Meu namorado e meu cunhado comeram minha filha!

Autor

Pra quem não viu os meus 3 primeiros relatos cliquem no meu nome "AnaP" pra visualizar todos.
Meu namorado Jeff já está comendo mais a buceta da minha maluzinha do que a minha.. eu não estou com ciúmes pelo menos não por enquanto, pelo contrário esses acontecimentos estão me deixando louca de tesão, não apaguei o vídeo em que ele comeu a minha filhinha enquanto estàvamos sentados na mesa.. há poucos dias atrás resolvi pegar o celular dele sem que ele notasse (ele usa aquelas senhas de passar o dedo, eu já tinha visto como era a senha, olhando ele fazer), abri a galeria e vi várias fotos que minha filha manda pra ele da buceta e do cuzinho dela, tinham fotos dela mamando ele, fotos do rosto dela gozado e tinha um vídeo em que ela tava com uma calcinha minha e ele metia na buceta dela com a calcinha pro lado.. resolvi checar o WhatsApp dele e lá estava o nome da Malu como "filhinha gostosinha", vi algumas conversas deles em que só falavam putaria tipo "hoje papai vai gravar você dançando funk com a rola enterrada na xotinha" e mensagem dela "jeff a mãe tá dormindo? vem me fazer dormir também". Incrível como minha filha tão novinha já estava falando como uma mulher safada.. neste momento chegou uma mensagem do meu cunhado:

"Eai mano, vai rolar hoje? Tô cheio de leitinho pra tua filhinha safada, vou querer o cuzinho dela também, dá um jeito aí com a Ana po e me avisa"

Li a mensagem e na mesma hora larguei o celular, fui pra sala e o meu namorado logo veio olhando o celular e sorrindo, Malu chegou da escola e já foi direto pro colo dele ficar brincando de fazer "cócegas" e olhando alguma coisa no celular do Jeff. Eu tive uma ideia e falei que não tava me sentindo bem e que iria dormir cedo, um pouco mais tarde passei na farmácia e comprei aqueles remédio tarja preta pra dormir e cheguei mostrando pro meu namorado que quase não escondeu a animação. Passou algumas horas eu disse que ia deitar e fingi tomar o remédio, maluzinha estava tomando banho e meu namorado parecia bem atencioso ao celular, lhe dei um beijo e fui para o quarto, depois de mais um menos uma hora vi que minha filha veio no quarto ver se eu estava dormindo e até tentou chamar "mãe?", nem me mechi.. passou-se oque pareceu uns 30 minutos e ouvi barulho de carro, era meu cunhado.. em um certo momento comecei a escutar uma leve batida de funk e me empenhei em ir espiar sem ser vista, fiquei em um canto privilegiado onde não dava pra ser vista mas conseguia ver claramente minha filha rebolando de calcinha, para os dois que estava sentados com a rola pra fora já, meu cunhado puxou a maluzinha pra ele e começou a passar o pau na buceta dela, ouvi o comentário "já tá ficando um bucetão gostoso hein Jeff" e minha filha rebolava naquela rola enorme do meu cunhado enquanto ele puxava o cabelinho dela, meu namorado levantou e enfiou o pau na boca dela, os dois trocavam de posição, ouvi meu cunhado dizer que agora ia comer o cuzinho da sobrinha, vi ele tirando a camisinha e jogando no chão, ele tava comendo o cuzinha da minha filha sem camisinha, eu já estava com a mão em minha buceta com aquele som do saco batendo na bunda da minha filha e aquele cheiro de sexo no ar… meu namorado deu dois tapas na cara dela, enquanto ela estava tomando no cu pelo meu cunhado, engolia o pau do meu namorado e parecia fazer isso melhor que eu pois ele ria de tesão, até que meu cunhado parou e jogou no sofá provavelmente gozou tudo no cozinha da maluzinha e meu namorado ainda não tinha gozado, meu cunhado se levantou eu corri sem fazer barulhos pro quarto já estava toda melada mas acho que não era o suficiente, notei que alguém entrou no quarto pois estava de olhos fechados e foi deitando na cama.. ergueu levemente minha camisola e gozou em minha bunda.. eu quase não me controlei naquele momento, em seguida senti uma cabeça de pau melada passando em minha boca, quando não senti mais abri um pouco os olhos e vi o jeff meu namorado saindo do quarto… antes de dormi gozei novamente com o que tinha acontecido ali. No outro dia como sempre as coisas pareciam estar indiferentes, mas maluzinha não estava andando direito, estava meio devagar, deve ter pensado que era fácil dar o cuzinho.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 4,63 de 8 votos)
Loading...