Espiando a cunhada de 14 anos no banho

Autor

Sou casado e a vida sexual de alguns casais depois de um tempo se torna um verdadeiro sacrifício.

Quem e casado e passa ou já passou por isso sabe bem como e, o sexo já não dá mais o tesão que antes dava.

Pois bem comigo foi exatamente o que aconteceu foder a minha esposa já não era tão prazeroso.

Era difícil até para gozar ela sempre chupava meu pau eu chupava a buceta dela meu pau ficava duro mais para gozar era difícil mais sempre estava ali de prontidão para o ato sexual até mesmo porque não iria negar fogo mais que era difícil era.

Ai que entra a a minha cunhada Fernanda uma garota de 14 anos muito gostosinha morena clara seios médio redondinhos durinho não que eu tenha tocado mais pelo o que vi eram sim bumbum médio redondo uma delícia de ninfetinha.

Ela as vezes vinha dormi em nossa casa sempre dava umas olhadas disfarçadamente claro com o canto do olho ou as vezes ela de costas e ninguém olhando ai dava aquela observada maior na bundinha dela nunca descaradamente.

Em uma destas vezes que ela veio dormi em nossa casa eu pensei em tentar espiar ela no banho pois minha casa e alugada e na porta do banheiro tem duas fechaduras uma daquelas antigas uma com um tipo de chave fina e na ponta achatada aqueles modelos antigo mesmo e outra fechadura normal estas de hoje mesmo.

Quando eu tive esta ideia não deu para por ela em pratica no mesmo dia e na verdade em várias ocasiões em que ela veio dormi aqui não deu para colocar o plano em pratica quando ela ia para a minha casa não tinha chance de espia-la com minha esposa ali em casa seria difícil e lógico ela não iria me deixar sozinho com minha cunhada em casa isso seria um sonho para muitos homens kkkk e também minha cunhada não iria vim na minha casa para dormi se a irmã dela não estivesse aqui.

Foi então que em um belo dia ela tinha entrado a pouco tempo para o banho quando tocam o interfone era uma amiga da minha esposa chamando ela no portão vi ali na hora a minha chance surgindo eu estava no quarto jogando vídeo game quando ela me fala da cozinha que estava indo no portão pois a Thamires estava chamando ela falei com ela encosta a porta para o cachorro não entrar já fiz isso de caso pensado pois assim eu ouviria ela entrando se caso eu ainda estivesse admirando a sua irmã no banho.

Assim que ela saiu eu já fui para a porta do banheiro até diminui a minha respiração com medo que minha cunhada percebesse que eu estava ali.

Me abaixei fechei o olho esquerdo e com o direito coloquei ele no rumo do buraco da chave quem conhece esta fechadura antiga sabe que o buraco da chave sem ela ali no local e de boa para se ver por ele.

Assim que eu comecei a espia-la pelo o buraco da fechadura logo vi sua bucetinha linda não era totalmente lisa uma pena mais os pelos estavam bem aparados e somente um risco fino era apenas isso mais nada ver aquela bucetinha toda molhada me deu um tesão imenso.
Não pude deixar de ver aqueles belos pares de seios nossa que coisa mais linda que vi até hoje, redondinhos bicos pequeno bem firmes e u estava com muito tesão não teria como ser diferente.

Fiquei vendo ela se molhando debaixo do chuveiro em seguida ela vira se para pegar o sabonete e neste momento pude ver que bela bundinha redondinha lisa ela tinha, era uma moreninha clara muito gostosa.

Continuei ali admirando aquela deusa e também ligado no barulho da porta para quando minha esposa voltasse enquanto ela não retornava eu continuava ali vidrado, ela começa a se ensaboar todinha nossa que visão maravilhosa ver ela completamente nua se ensaboando eu estava a ponto de explodir de tanto tesão não só por esta ali a vendo completamente nua mais também pela adrenalina de saber que a qualquer momento minha esposa estaria de volta.

Para a minha sorte não perdi nada nem um minuto de seu banho pois a vi tomar seu banho sem a minha esposa ter voltado assim que ela terminou que desligou o chuveiro eu já sai dali com meu pau até babando e fui para o quarto.

Assim que ela saiu perguntou se a irmã dela já tinha voltado eu disse que não que estava lá no portão ainda ela então foi até a irmã dela e um tempo depois as duas retornaram.
Neste dia o sexo com a minha esposa começou a ficar mais interessante. Continua…

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 5,00 de 1 votos)
Loading...