Meu Priminho

Autor

Primeiramente, gostaria de avisar que sou um leitor deste site a muito tempo…
Meu nome é Gilmar, tenho 24 anos e moro em Feira de Santana..
Tudo aconteceu a mais ou menos um ano atrás, em uma das minhas idas a casa de meus parentes que moram a poucos km de me.
Tenho um primo meu, que vou chamá-lo de Rick, que tem 10 anos, desde que nasceu sempre foi um jóia rara e muito bem vigiado pelos país. Com o passar do tempo, minha tia se separa de seu esposo devido ao problema dele com o álcool, nisso resolve se mudar para da casa de meus avós. Como de costume, em todas as festas juninas, tiro sempre uns dias no trabalho para ir ver meus familiares e matar a saudades de alguns amigos de fiz ao longo do tempo na cidadezinha. Ano passado ao ir a casa de meus avós, vejo minha tia e vou direto ao seu encontro saber mais sobre as coisas e como tem andado, nisso me surge Rick meu primo de 10 anos, quase cair de costas quando vejo como aquele garoto lindo tinha mudado (pra melhor) e em instantes já fiquei de pau duro. Logo tento disfarçar e sair, para que não vejam como fiquei ao ver aquele menino. No decorrer do dia tudo indo de acordo as minhas espectativas para os eventos que estavam ocorrendo na região, fui direto ao banheiro pra tomar um banho e me arrumar, porém o mesmo estava cheio e com uma fila para tomar de alguns parentes para tomar banho, daí tive a louça ideia de tomar banho no quintal de casa e para minha infelicidade, ao seguir caminho acabo furando o pé com um prego, por sorte do destino, avisei que não iria mais a porra nenhuma de festa….Nisso minha tia meio alegre, falou para Rick ficar, já imaginei putaria…rsrsrs, segue o fluxo e todos vão direto para a festa e Rick vem direto me perguntar o que iríamos fazer de bom. Em um impulso, já falei que iríamos fazer, muita sacanagem…..e de repente, vejo o sorriso na casa do moleque. Fui deitar na rede da varanda e deixei ele dentro de casa no sofá assistindo dvd da invocação do mau e passa 10 minutos ele vem correndo deitar comigo dizendo não querer mais ver o filme….tentei manter ele lá dentro pois, já estava de pau duro vendo vídeos no celular ( que por sinal, tem muitos vídeos), mais de tanto insistir ele deitou comigo e ficou meio paralisado ao sentir, mais deixei fluir de boa.
Continua…

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 5,00 de 1 votos)
Loading...