# #

Antes de ser minha Esposa, ela era Putinha II

1695 palavras | 10 |5.00
Por

Olá, como vcs sabem, minha Esposa antes de se casar comigo, morou com um cara, desde de mto nova, e depois de uns 3 anos juntos. Mas depois que ele começou a dar mais atenção aos amigos e a cerveja……ñ deu em outra, ela descobriu o prazer em outros braços….

E eu sempre faço ela me contar suas aventuras do passado quando estamos fazendo amor, nosso gozo é mto mais intenso…

Como falei no conto anterior ( Antes de ser minha mulher, ela era Putinha…) Jéssica ( vamos chama-la assim ) depois que o “marido” dela descobriu sua traição e a perdoou, eles mudaram do centro de vitória e voltaram para uma cidade afastada do centro, onde sua família e eu moramos.

Fizeram um casa no bairro, e para o azar do “marido” dela, foram morar de frente a casa de um dos maiores comedores do bairro….o cara tinha a fama de pegar mtas mulheres, tinha uns 3 meses que havia se separado, mas ele mas tinha outra mulher, só ñ moravam juntos ainda. Esse cara era bem de vida, tinha um belo carro, o que ajudava tbm nas suas conquista, e era conhecido na área como o cara que arrebentava na cama, fato confirmado depois pela Jéssica.

Como disse no conto anterior, Jéssica chamava atenção pela sua beleza, mas principalmente pelo tamanho da bunda, enorme e redonda. É lógico que isso logo atraiu os olhares do garanhão da casa da frente. O “marido” de Jessica continuou trabalhando no centro de vitória e por isso, saia de casa sempre por volta das 06:00h e voltava ( quando ñ ficava no bar com os amigos ) por volta das 19:00h.

Os dias foram passando e o garanhão da casa de frente, ficava fretando com Jéssica, sendo sempre gentil, perguntando sempre se ela estava precisando de alguma coisa. E Jéssica se sentido cada vez mais atraída por ele, porém tinha medo de tentar algo e ser descoberta novamente e ficar mal falada no bairro, de fazer os seus pais sofrerem ( eles ñ sabiam da primeira traição ).

Mas, como um bom garanhão, o cara percebeu que ela estava dando condições….então todas as vezes que Luiz ( vamos chama-lo assim ) saía para o trabalho, ele ficava no ponto mais alto de sua casa, olhando para a casa de Jéssica, para ver se ela aparecia na janela ou no quintal.

Jéssica logo percebeu o jogo dele, e ficou mais excitada ainda. E ñ demorou mtos dias para ela começar a aparecer na janela de camisola, andar no quintal com o shortinho de dormir sem calcinha, que deixava a sua bunda e evidencia e fazia qualquer homem babar.

Jessica me disse que o cara ficou louco com o jogo de sedução, toda vez que ela aparecia na janela ou no quintal, ela podia ver seu olhar de desejo e isso já fazia com que ela ficasse toda molhadinha….

Até que os dois se encontraram perto da padaria do bairro e ele disse a ela:

– Vc está me deixando louco, preciso ver essa maravilha de perto…

Ela deu um sorriso e continuou o seu caminho, deixando ele para trás, mas já com a certeza que estava chegando o grande momento.

No outro dia bem cedo, ela viu que ele já estava no mesmo local, e com o coração acelerado, cheia de medo e tesão, tirou a camisola, colocou o shortinho de dormir, sem calcinha, um top de academia e foi para fora! virou de costa para ele, abaixou fingindo que estava mexendo numa plantinha, e ficou alguns minutos nessa posição deixando o garanhão ter uma visão bem privilegiada do seu bundão.

Então ela se levantou, fez um pequeno sinal de “venha” com a mão e entrou, sem saber se ele compreendeu o que ela queria…

Deixou a porta aberta da cozinha aberta, que fica na parte de trás da casa e caminhou até a sala….

Então Jéssica começou a me narrar uma das transas mais deliciosa dela….disse ela:

Amor, ñ demorou 2 minutos e o garanhão já estava entrando pela minha porta e veio em minha direção e já sem dizer nada já, foi me pegando pelos braços me tascando um beijo delicioso, apertando minha bunda, me puxando para junto do seu corpo, que me fez perceber que o pau dele estava como uma tora ( assim também estava meu pau dentro dela enquanto ela me contava essa putaria no meu ouvido ). Então ele arrancou o meu top, começou a lamber meus peitos com força, com uma mão apertando a minha bunda, passava a língua no bico do meu peito, que a essa altura já estava durinho de tanto tesão…… subia com a língua até meu pescoço, beijava minha boca…..

Nisso puxou o meu shortinho larguinho de lado e enfiou um dedo na minha buceta, me fazendo soltar um gritinho de prazer……ele me masturbava fazendo com que minha buceta ficasse cada vez mais molhada, e em certo momentos tirava o dedo todo molhado e enfiava na boca dele e na minha……o tesão já não cabia mais em nós dois…..então ele me jogou no sofá, tirou meu short e pode ver o que ele tanto desejava…… minha buceta grande e carnuda, toda raspadinha só para ele!!! então caiu de boca….chupava, lambia, enfiava um, dois dedos, e eu gemendo de prazer……foi tirando seu short, e antes dele tirar a cueca, eu me levantei, e disse que agora era a minha vez….

Mordi o pau dele por dentro da cueca, cheirei e então puxei para fora….era uma pau moreno, cabeçudo, porém ñ era grande, normal……..caí de boca, lambendo, engolindo, chupando com força, batendo com ele na minha língua na minha cara….aí a putinha de outrora baixou em mim de vez…levantei e disse para ele:

Sua fama aqui no bairro é de bom de cama, será que é verdade mesmo?

Ele sorriu, tirou uma camisinha do short, me jogou novamente no sofá e meteu aquele pau cabeçudo dentro de mim….quando ele entrou todo, quase desfaleci!!! foram meses, dias desejando aquela vara e já estava metendo com o Luiz imaginando aquela vara….

Me colocou de pernas para cima e empurrava com força, e eu dizendo:

– Mete com força meu garanhão gostoso!!!

Foram varias socadas até que gozei pela primeira vez. Então ele me virou de 4 no sofá, minha bunda e minha buceta ficavam na posição certinha do pau dele…..

Deu uma lambida na minha bunda, na minha buceta, passou a língua no meu cu, que tesão!!! Então enfiou em mim de 4, socava, batia as bolas na minha bunda, dizia pra mim que eu era deliciosa, mais gostosa do que ele imaginava, que minha buceta era molhada e apertadinha….eu gemendo naquela vara maravilhosaaaaa, até que gozei como uma loba!!!

Então ele começou a pincelar seu pau no meu cu, cheio de mal intenção……foi aí que disse a ele que ñ gostava de sexo anal, o q parece ter deixado ele meio desapontado, mas continuou bombando com força, até me pedir para eu setar no colo dele, o que logo atendi com mto prazer….

Aí foi a minha vez de rebolar gostoso naquela vara, socava, rebolava, dizia que o pau dele era uma delicia, fiquei deliciosos minutos nessa posição, e já estaav estranhando ele ñ gozar ) Então virei de costa, juntei as perna dele e fiz ele urrar de prazer ( Quando minha esposa começou a contar essa parte, eu já estava quase gozando, então tirei meu pau da buceta e disse a ela, agora sua putinha vc vai engolir toda a porra do seu macho, ela sorriu e começou a me chupar….. com duas lambidas eu já estava enchendo a boca dela de porra e ela chupava com mais força até ñ sair mais nada, que delicia de gozada!!!! ) Pedir ela para continuar contando, ir até o final…

Então era como estava dizendo….

Comecei a rebolar de costa no pau dele, levantava a bunda para ele ver sua vara entrando e saindo dentro de mim, o que foi deixando ele cada vez mais louco de prazer, até que ele avisou que estava gozando…..fui socando com mais força ainda, e ele gemendo de prazer já me chamando de “minha putinha deliciosa”

Então meu garanhão encheu a camisinha de porra, nunca tinha visto tanta!!!

Depois dele gozar, eu disse:

Vc é maluco?

Ele respondeu:

Nós somos malucos e cheios de tesão um pelo outro. Mas e aí, te decepcionei?

Respondi:

Nem um pouco, sua fama é verdadeira. Então ele me beijou querendo partir para uma segunda, mas eu disse que era perigoso, meus pais poderiam aparecer.

Ele Disse:

– Espero que eu tenha outras oportunidades como essa….

Eu respondi:

– Quem sabe, né! soltando um sorriso maroto. Então, fui até a rua para ver se ñ tinha ninguém, e ele foi embora me deixando toda metidinha….

A noite meu “marido” chegou com bafo de cerveja querendo transar….tentei fugir, tive transar com ele, mas para sentir tesão naquele momento, fiquei lembrando da manhã maravilhosa que tive…na hora meu “marido” encheu minha buceta de porra, fiquei imaginado a porra do pau do meu garanhão.

Fomos dormir os dois satisfeito!

Jéssica foi amante desse cara por mais de 2 anos, tem varias putarias com ele, que ela vai me contar, com certeza! e eu relatar para vcs.

Até o próximo….

Ah, esse cara foi o único que conseguiu comer o cu dela por duas vezes, mas ele só conseguiu isso depois que contratou uma acompanhante ( garota de programa ) transou com ela na frente de Jéssica comendo o cu da menina e fez tbm as duas se beijarem e se chuparem. Assim que tiver os detalhes dessa transa, eu conto para vcs!

Até a próxima!!!

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 5,00 de 1 votos)

Por # #

10 Comentários

Talvez precise aguardar o comentario ser aprovado
Proibido numeros de celular, ofensas e textos repetitivos
  • Responder manoel

    Deliciosamente, putinha, essa Jéssica, gozei muito lendo seu conto.Dlç

  • Responder Anônimo

    kkkkkkk tu ñ vale nada!

  • Responder bigj0hn

    safadona,quero ser seu vizinho

  • Responder cesar

    Fiquei de novo de pau duro imaginando comendo sua esposa

    • Jéssica

      Hummm….rs

  • Responder MAGRAOSP

    FIQUEI DE ROLA DURA

    • Jéssica

      Vc é taradinho….rs

  • Responder paulinho1010

    delicia de conto…fiquei super excitado e nao me contive…bati duas punhetas maravilhosas…que tesão…quero conhecer vcs ok…abraço p casal….

    • Jéssica

      Adoro quando vcs comentam, me deixa excitada tbm! Bjos

  • Responder Guedão

    Tenho certeza que está querendo ver outro cara comendo sua esposa na sua frente, de preferência arrombando o cuzinho dela, se precisar de ajuda é só me chamar.