Tailândia Abaixo de 08

Tailândia país maravilhoso.
Me chamo Jones e sou cinegrafista de uma grande rede do rio grande do sul.
Tive a oportunidade de viajar para vários países mas nem um me surpreendeu tanto como a Tailândia.
Fomos eu e mais duas pessoas.
O repórter e o operador de áudio chegando na cidade de kuri começamos a filmar e fazer a matéria.
Sempre tive uma queda enorme por meninas , quando tenho oportunidade sempre pego uma novinha salada mas nessa viajem fiquei curioso nas meninas tailandesas.
Muito jogadas e dispostas a falar ou pelo menos tentar falar com estrangeiros.
Nas filmagens sempre que podia eu tirava um tempo para filmar as pernas bandas e peito das novinhas. Depois da matéria pronta ficamos mais dois dias por lá.
Aproveitei a oportunidade para sair a noite pra curtir algo. Fui acompanhado de meus colegas e fomos a um bar tomar umas, foi lá que conheci Mity uma senhora de uns 30 anos muito faladeira mas entendida no que nós queremos. Sexo! !
Depois de alguns goles de algo parecido com cerveja Mity vai direto ao ponto, nos fala de suas meninas, claro que meus colegas só queria maiores de idade, mas eu estava atrás de meninas mais novas, bem novas, meus colega acertaram com Mity e foram pegar as suas putas, eu fiquei e tentei explica a Mity que eu queria algo mais novo mais pequeno depois de tanto explicar acho que entendeu e me levou aos fundos do bar onde tinha um barraco feio e caindo aos pedaços que tinha várias meninas sentadas em camas separadas por cortinas, Mity foi me mostrando elas e eu dizendo não porque eram "velhas" fomos indo assim até chegar mais ao fundo do barraco onde em um quarto tinha três meninas em cima a de uma cama. Nem me interessei em saber seus nomes somente as idades, uma de 12 uma de 08 e uma mais nova de 06.
Disse a ela que tô todas, acertado o valor que quase daria pra comprar um carro por lá levei as três pra um hotel cheio de baratas e mandei elas tirarem as roupas, peguei uma toalha molhei na torneira e passei nelas para dar uma limpadinha, cai de boca na bucetinha da mais nova, chutava ela toda enfiava minha língua na sua xaninha largá muito larga e fudida. A mais velha chutava meu pau e eu passava a mão em seus peitinhos deliciosos, enfiava meu pau todo na boca até chegar na goela, e olha meu cacete e grosso, não aguentando mais vesti uma camisinha e mandei ver na bucetinha da mais velha enquanto as outras duas chupavam minhas bolas e vira e mexe metiam a bucetinha na minha cara e eu chupava. Que delícia de bucetinha quente e apertadas fodi a de 12 e gozei em sua boca.
Mandei elas lamber minha porra e mandei ver na de 08 de quatro pé quanto socar naquela bucetinha e quanto ela gritava. Nossa que delicia de meninas.
Minha sobremesa foi a de 06 essa sim eu pegava pela cintura e metia no meu pau como se eu tocase uma punheta usando ela. Entrou tudo naquela bucetinha e eu socava contra meu corpo vendo em seu rosto um sentimento de dor mas não dei bola só queria saber de meter naquela putinha nova.
Que gozada. Tirei a camisinha e gozei dentro dela sem dó. Transe com elas até quase amanhecer. Devolvi elas onde peguei e voltei ao hotel onde meus companheiros me aguardavam para tomar café. Recusei só queria um banho e dar um trato no meu pau pois estava ardido de tanto foder aquelas meninas, imagina a delas como estava então! Pensei em levar meu equipamento de filmagem e voltar na outra noite pra filmar minha fora, mas infelizmente não fiz por medo de ser pego na alfandega ou pela produtora. Mas quem sabe na próxima. Espero que tenham gostado e aguardo contato de pessoas afim de trocar whats ou email para troca de vídeo ou fotos de meninas bem novas. Deixem seus contatos que eu respondo.

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 3,67 de 3 votos)
Loading...