Tudo aconteceu naturalmente

Autor

Oi me chamo Julia, tenho 23 anos e tenho uma casa incestuoso com meu pai a 12 anos, e sou muito feliz, quando eu nasci depois de 6 meses minha mãe desapareceu no mundo, a ultima noticia que ela deu está na Itália.
Mais vamos aos fatos, fui criada por minha avó paterna e meu pai, meu pai montou uma loja de informática na sala da casa de minha vó, como meu pai era muito presente e minha vó já de idade avançada era ele quem cuidava mais de mim, me dava banho me vestia e me levava para a escola de manha, a noite sempre contava estória pra eu dormir, e eu dormia no mesmo quarto de papai, em minha caminha, o tempo foi passando e fui ficando mocinha, aos oito anos quando papai me banhava e lavava minha pepequinha eu já sentia uma cosquinha e me arreganhava toda, quando minha avó não estava em casa a gente tomava banho junto e via o muitas vezes pau do papai duro, mais pra mim tudo normal. Quando fiz anos minha vó veio a falecer, foi um momento difícil para nós eu era muito apegada a minha vó e foi ai que nossa intimidade cresceu, certa noite eu sonhei com minha vó e fiquei com medo, e pulei pra cama de papai dizendo que tava com medo e me aconcheguei nele ficando na sua frente fazendo ele me abraçar e dormimos de conchinha quando acordei de madrugada papai estava de pau duro na regada de minha bunda, eu sentia uma sensação tão gostosa que forçava minha bunda para trás, nessas forçadas papai acordou e se afastou. No outro dia ele exigiu que eu dormisse em minha cama mais de madrugada fui deitar com ele, o tempo foi passando e papai reformou o quarto que era de minha avó e disse que eu ia ficar no nosso quarto e ele ia para o quarto que era de vovó nesse tempo eu estava completando 11 anos e papai também deixou de tomar banho comigo dizia que eu já era uma mocinha e tinha que saber tomar banho.
Papai mudou para o quarto que era de vovó que por sinal ficou lindo com uma central de ar o quarto que fiquei tinha um ar condicionado que eu tinha que levantar para deligar. Com isso eu saia do meu quarto de madrugada e ia deitar com papai, certa noite papai saiu com um amigo e chegou meu alto me abraçou disse que ele só tinha a mim e que sempre ia cuidar de mim, nessa noite disse pra ele ir tomar banho ele disse que depois, eu a peguei pela mão e levei pro banheiro, deixei ele no banheiro e fui buscar a toalha, quando voltei ele estava nu debaixo do chuveiro de costa pra mim, então e tirei minha roupa e entrei com ele quando ele viu tomou um susto, ficou olhando pra mim me molhar pedi pra ele passar o shampoo em mim, meios peitinho já grandinhos e minha bucetinha já com pelinhos, papai começou a passar o shampoo em mim e o pau dele começou a crescer ficando do como pedra, eu procurava agir com naturalidade mais estava doida de vontade de agarrar o pau dele, papai me passou o shampoo e me empurrou pra debaixo do chuveiro e ficou passando a mão em mim para tirar o sabão e foi descendo com a mão para minha bucetinha e eu abri logo as pernas e ele lavou bem minha bucetinha e eu fiquei nas nuvens, papai entrou no chuveiro e eu aproveitei para passar a mão nele em gesto de limpeza ele virou de frente pra mim e não tive duvida passeia mão no pau dele, ele levantou a cabeça e deixou a agua cair no rosto enquanto eu alisava o seu pau, fechou o chuveiro me deu um selinho na boca e disse “obrigado pelo banho” respondi foi você que não quis mais tomar banho comigo, parece que você está me expulsando de sua vida aos poucos, deixou de tomar banho comigo deixou de dormir comigo daqui a alguns dias você vai mandar eu morar em outra casa. Ele disse “nunca filha te amos muito mais não podemos viver assim” eu disse por que não? ele falou que se os outros soubesse ele poderia ser ate preso. Respondia a ele que não se preocupasse que nossa vida dentro de casa era só nossa e não precisava minguem saber. Nessa noite eu dormi no quarto de papai e dormimos de conchinha e de madrugada acordei com o seu pau em minha bundinha, aproveitei para passar a mão e agarrar gostoso no pau dele. Desse dia em diante passamos a tomar banho juntos e a dormir juntos mais nada de sexo, foi o período de minha primeira menstruarão, papai me chamou e me disse que a partir daquele dia eu já poderia engravidar e me falou um monte de coisa que eu já sabia.
Nessa mesma semana eu vi no Celular de minha amiga um vídeo de uma menina novinha chupando o pau de um cara mais velho e o cara chupando a bucetinha dela. A noite quando fumos dormir perguntei a papai porque ele nunca chupou a minha bucetinha, papai disse que não podia fazer isso, eu disse que eu queria tanto e contei do vídeo, disse ainda que a menina parecia estar gostando muito por isso eu queria que ele fizesse comigo e que também eu queria chupar o pau dele, papai disse vou pensar depois te falo…..
Continua

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 5,00 de 2 votos)
Loading...