Papai e filhinha

Autor

Olá, meu nome é Lilica, tenho 12 anos e irei relatar um pouco da minha vida q aconteceu há uns 5 anos.
Meu irmão e eu fomos morar com meu pai. Meu irmão é mais novo q eu 2 anos. Desde que me conheço por gente q sou bastante curiosa por sexo (que na época nem sabia do q se tratava). O fato é que eu sentia uma coceirinha na ppk, é mesmo sem saber ao certo eu esfregava no travesseiro e qndo eu tinha uns 4 anos brincava com meninos da vizinhança. Tudo na esfregação mesmo, nada além disso.
Mas como eu disse fomos morar com papai. Como ele trabalhava a minha prima (17 anos) cuidava da gente.
Lembro q um dia eu tava com preguiça e inventei q tava doente e não fui pra escola, então papai teve q ficar comigo pq meu irmão e minha prima estavam na escola (período da tarde).
Pedi pro papai comprar um picolé. Pq tava muito quente. Qndo ele saiu eu fiquei olhando o computador dele e como eu já sabia mexer achei um site q tinha uma menina massageando e chupando o pai de um homem. Apesar de nova eu já tinha celular e já tinha acesso a certos conteúdos, inclusive na TV a cabo, mas eu não entendia nada, só gostava da sensação.
Não demorou muito meu pai chegou e me pegou no fragra, só q ele não brigou comigo como eu temia.
Chupei o picolé e ele pediu um bjo gelado. Eu dei um beijo na buchecha dele mas ele disse q queria na boca, eu dei. Aí ele pediu um bjo no saco dele (assim na cara de pau) eu disse q era nojento e inventei q tava com dor de barriga e fui pro banheiro.
Acho q ele já tinha percebido que eu ficava esfregando minha ppk e q eu já era curiosa por conteúdos proibidos. Pq ele já foi direto ao ponto sem rodeios… minto, qndo ele chegou eu estava olhando algumas imagens, eu estava de vestido e de calcinha (vermelha)… não me lembro direito, mas sei que ele deitou em cima de mim com o membro duro dele na minha bundinha, mas isso foi muito rápido, ele só esfregou um pouquinho e perguntou o q eu estava vendo. Só q claro ele já sabia.
Bom mas pra não encumpridar… como havia dito, fui pro banheiro e sentei no vaso disfarçando, mas ele foi atras e pediu pra eu fazer uma "massagem no ponto dele" eu tbm recusei, aí ele disse q se eu fizesse ele me daria 5 reais (na época era muito kkk) eu mudei meu semblante e disse q ok, mas ele tinha q me ensinar.
Ele deitou num colchonete no chão e tirou o piupiu pra fora, não rifou a calça, só arreou um pouco. Pegou minha mão, colocou no pinto dele (tava qnte e inchado), me orientou como fazer os movimentos, primeiro ele ficou segurando por cima da minha mãozinha, depois me deixou sozinha. Eu tava achando muito curioso tudo isso e tava animada por q ia ganhar 5 reias rsrsrs.
Bom, eu aprendo rápido, e já estava num vai e vem quando ele pediu pra apertar mais com força… apertei com força e continuei no movimento, aí ele ficou ofegante e começou a sair algo do pinto dele. Eu, claro, perguntei o q era aquilo (pouco de nojo pois melou minha mão) ele disse apenas q era leitinho…
Bom, isso foi um pouco de como começou, claro q resumidamente.
No próximo conto como as coisas se sucederam.
Ah!! Ele me deus os 5 reias.
Acho q é fácil conquistar crianças kkkk.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,48 de 21 votos)
Loading...