O pai, a mãe, a filha II – Amanda uma doce menina

Continuamos o que havíamos começado na varanda tomando banho e nossos corpos nus se roçavam e carinhos indecentes eram trocados entre nós três dando vasão ao desejo que tomava conta de nossos corpos e sentidos. Sérgio realizou a fantasia de ser possuído por mim e se revelou uma fêmea completa e gozei muito gostoso com meu pau todo dentro de seu cuzinho virgem enquanto ele gozava na buceta da esposa e entre gritos e gemidos que se perdiam e se reencontravam naquele ambiente de luxúria insana atigíamos o prazer completo, bocas que se buscavam,sexos que se amavam, êxtases que se encontravam, insanos,profanos,intensos, sem definição amantes da paixão. Terminamos o banho e Ana preparou um lanche e depois fomos dormir os três na cama do casal. Acordei o sol já entrava pela janela e estava sozinho na cama ainda me espreguiçava quando a porta do quarto se abriu e Amanda entrou, tio meu pai está te chamando para tomar café ! bom dia linda, tudo bem ? tudo e você dormiu bem ? dormi sim e só então me dei conta que estava só de cueca e meu pau fazia um volume que Amanda não deixou de ver com seus olhinhos curiosos ! Amanda ainda vestia a camisolinha com a qual havia ido se deitar na noite anterior e não pude deixar de olha-la por inteiro me prendendo em seus pequenos e lindos seios cobertos com o fino tecido. Vou escovar os dentes e lavar o rosto e já vou tomar café ! me dirigi ao banheiro e não me preocupei em fechar a porta pois pensei que Amanda havia saído do quarto ! dei aquela mijada matinal e quando me virei para a pia vi que Amanda estava sentada na cama e me observava, com certeza ela tinha visto eu mijando ! fiz a minha higiene matinal escovando os dentes e lavando o rosto e quando saí do banheiro para vestir uma bermuda que estava na minha bolsa no canto do quarto notei que Amanda não tirava os olhos do volume da minha cueca ! Puxei conversa elogiando a sua beleza no auge da adolescência ! você é uma menina muito linda, já tem namorado ? obrigado tio eu fiquei com um menino da escola numa festa mais não gostei dele não e terminei ! porque não gostou dele ? kkk ele não sabia nem beijar ! e você sabe ? acho que sei kkkk k ! sabe mesmo ? vem aqui ! Amanda se levantou e veio até onde eu estava e eu passei a mão em sua cintura puxando-a para junto do meu corpo e busquei sua boca mordendo com meus lábios seus lábios carnudos e acariciando-os com minha língua ! falei olhando dentro de seus olhos me dá a língua ! ela colocou a língua para fora que passei a chupar levemente e deixei que minha língua acariciasse a sua e suguei seus lábios e não pude deixar que minha mão subisse até seus pequenos seios que acariciei e comprimi meu corpo contra o dela esfregando levemente meu pau contra seu sexo coberto pela calcinha da camisola e senti sua mãozinha apertando meu pescoço. Suguei seus lábios mais um pouco e minha língua passeava pelos seus lábios de menina que mantinha seus olhinhos fechados. Nossa tio você beija bem ! gostou ? muito kkk, se quiser outra hora podemos repetir ! quero sim ! ta bom mais agora vamos tomar cafè ? vamos ! Acabamos de tomar café e Sérgio falou que ia até a cidade que queria comprar carne,refrigerante e algumas cervejas para fazer um churrasco ! Amanda me chamou para ir dar comida para as galinhas e me pegando pela mão nos dirigimos para o fundo do terreno onde havia um galinheiro grande, e uma pequena horta, e várias árvores frutíferas e também um pequeno quartinho para onde nos dirigimos para pegar a comida das galinhas que passeavam pelo quintal depois que amanda abriu a porta do galinheiro. Tio vem ver os meus coelhos ! entrei no quartinho seguindo Amanda e ela me mostrou um cercado onde estava um casal de coelhos ! já tiramos várias crias agora a luna está grávida novamente, olha como ela está barriguda kkk ! está mesmo ! vem cá menina linda que o tio quer beijar essa boquinha linda novamente ! Amanda veio até junto de mim e eu abracei aquele corpinho gostoso e busquei sua boca e ficamos nos beijando e eu sugava sua língua e oferecia a minha que ela sugava também ! minha mão entrou por baixo do bustiê que ela vestia buscando seus seios que desnudei e passei a beijar e morder seu pescoço e logo minha boca descia para seus seios que passei a sugar mordendo com meus lábios seus pequenos mamilos, minha mão passeava por suas coxas e acariciei sua bucetinha por cima do seu apertado shortinho arrancando gemidos que bebi em sua boca de menina ! peguei na sua mão e levei até meu pau comprimindo junto com a minha enquanto minha outra mão buscava novamente seus pequenos seios ! Amanda apertava meu pau por cima da bermuda e eu beijava e penetrava com minha língua em seu ouvido e sentia seu corpo se arrepiar e enquanto eu sussurrava palavras de amor e carinho ! minha princesinha linda ! minha doce menina ! quer ser minha namorada ? querooooo ! o tio vai ensinar uma porção de coisas para você ! quer aprender ? quero simmmm ! -continua em Doce menina III-

Avalie esse conto:
PéssimoRuimMédioBomExcelente
(Média: 5,00 de 1 votos)
Loading...