experiencia anal

Autor

sou moreno 1,75, 76 Kg, cabelos castanho escuro, 45 anos. Há algum tempo passei a bulinar meu anus e ter sensações boas. Sou casado e tenho três filhos. Com o tempo comecei a viciar em introduzir o dedo no cuzinho e me masturbar. Logo comecei a achar que o dedo não era suficiente, então comprei um penis realistico e comei a brincar com ele. Mais um tempo se passou e comecei a sentir desejo de toca-lo por um penis real. Não tenho atração alguma pelo sexo masculino, então com muita relutância decidi procurar um travesti.
Em uma noite em que viria mais tarde para casa, pois tinha ido fazer um trabalho em outra cidade, passando por uma avenida no caminho de volta, vi uma linda morena que não sabia se era travesti ou mulher. Com muito receio, parei o carro e perguntei, ela respondeu que era travesti, meu coração disparou, mas pensei, essa é minha chance. Convidei-a para ir a um motel, ela entrou no carro e fomos.
Chegamos, pedimos uma bebida, conversamos um pouco. Ela era muito bonita, mulata, pele lisa, corpo muito bonito, muito cheirosa e com um papo legal, me deixou bem a vontade.
Fui relaxando aos poucos, comecei a beija-la, tinha lábios carnudos e um beijo muito gostoso. Aquilo começou a me exitar. Então ela foi tirando a roupa e eu também. Continuamos a nos beijar e logo ela levou a mão em minha bunda e começou a acariciar meu cuzinho. Aquilo foi me enchendo de tesão. Não resisti, e realizei meu desejo de pegar e manipular um penis de verdade. Logo que comecei a segurar percebi que era um pau grande e bem grosso, fiquei com mais tesão ainda. Ela disse: porque você não chupa. Com um pouco de receio, levei o pau até minha boca, então tive uma sensação muito boa, algo muito macio estava preenchendo toda minha boca, não conseguia colocar nem a metade dentro da minha boca. Mas estava delicioso chupar e lamber aquela rola negra e robusta, bem dura.
Ela perguntou: Vamos fazer um 69? Aceitei, e, aí que fui ao delírio, eu chupando aquelo pau maravilhoso e ela enfiando a lingua dentro do meu cuzinho.
Por fim, não resisti e pedi a ela que comece meu cuzinho com cuidado, pois até então, nunca tinha sentido nada tão grande dentro de mim.
Ela foi bem carinhosa, mas, no começo doía bastante, fui me acostumando, no fim ela colocou tudo e gozei como nunca tinha gozado antes. Maravilhoso!!! Não vejo a hora de outra experiência igual a esta. Muito bom.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 5,00 de 1 votos)
Loading...