comi minha irmã bebada

Foi a melhor gozada que ja dei. Minha irmã é uma morena bonita, não tão alta mas tem um corpo muito lindo. tenho 19 anos e minha irmã tem 17 anos, mas por ter um corpo bonito representa ter uns 18, 19 anos por ser concentrada nos estudos vi ela com pouco namorado o ultimo tinha 15 anos e era raquitinho. Minha irmã mora no mesmo terreno dos meus pais só que fez uma casa nos fundos só para ela e minha outra irmã que tem 43 anos, sou casado e vivo em outro local. Semana passada tava deitado no sofa quando minha mulher veio com o telefone dizendo que era minha irmã e queria falar comigo.
Fui até la e minha irmã estava descornada e queria dar umas voltas a noite mas não queria ir sozinha, tentei convencer ela a não ir mas não teve jeito. dei uma desculpa para a mulher e resolvi leva-la.eu estava esperando na minha mãe quando ela veio dizer que estava pronta.
Ela estava realmente demais, usava uma camisetinha curtinha que aparecia a barriquinha sarada, metade dos peitinhos de fora, não eram muito grandes mas eram firmes e por não usar sutiã os biquinhos ficavam salientes, usava uma sainha destas de colegiais cheio de rendinha e bem curta, pedi que ela caminhasse pra mim ver e a sainha as vezes erguia e aparecia as popinhas da bunda, tava muito gostosa. Eu disse que achava que estava um pouco curta masela brincando virou as costa para mim e disse "vou usar assim" e puxou sua sainha até a cintura mostrando aquele bundão com uma calcinha de renda que mal aparecia, minha mãe xingou ela, demos risadas e saímos, damos umas voltas pelo centro e ei via que todos os homens babavam em volta. Fomos comer batatas fritas e tomar cerveja, ja passava da uma da manhã e ja estavamos bem aéreo resolvemos entrar em uma festa, entramos e minha irmã resolveu resolveu tomar samba eu segui na cerveja. Fiquei sentado tomando cerveja enquanto minha irmã dançava com aquelas popinhas da bundinha de fora, meu pau ja estava muito duro, tava na hora de irmos embora, chamei ela e fomos embora. Cheguei no carro e vi que estava muito bebado para dirigir e minha irmã estava mais bebada que eu, pegamos um taxi e fomos embora. Ela sentou do meu lado com a cabeça no meu peito, sua sainha subiu e ficou aparecendo s sua calcinha, como ela deitava sua cabeça no meu ombro não poderia ver meus olhos que fiquei olhando aquelas pernas grossa dela bem do meu ladinho. Chegamos e fomos abraçados até a porta da casa dela, entra tu não vai embora, vai dormir ai, nem carro tu tem. ela foi até a geladeira para ver se tinha algo para beber e eu ja de olho na bundinha dela, que loucura eu estava ficando louco por aquela bunda, ela veio da geladeira e disse não tem nada vamos dançar, mas estava falando toda enrolada, se jogou nos meus braços e colou seu corpo no meu, apertei ela e o calorão subindo acredito que ela tambem estava porque fui me agachando e puxando ela para o chão e ela não teve resistencia, se ajoelhamos no chão e ja fui deitando por cima dela que foi abrindo as pernas, tirei rapido meu pau pra fora puxei a calcinha dela para o lado e meti ela todo de uma só vez, ela começou a gemer alto e eu segui com estocadas fortes até gozar, devo ter gozado muito pois eu sentia que não parava mais de sair porra do meu pau e de tão exasto apagamos ali, acordamos la pelas sete horas eu com o pau murcho, mas ainda dentro da buceta da minha irmã,não falei nada levantei e fui para o banho enquanto pensava graças a deus minha imã mais velha não estava em casa senão ela teria flagrado nos dois ali. sai do banho dei um beijinho no rosto da minha irmã e disse acho que temos que parar de beber né ela só riu e disse acho que sim. Queria tanto ter ela nos meus braços de novo, se acontecer vocês serão os primeiros a saber