer e gritar e gozamos muito, deitados ela me fala que nunca tinha tido uma trepada tão violenta mas adorou ser comida como uma puta, tinha razão e eu tambem e falo que ela aproveite a viagem pra ser uma puta pois sua liberdade terminava ali, tinha tempo até o jantar então dormimos um pouco.
Fomos jantar em um restaurante com musica ao vivo próximo do hotel e ela estava um espetaculo, um vestido solto no corpo branco que realçava o bronze , um decote revelador que mostrava seus seios sem soutiem e marcava sua bela bunda , suas coxas a mostra pelo vestido curto, ela dançava e bebia muito , e em certo momento um homem que tambem era hospede pergunta se podia dançar com ela , pois a esposa não gostava , ela me olha e eu a libero , via quanto o cara a agarrava e sentia a mesma sensação da tarde, no meio da dança ela se vira e cola o corpo no cara e me olhando sua expressao era de tesão total o cara a agarrava por trás e enhe as mãos em seus seios, um tempo depois ela volta pra mesa e me beija deliciosamente , e fala que o cara a chamou pra dar uma trepada , e eu perguntei como , ele ia fazer a mulher dormir e a encontraria na piscina , e fala que depois de ser dele voltava toda fudida pra ser do maridinho corno dela , eu quase explodo de tesão e voltamos ao hote, e a vejo ir em direção as piscinas , fico na porta do quarto mas não aguento e vou tambem , queria ver ela se entregar a outro, e vejo ela nua sentada no colo do cara que a come com força ela geme e pede que ele a foda , seus seios na boca do cara , ele fala que ela era uma delicia e a come com vontade e ela goza , eu zonzo volto pro quarto e fico no escura esperando ela voltar , escuto o barulho da porta e fico ao lado ela entra e eu a agarro por trás e ela pede que eu fique calmo , mas era impossivel sentia o perfume do cara nela , arranco seu vestido e a coloco de quatro na cama , e toco em sua buceta toda melada e inchada , e a penetro com força arrancando dela um grito de prazer e dor, ela gemia e pedia que pra não ser estuprada como foi naquela tarde , mas rebolava loucamente no pau , e quanto mais eu a chamava de piranha ela mais se exitava , e falava que era sim uma piranha muito puta , senti forçar pra entrar nela de tão inchada , e ela goza seu corpo tremia todo e ela me fala que por eu ser um maridinho especial abre seu cuzinho e fala que eu a foda , com o melado da sua bucetinha melo seu cuzinho e encaixo meu pinto e começo a forçar , a cabeça entrando devagar e ela gemendo empurra o corpo pra traz fazendo ele entrar nela ela dava pequenos gritos e entro todo nela ela enlouquece e se tocando no clitóris pede que eu foda o cuzinho da esposa puta, eu gozo em sua bundinha e ela tambem goza , ficamos deitados abraçados melados e o cheiro de sexo era enorme, e adormecemos, ela me acorda horas depois e me beijando agradece por tudo na viagem mas que dali em diante ela seria só do marido pois já tinha se realizado na sua fantasia.
Ficamos mais dois dias e nos amamos muito , e essa viagem foi alucinante pois nos encontramos como casal, mas agora ela quer me presentear e trazer outra mulher pra nossas fantasias e estou contando as horas.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,60 de 5 votos)
Loading...

6 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos

  1. Vagando

    Bela Puta!!

  2. Luis

    Também quero comer sua Esposa Puta tem como ??!!

  3. Tony Bahia

    Eu até já tentei ser Corno, mas a minha gostosa não aceita. Vou continuar insistindo com jeitinho, pois, só de pensar em ser Corno Manso, meu pau lateja e baba de tezão. Quero ajudar o roludo bagaçar a bucetinha dela, depois eu limpo ela toda.

  4. jack

    eu adoraria que a minha fosse assim tbm Tony

  5. Tony Bahia

    Delicia. Cara eu queria que minha mulher fosse uma putinha assim, só que eu gostaria de chupar a buceta dela esporrada de outro. [email protected]

  6. Jordanel

    O conto é bom, tem casos que se o marido é perdidamente apaixonado pela esposa a melhor alternativa é liberar, porque negar vai gerar uma insatisfação que vai deteriorar a relação e pode acabar em traição o que no meu ponto de vista é pior.