Aliciada ao sexo desde de criança 2

Autor

Olá como disse no conto anterior, sou abusada sexualmente desde de novinha por primos,tios vizinhos, avô e cunhado. Não esqueça de ver o primeiro conto. Eu com 8 anos já ficava sozinha em casa enquanto o restante da família ia trabalhar, tinha um vizinho que não tinha telefone em casa e sempre ia usar o nosso, o nome dele é seu João, era um senhor de 60 anos ele gostava de ir sempre que estava sozinha , ele tinha um bar e sempre que ia lá em casa levava doces e biscoitos.eu costumava ficar a vontade em casa as vezes só com calcinha e blusa. Seu João apareceu logo cedo depois que todos tinham ido trabalhar.
Bia vim fazer uma ligação e trouxe uns doces que vc gosta. Eu aceitei e ele já foi me chamando para sentar no colo dele.
Senta aqui Bia no colo do tio, sabia que vc é uma menina muito bonita, posso te dar um beijo?
Eu disse pode seu João.
Ele beijou meu rosto no cantinho da minha boca depois pediu para dar outro , levantou meu vestido e beijou meu seio e passou sua língua áspera. Eu senti cumprimentos arrepio quis sair de seu colo mais ele foi logo dizendo, boa gosto tanto de você deixa te fazer um carinho amanhã eu te trago mais doces ninguém precisa saber será um segredo só nosso promete? Mesmo um pouco assustada com a atitude do seu João eu gostei das sensações que estava sentindo e deixei ele continuar. Bia levanta um pouco meu pau está doendo princesa feira no sofá que vou te mostrar o quanto que vai ser gostoso. Eu estava sentindo seu pai na minha bunda, deitei no sofá mais antes ele tirou meu vestido , eu estava tremendo de medo é curiosidade ele passou a forçar sua língua na minha boca, chupando com força enquanto apertada meus pequenos seios que ainda estavam crescendo,abre a boquinha Bia deixa eu sentir sua língua gostosa, ainda lembro de cada palavra, depois seu João passou a chupar e morder meus seios eu queria levantar mais ele me segurava dizendo que não havia acabado de brincar, calma Bia vai ficar ainda mais gostoso, ele tirou minha calcinha e passou a mexer no meu clitóris primeiro devagar depois mais forte e com a outra mão ele batia uma punheta, ele tentou introduzir o dedo em mim mais sentir Dir e uma leve ardência e quis sair, seu João não tô gostando disso tá doendo para por favor estou com muito medo, calma via o começo é assim depois você só vai sentir prazer eu te prometo deixa eu te beijar que você vai ver que vai ficar gostoso, ele fez eu sentar no sofá , sentou no chão abriu minhas pernas e começou a me chupar ,ele mordia , lambia e ficava assoprando eu sentia algo que não sabia explicar, antes eu tentava sair mais depois eu apertava a cabeça dele na minha bocetinha, aí seu João que isso que o senhor tá fazendo é tão bom não para acho que vou morrer, ele ficou uns 5 minutos chupando minha bocetinha, quando ele viu que gozei, agora via vc vai fazer o mesmo.
Como assim seu João?
Quero que chupe meu pau bem gostoso.
Mais nunca fiz isso, calma Bia vou te ensinar, vai fazer como que estivesse chupando um pirulito não pode morder nem passar os dentes. Ele tirou o pau para fora, era bem cabeludo e grosso tinha uns 19cm com certeza não caberia na minha boquinha.
Ele pediu que abrisse a boca e passou a forçar a entrada .
Isso Bia chupa o máximo que conseguir, tá gostoso, sabia que você era uma putinha safada era só questão de tempo.
Ele forçava e eu fazia ânsia de vômito pois não conseguia colocar tudo é babava muito ele passou a bater punheta e esporrou tudo na minha cara. Que delícia hein amanhã estarei aqui de novo e vou trazer mais docinhos para você, me deu uma nota de 10 reais e me disse que não poderia contar sobre isso para ninguém. Se gostaram comentem que a terceira parte é quando ele tentou comer meu cuzinho.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,00 de 2 votos)
Loading...