Comi o branquinho colega de aula

Autor

Olá pessoal, a história que vou contar aconteceu há uns anos, mas que sempre esteve muito vívida na minha cabeça e até hoje me dá um puta tesão. Bom, usarei nomes fictícios pra preservar nossas identidades. Eu tinha por volta de 15 anos nessa época, estava no ensino médio e tinha um colega de sala(não éramos muito próximos) que eu tinha muito tesão. Aquele tipo branquinho, loiro, do olho azul e baixinho e fortinho, a bunda era linda, bem redondinha( era o que eu mais reparava nele). Bem, tudo até então sempre foi fantasia, nós éramos muito diferentes, eu era alto, cabelo preto e meio nerd, mas tinha meu charme. Certa vez, a professora nos colocou em um mesmo grupo para um trabalho, ao mesmo tempo que eu gostei odiei também(ele não era estudioso), mas fazer o que né. Era de 3( o trabalho). Combinei com ele de ir até a sua casa pra começarmos o trabalho. Chegando em seu apartamento, ele estava lá, sozinho, de short apenas, exibindo aquele peito e o abdômen meio definidos de adolescente, o tesão já começou aí. Fiquei um pouco desconfortável(acho que ele reparou que eu olhava muito pra barriga dele). Fomos conversando sobre o trabalho e percebi que ele tava meio disperso, meio que reparando em mim. Ele fazia umas jogadas, ficava em certas posições que marcavam muito aquela bundinha redondinha e o pau também. Até que ele propôs que saíssemos pra comprar comida, me chamou até o quarto e seu sentei( estavamos conversando sobre algo aleatorio) até que ele, quando eu menos esperava, começou a se trocar na minha frente, ficando só de cueca e eu não tive como não olhar. Até que ele disse: – Tava olhando pro meu pau é? Kkkkk
Eu: – Claro que não pow, tô vendo essa tua cuequinha aí de viado.
Ele: – Ah é? (Ele abaixou a cueca e ficou nu) Agora ficou melhor porra?
Pensei: com certeza, aquele pau( não muito grande, acho que uns 15 cm, branco, com a cabeça vermelha, duro, apontado pra mim)
Ele completou subindo a cueca devagar: – Aposto que a tua cueca que é de boiola, toda rosa kkkk.
Eu: – Quer ver? – Decidi entrar no jogo e abaixei meu short, mostrando minha cueca toda preta e o pau super duro.
Ele: – Tu tá de pau duro caralho?
Eu: – Oxe, tu também tava.
Ele: – E tu ficou por causa que eu tava?
Eu fiquei sem reação, só ri de nervoso.
Ele: – Mostra aí tua rola pra eu ver uma coisa.
Eu: – Que coisa? Kkkk
Ele: – Se é pequena mesmo caralho kkkk
Eu tirei o pau pra fora, meu pau meio médio na epoca, uns 18 cm, mas meio grosso ja e bonito, bem reto e veiudo.
Ele: – Porra, né pequeno não, maior que o do meu irmão.
Eu: – KKK valeu, mostra o teu tambem.
Ele mostrou, chegamos os paus bem próximos e fomos medir um com o outro. Fui pegando no pau dele pra aproximar do meu, eu já estava morrendo de tesão. Até que ele me beijou e eu agarrei a cintura dele. Então ele pediu que eu comesse ele. Virei ele pra tras, comecei a chupar o cu dele, que cu sensacional, branquinho e bem vermelhinho no centro. Então coloquei a camisinha e comecei a forçar o pau pra dentro, ele gemia um pouco e controlava com a mao na minha perna, até que fui forçando mais e ele começou a gritar: "caralho, meu rabo, tu vai arregaçar meu rabo porta, espera" mas não esperei, comecei a socar ele foi gemendo e reclamando. Eu ia alternando o ritmo das socadas, mais devagar pra ele aguentar, até que depois de um tempo ele falou: Vai rápido, fode meu cu todo vai. E eu fui, socando com força e urrando de tesao. Ele não parava de gemer, percebi que ele mordia o travesseiro com força. E falava como doía, mas não queria parar e pedia mais. Fui socando e socando até gozar naquele cuzinho lindo e bem apertadinho. Depois disso, chupei ele ate ele gozar e ficamos nos beijando até te a hora de ir embora. Esse foi o 1 relato, tem mais por ai, aguardem.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,00 de 2 votos)
Loading...